COMUNICADO IMPORTANTE !

Saudações aos caros frequentadores do Blogue. A Administração decidiu facultar espaço para publicidade comercial neste Blogue, mediante quantias bastante acessíveis a quem quiser usufruir desta oportunidade. Os interessados deverão contactar através do gmail: issoeofim.blogspot.pt@gmail.com, a fim de lhes serem informados sobre as respectivas condições, e procedimentos. Cumprimentos a todos.

segunda-feira, 17 de junho de 2019

Existência de OVNIS e extraterrestres começando a ser aceite !

Os OVNIs e os extraterrestres já estão começando a ser aceitos
Dada a vastidão do universo, seria um total desperdício de espaço e até mesmo ilógico soaria se a ciência descobrisse que somos a única forma de vida inteligente no cosmos.

No entanto, a menos que a nossa tecnologia não seja ainda suficiente, com o passar dos anos nos aproximamos de uma realidade sem extraterrestres. Porém, durante séculos, mesmo em tempos antigos, há muitos testemunhos e evidências da existência de seres misteriosos que nos visitam.

Na verdade, muitas pessoas hoje afirmam ter tido avistamentos de OVNIs, voando no céu ou até mesmo pousos na Terra… É por essa e outras razões que acredita-se que os extraterrestres existem e são eles que pilotam os OVNIs.

No entanto, pode ser um fator fundamental: muitos cientistas acreditam que OVNIs existem no nosso mundo. No entanto, isso não significa que existam extraterrestres.

De acordo com um estudo realizado por Alexander Wendt, da Universidade Estadual de Ohio, e Raymond Duvall, da Universidade de Minnesota, chamado de “Soberania e os OVNIs”, foi argumentado que, possivelmente, a sociedade não está pronta para aceitar a existência de uma espécie diferente, muito menos uma que seja superior. É por isso que a maioria da sociedade simplesmente se limitada à possibilidade de OVNIs, mas não de extraterrestres.

O artigo menciona que os OVNIs nunca foram sistematicamente investigadas pela ciência ou governos, porque supõem-se que sejam de origem extraterrestre. Mas, na verdade, isso não é realmente conhecido. Mas o que faz um OVNI tão intrigante é a possibilidade de que seja ocupado por um alienígena.

O mistério pode ser explicado pelos imperativos funcionais da soberania antropocêntrica, que não pode aceitar uma exceção OVNI ao antropocentrismo.

A premissa parece interessante, embora não confirme de forma conclusiva a existência de extraterrestres, e isso não significa que as principais instituições aceitaram a possibilidade dos OVNIs. Mas, em si, é um passo importante para a plena compreensão e, possivelmente, encorajar mais instituições para levar os estudos alienígenas mais a sério.

Mas graças ao apoio acadêmico e teórico, o estudo da existência de extraterrestres e OVNIs começou a receber o reconhecimento sério que merece da mídia.

O New York Times é uma das mídias que mais cobriu o assunto…

Fonte: https://www.ovnihoje.com/2019/06/17/ovnis-e-os-extraterrestres-estao-comecando-a-ser-aceitos/

domingo, 16 de junho de 2019

Apagão atinge toda a Argentina e Uruguai, deixando milhões sem energia !

Apagão atinge toda a Argentina e Uruguai, deixando milhões sem energia
De acordo com notícia publicada no site G1, o governo argentino disse que houve um colapso no sistema às 7h07 deste domingo. O governo também disse que o reestabelecimento do serviço levaria horas.

A enorme falha que ocorreu nos sistema de interconexão elétrica afetou “toda a Argentina e o Uruguai”, foi afirmado esta manhã a Edesur Argentina, que é a empresa de distribuição de energia daquele país.

Segundo a Edesur, a falha também afetou o Paraguai e o sul do Brasil, mas até agora, segundo a notícia do G1, as autoridades não detectaram nenhum impacto no Brasil.

Ainda segundo a notícia, por volta das 10h20 deste domingo 50 mil clientes já tinham tido seu fornecimento de energia normalizado na Argentina.

Veja abaixo o informe da Secretaria de Energia da Nação (Argentina):

A Secretaria de Governo de Energia informa que hoje [domingo] às 7h07 aconteceu o colapso do Sistema Argentino de Interconexão (SADI), que produziu um corte massivo de energia elétrica em todo o país e que afetou também o Uruguai. As causas estão sendo investigadas e ainda não estão determinadas. Já foi iniciada a recuperação das regiões de Cuyo, NOA e Comahue e está sendo aberto o resto do sistema para continuar com a recuperação total, que se estima que pode levar algumas horas.

Fonte: https://www.ovnihoje.com/2019/06/16/apagao-atinge-toda-a-argentina-e-uruguai/

Reset Global - Prepare-se com urgência, o FMI confirmou que o evento de acionador de redefinição de moeda global está a chegar !

Há mais de um significado anexado à frase Redefinição da moeda global. Uma definição padrão seria um retorno a um sistema monetário global com o qual todas as nações concordariam. A última vez que as nações se reuniram para chegar a um acordo sobre um novo sistema monetário global foi em Bretton Woods, New Hampshire. Enquanto a Segunda Guerra Mundial ainda estava acontecendo, líderes de nações ao redor do mundo decidiram por um novo sistema monetário global. Isso levou à formação de organizações globais como o Fundo Monetário Internacional e o GATT, que mais tarde se tornou a Organização Mundial do Comércio.
As nações aliadas do mundo concordaram com uma taxa de câmbio fixa que foi baseada em um padrão ouro global. O dólar dos EUA foi a moeda que as nações usaram para respaldar sua moeda sob este contrato. A razão para isso foi porque os Estados Unidos estavam na posse da maior parte do suprimento de ouro do mundo neste momento.
A América se beneficiou enormemente deste novo sistema monetário e o dólar chegou aos bancos centrais em todo o mundo. Com o tempo, deixamos o sistema de taxa fixa. Richard Nixon parou de apoiar dólares americanos com ouro globalmente em 1971. Isso ficou conhecido como o Choque Nixon. Hoje todas as principais moedas flutuam em um mercado global. Embora algumas coisas tenham mudado, ainda estamos nos remanescentes do Sistema Bretton Woods. Muitos bancos centrais ainda têm o dólar em suas reservas e continuam em alta demanda hoje.
Após o colapso global de 2008, muitos especularam que vamos voltar a outro padrão ouro. Alguns acreditam que haverá outro sistema monetário. Muitos economistas de poltrona surgiram para afirmar que algumas nações podem até basear seus valores monetários em seus recursos. A alegação é de que todas as moedas serão reavaliadas com base nos ativos dos países. Isso fará com que o ouro suba rapidamente à medida que as pessoas começarem a buscar uma cobertura de proteção contra o esgotamento dos valores monetários.
O problema com essa teoria é que existem grandes obstáculos a serem superados. Primeiro, os bancos centrais em todo o mundo precisariam concordar com isso e isso colocaria grandes restrições às suas políticas monetárias. Segundo, precisaria haver muita cooperação com governos de todo o mundo para implementar esse novo sistema ou para retornar a um sistema mais antigo. Algumas nações ganhariam com isso enquanto outras perderiam. Terceiro, as nações gostariam de preservar sua riqueza enquanto se mudavam para um novo sistema. Se a maior parte de sua riqueza é em dólares, isso representará um problema. como o FMI, a OMC e o Banco Mundial, são relíquias da era de Bretton Woods. Eles lutariam para ter um papel relevante no novo sistema.
Então, esses mesmos economistas de poltrona prevêem que o dólar vai entrar em colapso em uma noite. Eles afirmam que toda a economia global vai desabar em um dia. Isso obrigará as nações ao redor do mundo a negociar um novo sistema monetário global. Muitos citam a crise econômica de 2008 como prova de um colapso iminente. Outros reescrevem a história e inserem teorias econômicas ruins como prova.
Hoje, o Global Currency Reset se tornou uma grande teoria da conspiração que acredita que o dólar irá cair. Esta teoria proclama que as nações ao redor do mundo abandonarão o dólar. Como resultado, as pessoas começaram a se preparar para um futuro crash do dólar. Eles investem em metais preciosos, compram moedas estrangeiras, e muitos até mesmo. Essa teoria da conspiração tornou-se um grande negócio, já que muitas pessoas ganharam dinheiro vendendo vários tipos diferentes de itens relacionados à crença em um colapso do dólar durante a noite.
Este sistema de crenças tem muitos convertidos e é de natureza cultual. Parte do sistema de crenças tem suas origens nas filosofias da Nova Era, enquanto outras partes desse sistema de crenças estão ligadas à profecia bíblica. Como resultado, novos convertidos são feitos o tempo todo e as pessoas são movidas mais pela emoção e pela visão de mundo do que por serem guiadas por bons conselhos e princípios econômicos
"A verdade sobre a vinda da moeda global Reset" revela as teorias da conspiração e desmascara todas as suas crenças. Ele corrige a reescrita da história e também corrige a economia de lixo usada pelos propagandistas para recrutar mais pessoas para esse sistema de crenças. Ele fornece uma lista de fontes que ajudarão o leitor a fazer sua própria pesquisa e chegar a suas próprias conclusões.
SINAIS DA RESTAURAÇÃO FINANCEIRA GLOBAL COMEÇOU
Dr. Kirk Elliott, PhD, ThD

Depois e recessão / depressão econômica, a dívida é sempre reduzida. Nos EUA, a recessão de 2009 não eliminou a dívida, na verdade o oposto - EXPLODIU não apenas nos EUA, mas globalmente. Na verdade, a dívida tem vindo a explodir desde então e o PIB real tem estado a contrair-se de -2 a -4% ao ano em termos reais, de acordo com
O CIPS (Sistema de Pagamentos Interbancários Transfronteiriços) (iniciado em outubro de 2018), mas agora está ganhando muito impulso, agora comanda o portfólio de projetos financiados de US $ 6 a US $ 8 TRILLION, projetado para substituir o sistema SWIFT no hemisfério oriental.
MARÇO DE 2019 os chineses lançaram um novo contrato de óleo de ouro com garantia de ouro no mês que vem, como parte de sua tentativa de substituir o domínio do dólar sobre o comércio de commodities. Isso poderia significar o fim do comércio de petróleo. Esta demanda interna para o US $ é praticamente toda a demanda que existe por ela. Com o tempo, o dólar afunda e um petro-dólar alternativo JÁ FOI FORMADO - não é preciso sequer especular.
A essa altura, todos estão cientes de que as nações do BRICS e a coalizão formarão uma união baseada na força para combater o clima do oeste. O BRICS 2.0 é esse movimento em esteróides. O ouro é uma das últimas commodities controladas pelo Ocidente (NY e LONDON). Esta iniciativa irá co-alinhar as nações do BRICS para substituir isso também. Esta é a minha opinião não é uma coisa ruim, já que Londres tem permitido shorts curtos em contratos futuros de metais por um longo tempo, limitando assim o crescimento através da manipulação. As pessoas que possuem ouro e continuam a adquiri-lo devem se beneficiar SURPREENDENTEMENTE como um verdadeiro mercado será estabelecido sem a supressão manufaturada dos preços. Infelizmente, para nós, americanos, este é sobre nós. Nossos reguladores permitiram que a manipulação acontecesse e as pessoas buscam verdade e transparência. Este é outro prego no caixão do domínio financeiro dos EUA. 
LISTA DE POTENCIAIS EVENTOS CHAVE

MUITOS MUDANÇAS DE JOGO GLOBAIS MUITO SÉRIAS

Falha do Deutsche Bank, falar de reestruturação, com ruptura do complexo derivativo
Colapso do sistema bancário italiano, completo com inúmeros corredores bancários
Moeda soberana italiana anunciada como nova moeda Lira na saída da UE
London Metals Exchange lança contratos de metais baseados em RMB
COMEX & LBMA rompem com o controle perdido da integração com petróleo e moedas
Lançamento formal da Gold Trade Note no topo dos contratos da Shanghai G-O-R
Vendas de petróleo da Arábia Saudita em RMB para a China, adotadas por outros árabes e outros asiáticos
Londres vira para o leste, com o desenvolvimento do RMB Hub, após sua afiliação ao AII Bank 

RUPTURA DE IMPACTO PROFUNDO 

Floreios de plataformas não-USD, lideradas pelo design e esforços chineses
Alemães e franceses acabam formalmente com sanções russas, mudando assim
Sistema de transações bancárias do CIPS ganha adoção mais ampla, mesmo entre os países ocidentais
BRICS Gold Platform anuncia conversão de títulos soberanos em ouro
China pré-anuncia Yuan apoiado em ouro em forma de conversível Gold Trade Note
China anunciou Yuan apoiado por cesta de moedas, ouro, outras commodities
Introdução de uma nova cesta SDR do FMI que inclui ouro, petróleo bruto e ferro
UE abre portas para pagamentos em euros no comércio externo com parceiros comerciais
Os mercados emergentes se rompem com a inadimplência da dívida, devido à crise cambial
Fraturas da OTAN a céu aberto e UE persegue segurança militar independente
Após a redefinição e a crise de abertura, é provável que a alocação de recursos se torne uma questão importante. A produção de bens em larga escala, vista hoje, jamais poderá retornar se as elites seguirem seu caminho. Isso criará uma falta perpétua de fornecimento (por design). Os únicos métodos para lidar com a perda de produção em nível industrial seria encorajar a produção localizada em todas as comunidades, ou forçar as pessoas a reduzir seu padrão de vida e a demanda ao extremo. As elites certamente pressionarão pelo último.
A produção localizada em todas as comunidades mataria qualquer meio de controle financeiro que os globalistas pudessem ter sobre uma população. Na verdade, acredito que eles tentarão tornar impossível qualquer produção local, primeiro por meio de uma taxação tão alta que apenas as maiores corporações ainda sobreviventes possam se dar ao luxo de operar e, segundo, pelo confisco de recursos brutos necessários para fabricar mercadorias em uma escala crescer riqueza para uma comunidade. O governo alegará que tais recursos devem ser administrados pelas autoridades para o bem de todos, em vez de serem “desperdiçados” por empresas independentes na “busca de riqueza pessoal”. Você nem verá crianças dirigindo barracas de limonada, muito menos pessoas comuns. operando pequenas fábricas, fazendas e frentes de lojas.
Eventualmente, eles também terão que limitar ou proibir as moedas alternativas e escambo para que a economia digitalizada funcione. 
Através de tudo isso, pessoas corajosas se levantaram para a ocasião. Alguns são bem-sucedidos e outros não, mas ainda não vivemos em uma Nova Ordem Mundial, e isso está dizendo alguma coisa. Hoje não é nem de perto tão terrível quanto o amanhã poderia ser se não agirmos de acordo.
A redefinição globalista precisa de um gatilho, uma crise que admitidamente não temos a capacidade de evitar. Mas a redefinição também depende das pessoas certas para reconstruir o sistema depois que a crise se desenrolar. Aqui é onde o futuro pode ser determinado. Quem ficar de pé após a salva de abertura terá uma escolha: se esconder e esperar pelo melhor, ou lutar pela posição de escolher quem construirá amanhã. Será a cabala globalista psicótica, ou serão pessoas livres de consciência? Pode não parecer agora, mas o resultado final depende de nós. 

Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.com/

Forte terramoto atinge Nova Zelândia, a 104 km de L'Esperanc !

Forte terremoto atinge Nova Zelândia, a 104 km de L'Esperanc
De acordo com dados recebidos da Rede Sismográfica Global (Iris-GSN), um terremoto de 7.4 pontos de magnitude foi registrado na Nova Zelândia, 104 km a nordeste de L'Esperance Rock, as 19h55, pelo horário brasileiro (15/06/2019). O forte tremor ocorreu a 34 quilômetros de profundidade, abaixo das coordenadas 30.81S e 178.07W, indicadas pelo mapa abaixo. Ainda não há informações sobre vítimas.

Apesar da grande intensidade, sismos que ocorrem nessa profundidade tem a maior parte de sua energia dissipada antes de chegar à superfície. Mesmo assim, quando acontecem no oceano podem provocar a formação e alertas de tsunamis.

Um terremoto de 7.4 pontos de magnitude libera a mesma energia de 94 bombas atômicas similares a que destruiu Hiroshima em 1945, ou a energia equivalente contida em 1888380 toneladas de TNT.

Fonte: https://www.apolo11.com/terremotos_globais.php?posic=dat_20190615-203931.inc

sábado, 15 de junho de 2019

Tem+estade de Meteoros - Asteroide Apophis em rotas de colisão com a Terra !!!


Fonte: https://www.youtube.com/

Possibilidade de segredo do Irão escondido nos EUA poder causar a Terceira Guerra Mundial !!!

Dois petroleiros foram atacados no Golfo de Omã na quinta-feira. Um petroleiro era norueguês atacado por uma mina magnética, o outro era um navio japonês atingido por um torpedo.
Esta é a segunda vez que os navios são segmentados. Há algumas semanas, quatro navios, incluindo dois petroleiros sauditas, foram danificados em misteriosos "ataques de sabotagem" ao largo da costa dos Emirados Árabes Unidos. Diz-se que um dos navios comerciais estava a caminho de pegar petróleo saudita para transportar para a América.
A administração de Trump acredita que o Irã ou os proxies apoiados pelo Irã são responsáveis ​​por este ataque. Especialmente, considerando as tensões entre os EUA e o Irã.
No vídeo abaixo, eu me aprofundei com o possível seria o ponto de partida para a 3ª GM. Eu também detalhe como a grande mídia está ignorando o fato de que “as células adormecidas iranianas” ainda estão vivas e bem nos EUA. E que 10.000 pessoas de países terroristas foram autorizados a circular livremente na América. 6.000 dos quais vêm do Irã.
Tudo isso e mais abaixo...
Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.com/

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Supernova - O Fim Do Mundo - Parte 1 e 2 !


Fonte: https://www.youtube.com/

Forte terramoto atinge Chile, a 79 km de Coquimbo !

Forte terremoto atinge Chile, a 79 km de Coquimbo
De acordo com dados recebidos da Rede Sismográfica Global (Iris-GSN), um terremoto de 6.5 magnitudes foi registrado no Chile, 79 km a oeste de Coquimbo, as 21h19, pelo horário brasileiro (13/06/2019). O forte tremor ocorreu a 10 quilômetros de profundidade, abaixo das coordenadas 30.04S e 72.16W, indicadas pelo mapa abaixo. Ainda não há informações sobre vítimas.

Devido a forte magnitude e a baixa profundidade em que ocorreu, este tremor tem potencial significativo de destruição e pode causar sérios danos em construções e até vítimas fatais caso tenha ocorrido próximo a locais populosos.

Um terremoto de 6.5 pontos de magnitude libera a mesma energia de 4 bombas atômicas similares a que destruiu Hiroshima em 1945, ou a energia equivalente contida em 84345 toneladas de TNT.

Fonte: https://www.apolo11.com/terremotos_globais.php?titulo=Forte_terremoto_atinge_Chile_a_79_km_de_Coquimbo&posic=dat_20190613-215010.inc

quinta-feira, 13 de junho de 2019

Asteroide 2006 QV89 pode atingir a Terra em 9 de Setembro !!!

Na próxima primavera, a Terra tem cerca de 1 chance em 7.000 de conseguir um visitante extraterrestre não convidado: o asteroide 2006 QV89.

Se for o caso, se espera que a rocha espacial atinja nosso planeta em 9 de setembro de 2019, de acordo com a lista da Agência Espacial Européia (ESA) de objetos espaciais que poderiam colidir com o planeta. Essa lista foi atualizada on-line em 6 de junho. Dos 10 objetos da lista, o QV89 de 2006 ficou em quarto lugar.

Asteroide 2006 QV89 tem uma chance de 1 em 7.000 de colidir com a Terra em setembro
Shutterstock
Comparado com o asteroide de 10 quilômetros que matou os dinossauros há cerca de 66 milhões de anos, o QV89 de 2006 é bem pequenino, medindo apenas 40 metros de diâmetro, ou o comprimento de duas pistas de boliche colocadas de ponta a ponta.

A ESA está monitorando a rota do asteroide, mas é improvável que a rocha espacial se incline para a Terra. De acordo com a modelagem da ESA, o QV89 2006 provavelmente chegará a cerca de 6,7 milhões de quilômetros ao planeta. Para colocar isso em perspectiva, a lua está a 384.400 km de distância.

Dito isto, há uma chance de 1 em 7.299 que o QV89 de 2006 atinja o planeta, segundo a ESA.

Como o próprio nome sugere, o asteróide 2006 QV89 foi descoberto em 29 de agosto de 2006; foi visto pela Catalina Sky Survey, uma organização com base em um observatório perto de Tucson, Arizona, EUA. O asteroide é, na verdade, um visitante bastante frequente em nosso planeta. Após a passagem de 2019, espera-se que o objeto sobrevoe a Terra em 2032, 2045 e 2062.
Fonte: http://ufosonline.blogspot.com/

Enorme Abismo aparece em Júpiter e NASA não sabe explicar a causa !

Enorme abismo aparece em Júpiter e NASA não sabe explicar a causa
A estranha mancha escura foi encontrada pela sonda Juno enquanto orbitava o enorme planeta gigante gasoso.

Isto parece estar sentado no meio de um ‘vórtice’ e é provável que seja bem profundo, embora suas características verdadeiras não sejam conhecidas nesse estágio.

A NASA escreveu:

O que é esse ponto negro em Júpiter? Ninguém tem certeza.

Durante a última passagem do Juno da NASA em torno de Júpiter, a nave espacial robótica fotografou uma característica de nuvem estranhamente escura, chamado informalmente de Abismo.

Padrões de nuvens circundantes mostram que o Abismo está no centro de um vórtice.

Como as feições sombrias na atmosfera de Júpiter tendem a ser mais profundas que as feições de luz, o Abismo pode realmente ser o buraco profundo que parece – mas sem mais evidências, isto permanece uma conjetura.

O Abismo é cercado por um complexo de nuvens sinuosas e outros sistemas de tempestades rodopiantes, alguns dos quais são encimados por nuvens coloridas de alta altitude. A imagem em destaque foi capturada no mês passado, enquanto Juno passou apenas cerca de 15.000 quilômetros acima do topo das nuvens de Júpiter.

Nosso belo planeta é uma enorme bola de rocha e metal coberta por oceanos que sustentam a vida e enormes massas de terra.

Júpiter, por outro lado, é um misterioso gigante gasoso envolto em nuvens que pode até não ter uma superfície para os humanos ficarem em pé.

Esses dois mundos podem parecer totalmente diferentes, mas no início deste ano a NASA divulgou imagens que mostram que alguns processos funcionam da mesma maneira em ambos os planetas.

Norman Kuring, do Centro de Voo Espacial Goddard da NASA, disse:

Ao interpretarmos o que vemos em outras partes do sistema solar e do universo, sempre comparamos com fenômenos que já conhecemos na Terra.

Trabalhamos do familiar para o desconhecido
Enorme abismo aparece em Júpiter e NASA não sabe explicar a causa 1
Esta foto mostra um florescimento de plâncton no Mar Báltico (Imagem: NASA)

Você pode não notar imediatamente a semelhança entre a Terra e o gigante de gás Júpiter.

Mas o que a NASA está apontando são ‘turbilhões’ na atmosfera de Júpiter, que parecem redemoinhos no Mar Báltico da Terra.

O “movimento dos fluidos em ambos os planetas é governado pelas mesmas leis da física”, explicou a NASA, o que significa que “um turbilhão na Terra parece muito um redemoinho em Júpiter”.
Enorme abismo aparece em Júpiter e NASA não sabe explicar a causa 2
Uma vista estonteante de Júpiter tirada pela sonda Juno (Imagem: NASA)

Kuring acrecentou:

Isso é tudo relacionado a fluidos circulando em um corpo giratório.

‘De toda a complexidade flui beleza, seja imagens da Terra, Júpiter ou sua xícara de café quando você coloca o creme de leite.

Acredita-se que Júpiter tenha três camadas de nuvens, com a imagem mais externa na imagem da NASA.

A foto da Terra mostra um florescimento de fitoplâncton verde “traçando as bordas de um vórtice no Mar Báltico”.

A NASA disse que os “planetas muito diferentes exibem padrões similares”, porque são “governados pelas mesmas leis da física”.

Fonte: https://www.ovnihoje.com/2019/06/13/enorme-abismo-aparece-em-jupiter/

Homens de Preto na biblioteca - Experiências bizarras com esses misteriosos visitantes !

Provas de que os Homens de Preto existem?
Homens de Preto na biblioteca
Diversas pessoas aqui já relataram seus encontros inusitados com esses seres bizarros… Ponto em comum: TODAS já tinham tido experiências ufológicas (a Fran – um contato direto com um alienígena; a Alice Mara que contou ter visto naves e aliens por várias vezes e o visitante Zona Livre que depois de ver um disco voador (metálico) durante o dia, da janela da casa por 8 vezes na mesma semana, viu dois indivíduos totalmente vestidos de preto na porta de sua casa.

Relato da Fran

Desci no prédio, para ir até a algum lugar para buscar algo para a família comer à noite. O carro estava estacionado do outro lado da rua (é uma rua pequena e tranquila). Quando fui atravessar a rua vi duas pessoas vindo na calçada. Um homem e uma mulher. Ele estava vestido de preto e ela tinha uma espécie de casaco longo claro, mas não distinguia os rostos deles.

Como estava meio escurecendo, eu pensei: vou deixar os dois passarem e depois abro o carro (até por uma prevenção…assalto, etc) e, fui andando mais lentamente para dar tempo dos dois passarem.

Ao olhar para os dois, novamente, para ver a que distancia estavam, os dois, simplesmente, sumiram… na minha frente. Ainda procurei olhar ao redor…eu não acreditei… como a quadra é pequena procurei olhar e esperar um pouco pois poderiam ter-se escondido. Não há naquela quadra onde eles poderiam ter entrado, eis que a quadra é quase toda tomada por um prédio comercial e seu imenso estacionamento, que aos finais de semana fica com os portões fechados e com vigilantes.

Vi um dos vigilantes na cerca e fui até ele perguntar se ele havia visto duas pessoas passarem na calçada naquele instante, bem na frente dele. Ele me disse que viu um casal passar. Ele, também, viu as duas pessoas na calçada, vindo em direção de onde eu iria e, eu olhei para eles por duas ou três vezes. Perguntei se ele havia visto para onde foram e ele me disse que não sabia, mas que deveriam estar um pouco mais à frente, pois passaram por ali. Olhei dos dois lados e, ao longo da rua não havia ninguém, e eu vi as duas desaparecerem, como se tivessem evaporado no ar.

Nossa, fiquei bem confusa. Nunca havia me acontecido algo semelhante. Dei a volta na quadra para ver se os encontrava, já que, seguramente, se passaram por ali não deveriam estar longe… nada.

Pelo que vi, de relance, o homem era careca e bem alto e a mulher tinha algo na cabeça (não consegui ver os cabelos). Era como se ela também fosse careca. Parecia usar aquelas tocas tipo de nadador, que fica bem rente a cabeça.

Relato do visitante Zona Livre:

Vi dois homens estranhos no portão, de terno. Aquele dia lembro que não estava frio, nem era verão, mas estava bem quente. Eles eram bem brancos e não suavam. Quando virei as costas pra eles, achando que eram Mórmons ou algo parecido, fui chamar a minha mãe e simplesmente a minha voz não saiu. Eu estava de costas e a minha cachorra parecia em silêncio, depois fiquei com um zumbido nos ouvidos e muita dor de cabeça, uma moleza no corpo. Quando cheguei na porta da cozinha e olhei pra trás, não tinha ninguém.

Relato da Alice Mara:

Estávamos a beira de um rio, com uma praia extensa, limpa que apesar de ser noite você podia perceber uma pessoa, vulto.

Meu marido estava esticando uma rede de pesca, como ele se preocupa de ser roubado, observou bem o local antes de esticar a rede. Subimos em uma passarela de 100 metros de comprimento, o mesmo tamanho da rede e viemos do tablado em direção a praia, no finalzinho da passarela, uns 2 metros fica uma árvore de cada lado da passarela, foi quando ouvi o galho chacoalhar muito forte. Como eu estava segurando a lanterna virei rapidamente e foquei no local do barulho, ele estava quase em minha frente.

Gritei…que susto!

Ele me falou: – Pensei que a senhora tinha me visto!

Respondi: – Como ia te ver nessa escuridão?

Nesse pequeno dialogo fiquei com o foco da lanterna sobre ele. Meu marido perguntou com quem eu estava falando, respondi que não sabia, que não conhecia ele. Nesse momento ele [o marido] pegou a lanterna de minha mão e focou no local mas, ele tinha sumido. Meu marido pulou fora da passarela e correu procurando por todo lado e nada, sumiu. Observou pra ver se tinha rastro na areia e não achou nada. Na cabeça dele só passava que podia ser alguém mas, pra onde ele foi…

Estranho que nós dois estávamos um do lado do outro, ele não ouviu o som do galho e nem ouviu a voz do “homem” e muito menos o viu.

Não seria possível ele mergulhar na água, mais ou menos uns 50 metros é raso e com certeza ouviríamos o som da água. Nessa noite, inclusive, estava sem vento, tudo estava calmo, sem barulho. Não teria dado tempo de correr para as árvores que ficam além da praia, ele estava bem perto de nós, teríamos visto.

Nos dias seguintes fizemos observações no local, tirei fotos do lugar onde ele estava, enfim, tentamos fazer uma retrospectiva do acontecido porque ficamos sem entender nada. Conhecemos os residentes próximos, as casas ficam mais distantes desse local, mesmo assim fui perguntar se alguém sabia de alguém parecido com o homem que vi. Ninguém sabia de nada.

Sinceramente não sei o que pensar, foi muito estranho, ele tinha algo diferente no falar, na postura e naquele momento eu não estava pensando em nada. Foi depois que comecei a questionar aquela aparição tão repentina, assim como seu sumiço. Se fosse uma pessoa normal teria continuado a conversa. Que motivos teria pra desaparecer assim do nada?

…Além de não ter cabelo na cabeça, ele também não tinha sobrancelhas e cílios.

Não vi nem sobrancelhas, nem orelhas, acho que meu foco foram seus olhos e nariz que eram bem estranhos.

Procurei em diversas imagens e fotos de inúmeros tipos de nariz e não encontrei nenhum que batesse com o dele. Ontem prestando atenção nesse desenho do “ser” que aparece na página do lado direito do site OH, de ” Parceiros e Favoritos ” notei uma pequena semelhança.

O nariz era fino na altura dos olhos e ficava bem largo até a boca, era amassado/achatado. Os lábios eram bem finos e não se mexiam, sua voz compassada, parecia estar em todo o local, por isso não me conformo de meu marido não ter ouvido.

Claro que não era como esse desenho, que por “estar sorrindo fica muito largo, mas lembra o formato.” Os olhos eram normais, o que chamou a atenção foi o brilho, como chispas.

Os relatos do Zona Franca, Fran e Alice Mara conferem com os de outras pessoas pelo mundo. Por exemplo, Maria, uma mexicana casada com um inglês de Cheltenham (1988), disse que começou a receber mensagens telepáticas de seres que disseram que não eram da Terra… Então um dia ela viu dois deles andando pela rua. Eles não tinham cabelo – usavam chapéus para esconder a falta dele em suas cabeças, e também pode notar que não tinham sobrancelhas. Usavam casacos pretos, acenaram a ela enquanto passavam até sumirem na esquina.

Os relatos sempre denotam algumas características invulgares, na fisionomia, sugerindo que não são humanos, além da capacidade de aparecerem e desaparecerem de repente, instantaneamente (teletransporte?). Algumas características reportadas por testemunhas também sugerem uma natureza robótica (seriam robôs enviados pelos aliens para observar ou alguma missão de contato por parte dos aliens acredito): voz metálica ou tipo robótica, andar robótico (isso foi notado pela Fran: “…eles me pareciam com um andar meio “desengonçado”, um andar esquisito…e, as roupas que eles vestiam (embora eu tenha reparado de relance, num geral), me pareciam umas roupas meio, digamos, bregas… parecia uma coisa que não se usa mais hoje em dia…”.

MIBs na biblioteca: Uma estranha mensagem

Este caso foi relatado por Jonh Keel, um dos maiores pesquisadores de fenômenos insólitos e reproduzido por Nick Redfern, um dos mais ativos investigadores sobre os MIBs (Men in Black/Homens de Preto):

No início do verão de 1967 – graças a uma apresentação feita por uma mulher chamada Jaye P. Paro, apresentadora da Babilônia, a estação WBAB de Nova Iorque – John Keel se encontrou com uma garota que tinha uma história fascinante para contar. Era uma história perturbadora também. Dada a natureza controversa do caso, Keel concordou em sempre, e somente, se referir a ela como Jane.

Como Keel observou: “Ela era uma mulher muito sensível…. Havia quase algo místico sobre sua aparência e graça.”

Na época em questão, inúmeros relatos de fenômenos estranhos estavam ocorrendo na área de Mount Misery, em Huntington, Nova Iorque, que recebeu este nome por causa de sua terra infértil e as colinas íngremes. Como a área não era propícia à agricultura, tornou-se uma encruzilhada entre as comunidades agrícolas. Estranhamente, também era uma área que parecia atrair todo tipo de atividade dita paranormal: cães fantasmagóricos, seres de olhos brilhantes e cabelos pretos rondavam a paisagem; carros misteriosos e pretos cruzavam as estradas, além dos clássicos “caronistas fantasmas” – vagavam pelos antigos caminhos, sempre à noite.

Havia ainda os OVNIs de Mount Misery, cujos avistamentos atingiram o auge nos primeiros meses de 1967. Muitos jovens, ao ouvirem as notícias no rádio, passaram a ir ao local à noite, nos fins de semana, na esperança de ver algum disco voador. Isso incluiu Jane e seu namorado, Richard.

Era uma noite particularmente fria e escura de sábado, em meados de maio de 1967, quando Jane e Richard estavam dirigindo pelas estradas de Mount Misery e quando Richard, completamente do nada, começou a se sentir mal.

Ele conseguiu puxar o carro para o lado da estrada, e logo a seguir desmaiou ao volante. Jane em pânico não sabia o que fazer. Nesse momento, uma luz branca quase ofuscante inundou o veículo, tendo se originado em algum lugar nas profundezas, quase impenetráveis, da mata que cercavam o carro.

Jane encontrou-se completamente imobilizada em seu assento por alguma força paranormal invisível. Depois ficou claro que houve um certo tempo perdido, já que a próxima coisa que o casal se lembrou foi estar na estrada, a certa distância de onde tudo aconteceu, mas não lembravam como chegaram lá.

Alguns dias depois, Jane experimentou algo que é um fator comum nos encontros com OVNIs: um telefonema estranho e um pouco perturbador. Uma voz de mulher misteriosa do outro lado da linha soou, mas Jane notou que tinha um estranho tom “metálico” – e instruiu Jane a ir à biblioteca local, pedir à equipe um livro específico sobre a história dos nativos americanos. Ela deveria virar a página quarenta e dois e ler o que estava lá.

Era um pedido extremamente curioso (na verdade parecia mais uma ordem), mas Jane se sentiu estranhamente atraída por seguir as instruções. Chegou à biblioteca no meio da manhã. Logo na chegada, notou coisas muito estranhas: não havia mais ninguém lá, a não ser o bibliotecário e a própria Jane; o edifício estava completamente vazio e o silêncio era até meio sinistro.

Quanto à bibliotecária, bem… Seu cabelo era preto, seus olhos eram “muito negros”, sua pele tinha um estranho tom amarelo-esverdeado e a sua roupa de cor preta parecia ser de um estilo fora de moda para a época.

Nas palavras de Jane, a mulher de preto estava vestida com “uma roupa antiquada, como algo da década de 1940 – uma saia longa, de ombros largos e usava sapatos baixos e que não estavam mais na moda.”

O mais espantoso de tudo, antes que Jane pudesse dizer qualquer coisa, a mulher entregou-lhe uma cópia do mesmo livro que Jane fora instruída a procurar por seu misterioso interlocutor no telefone.

Jane, inquieta, mas determinada a descobrir o que estava acontecendo, sentou-se, abriu o livro e folheou até a página quarenta e dois. Ao fazê-lo, a escrita na página mudou de grande para pequena e vice-versa várias vezes.

De maneira surpreendente, a escrita fez outra coisa: transformou-se magicamente em uma mensagem. Jane foi capaz de lembrar toda a mensagem – palavra por palavra – algo que sugeria que a mensagem havia sido subliminarmente implantada em sua mente:

“Bom Dia amiga. Você foi selecionada por muitas razões. Uma delas, é que você tem certas características mentais apropriadas. Através delas, faremos contato. Eu tenho mensagens sobre a terra e seu povo. A hora está definida. Não tenha medo. Eu sou um amigo. Por motivos conhecidos por nós, você deve informar esse contato a uma pessoa confiável. Quebrar este código é quebrar o contato. Prova deve ser dada. Notas devem ser mantidas sobre isso. Fique na paz.”

Jane levantou-se da cadeira e fechou o livro. A mulher misteriosa já não estava mais ali. Jane estava sozinha em uma biblioteca silenciosa e deserta. Compreensivelmente, ela desandou a correr apavorada até sair da biblioteca sem olhar para trás.

Fonte: Nick Redfern – Mysterious Universe.

MIB na Biblioteca: Caso 2

Peter Rojcewicz é um professor de humanidades e folclore na Julliard School, em Nova Iorque, que também leciona na Fundação CJ Jung de Psicologia Analítica.

Um dia, em 1980, ele estava na biblioteca do campus da Universidade da Pensilvânia atrás de um livro sobre UFOs. O livro tinha sido recomendado a ele por um colega que achou que Rojcewicz, como folclorista, poderia se interessar.

Em certo momento Rojcewicz viu, pelo canto do olho, alguém perto dele, com uma calça preta enrugada e um sapato preto.

Ele olhou para cima e viu um homem com quase dois metros de altura diante dele. A figura estava vestindo um terno preto. A camisa do homem era branca brilhante, quase igualando sua palidez mortal.

Sem ser convidado, o homem sentou numa cadeira ao lado de Rojcewicz e perguntou o que ele estava fazendo.

Rojcewicz respondeu que ele estava vendo um livro sobre UFOs. O homem perguntou se Rojcewicz nunca tinha visto um OVNI, e o professor respondeu negativamente.

O homem, então, pediu a Rojcewicz se ele acreditava que os OVNIs eram reais. Rojcewicz respondeu que ele realmente não tinha uma opinião formada e que, depois de ler o livro, ele percebeu que não tinha muito interesse no assunto.

O homem de repente gritou, “discos voadores são o fato mais importante do século e você não está interessado?”

Então ele se levantou desajeitadamente, da mesma forma como parece ter tido dificuldade para se sentar e colocou a mão no ombro de Rojcewicz, dizendo calmamente: “Mantenha o foco”, e com isso se despediu.

Assim que esse homem estranho foi embora, Rojcewicz foi tragado pelo medo. Ele acreditou que tinha tido uma experiência verdadeiramente paranormal, e a ideia o aterrorizou.

Ele deu uma caminhada em torno da biblioteca na tentativa de refletir melhor. Estranhamente, ele não encontrou uma alma viva no edifício. Embora fosse um horário normal, e o local sempre tivesse muitas pessoas. Ele voltou para onde estava sentado, absolutamente confuso. Uma hora mais tarde, ele se levantou para andar pela biblioteca novamente. Desta vez, tudo parecia ter voltado ao normal.

Foi só mais tarde que Rojcewicz ouviu falar de MIBs. Desde então se tornou uma das maiores autoridades sobre o assunto…

Os Homens de Preto têm, para mim, evidente conexão com os aliens e OVNIS. Então se você já teve alguma experiência ufológica mais intensa não é impossível que receba visitas como essas. Se você ainda é uma daquelas pessoas que vai a uma biblioteca (coisa cada vez mais rara acredito) olhe para o seu lado. Talvez um MIB esteja te observando….

Fonte: https://www.ovnihoje.com/2019/06/13/homens-de-preto-na-biblioteca/

Saiba exactamente o que diz o documento sobre o maior vazamento OVNI do século !

Saiba exatamente o que diz o documento do "maior vazamento OVNI do século"
O vazamento mais significativo de documentos relacionados aos OVNIs em muitos anos acaba de ocorrer, e as pessoas estão começando a falar sobre isso. Alguns até chamaram isso do vazamento sobre OVNIs mais significativo de todos os tempos. O que está claro é que isso é muito importante. A conversa pública que vamos ter sobre esses documentos está apenas começando, e não há dúvida em minha mente de que continuará até o final deste ano e nos próximos anos. Ou até que seja superado por algo ainda maior.

Estou falando sobre os documentos do almirante Wilson. Estes são em relação a Thomas Ray Wilson, um homem com longa e distinta carreira na Marinha dos EUA. Wilson foi diretor da Agência de Inteligência de Defesa de 1999 a 2002, e antes disso atuou como Diretor de Inteligência para a equipe do Estado-Maior e Diretor Adjunto de Inteligência para o Estado-Maior. Esta posição é conhecida como J-2, e Wilson manteve essa posição de 1997 a 1999.

O básico do que estou prestes a contar a você é conhecido por alguns pesquisadores há muitos anos, inclusive por mim mesmo. Muitos de nós discutimos esta série de eventos repetidamente, mas até agora, não tivemos os documentos para provar isso. Eu tenho falado sobre isso desde que eu soube sobre isso em 2007. Outros, como Steven Greer e o falecido astronauta da Apolo, Edgar Mitchell, também fizeram muitas declarações diretas e indiretas sobre isso. Mais recentemente, o pesquisador Grant Cameron, e ainda mais recentemente o advogado Michael Hall. De fato, uma excelente cronologia de todas as nossas declarações foi recentemente feita por Guiliano Marinkovic…

Então, do que estamos falando?

Estas são anotações do Dr. Eric Davis, de 16 de outubro de 2002.

Quem é Eric Davis? Ele é um cientista, mas certamente se qualifica como um cientista muito interessante. Por muitos anos, durante a década de 1990, ele era membro do Instituto Nacional para Ciências da Descoberta (de sigla em inglês, NIDS), que, claro, era de propriedade do bilionário Robert Bigelow. O NIDS era uma organização muito importante na época e trazia rigor científico para muitas áreas interessantes de pesquisa conectadas ao OVNIs e além. O mistério dos triângulos negros, por exemplo. E o mais famoso é a Fazenda Skinwalker em Utah, algo que Davis estava muito envolvido em estudar.

Davis também é um colaborador próximo do Dr. Hal Puthoff, dono da empresa científica Earthtech. O Dr. Puthoff, claro, tem uma extensa carreira na ciência e no mundo da inteligência. Junto com Russell Targ, ele desenvolveu os protocolos para o programa de visualização remota dos Estados Unidos nos anos 70 e 80. Ele é um especialista em energia de ponto zero e o que é chamado de engenharia métrica do espaço-tempo. Pense nisso por um momento. E ele também trabalhou em estreita colaboração com Bigelow em várias ocasiões. Além disso, é claro que ele é um membro integrante da To the Stars Academy (TTSA). Hal Puthoff é alguém que eu conheço há muitos anos e tenho dito repetidas vezes que ele é alguém que sempre esteve silenciosamente tentando ajudar a causa do Desacobertamento dos OVNIs.

No meu próprio julgamento, e eu certamente não estou sozinho nisso, Davis e Puthoff estão atualmente engajados em algumas das mais importantes pesquisas científicas relacionadas aos OVNIs, em termos de seu trabalho no agora famoso artefato de um suposto OVNI que contém o que é conhecido como um metamaterial, e possui propriedades incríveis…

O ponto principal é que Eric Davis não é apenas um cientista, mas um cientista com profunda apreciação e sólida abordagem científica em certas áreas da periferia. E, através de sua associação com pessoas como Bigelow e Puthoff, ele claramente tem tido acesso, pelo menos de tempos em tempos, a indivíduos poderosos como o almirante Thomas Wilson.

Essas notas, então – 15 páginas no total e incluídas no final deste artigo – foram escritas por Davis após uma reunião que ele teve com Wilson em outubro de 2002. Elas falam respeito a uma série de eventos que aconteceram durante a primavera de 1997, quando Wilson era vice-diretor de Inteligência do Estado-Maior.

O que aconteceu durante esta reunião foi uma discussão de grande importância. Dizia respeito nada menos que uma confirmação da existência de programas profundamente secretos para estudar tecnologia alienígena. Isto é, alienígenas extraterrestres. Sua nave e tecnologia.

Como todos sabem, alegações e mais alegações foram feitas ao longo de muitos anos sobre isso. Eu já discuti isso inúmeras vezes, e muitos outros pesquisadores também. Mas esses documentos vazados, embora não sejam os primeiros documentos vazados a oferecer tal alegação, são os mais convincentes. E ao contrário, como falam dos vários documentos do MJ12 e do Majestic, não há discussão sobre sua autenticidade. Eles são reais.

Precisamos ser claros sobre o que é isso. Não é uma declaração secreta do presidente ou mesmo do próprio Wilson atestando a realidade desse programa. No entanto, é uma série totalmente credível de anotações de um cientista que pretendia apenas que isso fosse para um grupo extremamente restrito de colegas próximos. Como tal, tem credibilidade excepcional. Além disso, a quantidade de detalhes e de nomes específicos torna óbvio que tudo isso é muito real.

Será impossível desmascarar esse vazamento como uma fraude ou fabricação. No máximo, os céticos podem argumentar que de alguma forma esses homens receberam informações erradas. Mas, como você verá, isso também não é um argumento confiável.

As quinze páginas completas estão disponíveis neste link.

Vou tentar apresentar os destaques disso, embora você certamente queira ler as 15 páginas cuidadosamente por conta própria.

Como afirmado, esta nota é datada de 16 de outubro de 2002.

Existem nomes contidos aqui que eu ainda não conheço, sem dúvida outros identificarão todos aqui. Mas a maioria é pesquisável e identificável.

Os dois estavam marcados para se reunir às 10 da manhã daquele dia, e Wilson aparentemente estava dez minutos atrasado, chegando com dois oficiais da Marinha uniformizados. O próprio Wilson estava vestindo roupas civis.

Os dois sentaram na parte de trás do carro de Wilson por pouco mais de uma hora, atrás do prédio de projetos especiais da EG & G. Uma coisa interessante sobre isso é que a divisão de “Projetos Especiais” da EG & G era a operadora do Terminal Janet no Aeroporto McCarran em Las Vegas, que se tornou famosa ou notória como a companhia aérea para levar funcionários e contratados a locais remotos do governo em Nevada e Califórnia, como a Área 51.

Davis começou a perguntar a Wilson sobre uma reunião muito importante que data de abril de 1997. Na época, ela era conhecida apenas por poucas pessoas. Mas envolveu o pesquisador de OVNIs Dr. Steven Greer, o astronauta da Apolo 14, Dr. Edgar Mitchell, e o comandante da Marinha dos Estados Unidos, Willard Miller, que se reuniu com Wilson e outros dois indivíduos, o Almirante Michael Crawford e o General Patrick Hughes. Na lembrança de Edgar Mitchell, a data era 9 de abril de 1997. Mais adiante, em notas, Wilson dá a mesma data.


As anotações de Davis não indicam explicitamente o assunto dessa reunião. Mas isso é muito conhecido através de declarações de Greer e Mitchell, que é o de trazer a sua atenção para a existência de projetos negros e, digamos, que organizações privadas desgarradas envolvidas no estudo de corpos e tecnologias alienígenas, e que essencialmente precisariam ser submetidas ao controle formal pelo governo dos EUA. Ou, digamos, algo razoavelmente próximo disso. Uma coisa que surgiu mais tarde nas notas é que eles apresentaram a tese do que era então um novo livro: The Day After Roswell (O Dia Depois de Roswell), de Philip J. Corso. Este livro trouxe a alegação de que pelo menos parte da tecnologia recuperada do acidente de Roswell, em 1947, foi transferida para a indústria privada. Acontece que, como resultado da aventura de dois meses de Wilson, que estou prestes a descrever, ele se acabou acreditando nos fundamentos da tese de Corso.

As notas de Davis encobrem essa parte da reunião, mas concentram-se no que foi discutido após a reunião formal. Esta foi uma conversa de duas horas entre o Tenente Comandante Miller e Wilson sobre “OVNIs, MJ-12, Roswell, corpos OVINs acidentados/corpos de alienígenas, etc.”

Isso é bastante interessante e estamos apenas começando.

Wilson, de fato, disse que “ele sabia sobre inteligência dos EUA a respeito de encontros imediatos com OVNIs – e encontros com governos estrangeiros…”

Mais uma vez, essa é uma afirmação muito interessante, não é? Lembre-se, isso é 1997, uma década antes do início do programa AATIP. Você certamente gostaria de saber de quais registros Wilson estava falando.

Depois vem a primeira grande notícia bombástica deste documento, e estamos apenas na parte inferior da primeira página. Nas anotações de Davis, Wilson confirmou que ele foi capaz de confirmar em junho de 1997 que “há tal organização em existência” em relação ao “MJ-12/UFO cabal – OVNI acidentado.” Naquela época, isto é final de junho de 1997, Wilson telefonou para Miller e aparentemente disse a ele que sim, ele estava certo. Existe um grupo assim, uma cabala que gerencia o programa OVNI.

Davis mostrou a Wilson uma carta de Miller datada de 25 de abril de 2002 – essa carta faz parte do vazamento. Esta carta deixa claro que Davis e Hal Puthoff estavam envolvidos em suas próprias pesquisas sobre OVNIs acidentados e tentando descobrir todos os atores dentro do governo que têm algo a ver com isso. Uma das declarações extremamente interessantes na carta de Miller é que ele seria capaz de fornecer a Davis e Puthoff “o nome e a última localização de um oficial sênior que acredito ter conhecimento em primeira mão [do] governo dos EUA e veículos de reprodução alienígena (ARVs) na Área-51 e locais associados.”

Há mais aqui de Miller, inclusive “o nome e a localização atual de um oficial sênior aposentado que, acredito, estivesse diretamente envolvido na interação do governo com um evento OVNI significativo na costa leste dos EUA e acredito que tenha, em virtude de sua antiga posição de liderança, alto nível militar e controle de forças militares significativas, conhecimento direto do envolvimento da USG nesse negócio ”.

Ele também disse que tinha uma lista de contratados civis com provável envolvimento em “tecnologias derivadas de alienígenas, acidentes, aterrissagem e eventos associados”.

Depois de ler isso, Wilson riu e disse que “não contou tudo a Miller”, o que quer que isso signifique. Em seguida, Wilson disse: “Miller pode fazer suposições bem fundamentadas sobre quem (contratados) tem hardware alienígena.” Então, “Miller pode dar bons conselhos sobre quais empresas de defesa analisar – isso é tudo o que ele sabe”.

Claramente, Wilson sabia muito mais.

Wilson também estava zangado porque Miller, um oficial da Marinha, traiu a confiança de sua conversa, transmitindo-a a Greer e quem sabe quem mais. Na realidade, não parece que Miller tenha falado para muitas outras pessoas. Davis em sua nota acrescentou que Miller só contou a Edgar Mitchell, que foi quem contou a Davis sobre isso em 1999. É possível que Miller tenha dito algo à jornalista Leslie Kean. Pelo menos é o que Wilson acreditava em sua conversa com Davis em 2002.

Wilson estava claramente nervoso, mesmo conversando com Davis, e disse que corria risco falando com ele. E, de fato, duas décadas depois, toda a conversa acabou.

Davis então pede a Wilson para descrever o que aconteceu durante o período de abril de 1997 a junho de 1997.

Wilson disse que cerca de uma semana depois de seu encontro com Miller, ele “fez ligações telefônicas, bateu em algumas portas, conversou com as pessoas”. Isso durou 45 dias, intermitentemente, disse ele.

A maneira como Wilson investigou isso merece consideração. Ele disse que recebeu uma sugestão de uma Ala Geral para pesquisar os arquivos dos grupos de registros no escritório da OUSDAT. Isto é, o Gabinete do Subsecretário de Defesa para Aquisição e Tecnologia. Depois de fazer algumas pesquisas, creio que este é o General da Força Aérea H. Marshal Ward, que de fato logo depois se tornou Diretor de programas especiais, no Escritório do Subsecretário de Defesa para Aquisição e Tecnologia no Pentágono.

Ainda mais interessante, durante esse tempo, Wilson encontrou William Perry, que acabara de deixar o cargo de secretário de Defesa dos EUA. Perry é uma figura extremamente importante e poderosa e ainda está vivo aos 91 anos. Perry é alguém de excepcional inteligência e habilidade, que conhece todas as pessoas certas e parece ter sempre conhecido todas as pessoas certas.

O que é fascinante ler é que Wilson disse a Davis que ele se encontrou com Perry em maio de 1997 e eles “conversaram sobre isso em voz baixa”. E Perry sugeriu a mesma coisa que o general Ward havia sugerido. Isto é, passe pelos registros OUSDAT. Mais uma vez, são os registros do Departamento de Defesa referentes à “aquisição e tecnologia”. O que faz sentido.

Wilson então disse “eles me falaram” (e eu não tenho certeza neste caso quem são os ‘eles’, mas parece ser Ward e Perry) “de um grupo de registros de projetos especiais que não pertencem ao *SAP usual – um subconjunto especial do programas não reconhecidos/dispensados ​​- não pertencentes às divisões habituais da SAP, organizadas em 1994 pelo próprio Perry – separadas do resto, mas enterrados/encobertos pelos SAPs convencionais.”

[*SAPs = Special Access Programs – Programas de Acesso Especial]

Esta é uma declaração muito significativa. O SAP, ou Programas de Acesso Especial, são os programas primordiais de ‘orçamento negro’ que estão quase completamente fora da supervisão do Congresso. Há muito que se entende que, neste ambiente, muitos desses programas estão além da supervisão, não apenas do Congresso, mas dos próprios serviços armados, dominados pelos contratados privados, às vezes até mesmo pelos próprios funcionários do departamento de defesa. Aqui, Wilson está dizendo a Davis que ele descobriu que este programa de recuperação de colisão de OVNI parece ter sido enterrado dentro de outros programas de acesso especial, não pertencentes à organização padrão de como esses programas são configurados, mas separados.

Wilson então mencionou alguns outros nomes a esse respeito, Paul Kaminski, o general Michael Kostenik e Judith Daley, que era subsecretário adjunto de Defesa para o Desenvolvimento Avançado, OUSDAT. A partir disso, ele descobriu esse grupo incomum de registros. As informações orçamentárias, como ele descobriu, pareciam muito altas, mas ele disse que isso poderia ter ocorrido apenas com erros na maneira como os orçamentos foram divulgados.

Davis então tentou chegar ao ponto principal: “em que compartimento do SAP você o encontrou?”

A resposta de Wilson foi “segredo de núcleo – não vou dizer”.

Davis: “Codinome?”

Wilson: “Segredo do núcleo.”

Davis: “Quem foi o empreiteiro do projeto ou agência governamental que dirigiu o programa?”

Wilson: “Um contratante de alta tecnologia aeroespacial.”

Davis: “Quem?”

Wilson: “Segredo do núcleo.”

Davis pede dicas.

Wilson: “Desculpe, não.”

Então a história chega ao clímax. Wilson disse que “fez três ligações para o gerente do programa – uma delas [uma] teleconferência com o diretor de segurança e o advogado corporativo”.

Esses indivíduos não ficaram felizes com o contato de Wilson. Ele disse que todos eles tinham um “tom agressivo” com ele e estavam confusos sobre o porquê dele estar procurando por eles e o que ele queria saber. Wilson disse que eles estavam “agitados” e “surpresos”.

Wilson informou que ter lido o registro do programa no grupo de registros do programa especial OUSDAT “e queria saber sobre o programa de OVNI acidentado, qual era o papel deles, o que eles tinham, etc.” Ele também perguntou “se eles ouviram falar de MJ -12 ou algum código organizacional relacionado a OVNIs acidentados/recuperados.”

Este é um momento simplesmente de tirar o fôlego aqui. Você tem o Subdiretor de Inteligência do Estado-Maior das Forças Armadas tentando investigar um programa de recuperação de colisão de OVNIs, entrando em contato com a firma contratante privada que parecia ser responsável por isso. Lembre-se de que ele está falando com o gerente do programa, o diretor de segurança e o advogado da empresa.

Wilson disse aos três que ele exigiu um briefing formal sobre este programa, e estava fazendo isso sob sua autoridade como Diretor Adjunto da DIA e Chefe do Estado-Maior J-2. Este foi um descuido que eles precisavam corrigir, disse ele.

A resposta deles foi interessante: eles precisariam discutir isso e retornar para ele. Que eles organizariam uma reunião cara-a-cara e resolveriam o assunto dessa maneira.

A reunião ocorreu cerca de dez dias depois, em meados de junho de 1997, segundo Wilson. Ele “voou para lá” para uma sala de conferências em “um cofre seguro”. Lá ele se encontrou com os três indivíduos. O diretor do programa, o advogado da corporação e o diretor de segurança, a quem ele observou, era aposentado da NSA (National Security Agency) e era um especialista em contrainteligência.

Eles se chamavam de comissão de vigilância ou de guardiões. Isso ocorreu porque, alguns anos antes, o programa inteiro foi quase eliminado durante uma investigação de auditoria do Pentágono. Eles estavam lá para garantir que o programa permanecesse ultra-secreto. Naquela ocasião anterior, eles foram forçados a informar o investigador do governo sobre o programa. No rescaldo desse episódio, eles, de algum modo, fizeram um acordo formal com o Pentágono para evitar isso no futuro.

Isso significava controles excepcionalmente rígidos para impedir que qualquer funcionário do governo dos EUA participasse do programa. Status público ou rank eram irrelevantes. Você só poderia entrar quando estivesse em acordo com critérios não especificados, conforme determinado pelo comitê de observação.

Como disse Wilson, “ou é do jeito que eles querem, ou você está fora”.


Ele estava furioso. Esse grupo estava operando sem a devida supervisão de órgãos governamentais legítimos dos EUA. E além disso, ele descobriu que o propósito da reunião era negar seu acesso. Suas credenciais e autoridade governamental eram adequadas e válidas, mas ele não estava na “lista de intolerantes”. Esse é um termo no mundo dos classificados que se refere às pessoas que estão liberadas para ter a necessidade de saber. O Almirante foi informado de que ele não precisava saber.

Isso levou a um ‘bate-boca’. Aparentemente, Wilson, de fato, tinha a devida autoridade legal para exigir o que ele fez. Mas não importava.

Agora esta parte é interessante. Como resposta aos argumentos de Wilson, eles apresentaram sua “lista de intolerantes”, atualizada pela última vez em 1993, quatro anos antes. Wilson não deu nenhum nome a Davis, mas ele disse que eles eram quase todos funcionários da empresa. Ele não reconheceu nenhum nome militar, nenhum político, ninguém na Casa Branca, nenhum no Congresso, ou mesmo qualquer membro do Congresso. Ninguém que ele reconheceu dos governos Clinton ou Bush Sr.. Um pequeno punhado de nomes eram funcionários do Pentágono, cujos nomes ele conhecia.

Então eles apresentaram mais detalhes. O gerente do programa disse a Wilson que eles não mantinham um programa de armas, nem um programa de inteligência, nem qualquer programa especial ou programa de logística. Quando ele perguntou o que eles eram, houve um suspiro alto do Gerente de Programas. Mas o diretor de segurança e o advogado da empresa disseram que “tudo bem, você pode dizer a ele”.

Eles disseram a Wilson “que eram um programa de engenharia reversa” de “hardware tecnológico” recuperado no passado. Ele se perguntou, hmmm, engenharia reversa da tecnologia soviética ou chinesa? Eles disseram não, não isso.

Eles tinham uma nave intacta que acreditavam poder voar. Isso é interessante. (a) está intacta e (b) eles ainda não descobriram como voar porque “acreditavam” que poderia voar.

Eles deixaram claro para Wilson que “eles não sabiam de onde era”, embora tivessem ideias sobre isso, mas que “era a tecnologia que não era desta Terra – não feita pelo homem – não por mãos humanas”.

Eles também indicaram que este projeto continuava por “anos e anos” com progresso “agonizantemente lento” com “pouco ou nenhum sucesso”. Houve uma “falta dolorosa de colaboração” com o mundo exterior e um número muito pequeno de indivíduos esclarecidos – algo entre 400 e 800.

Wilson fez algumas perguntas específicas relacionadas à história dos OVNIs, como Roswell, MJ-12 e outras, mas não obteve resposta deles. Wilson disse que iria reclamar com a cadeia de comando sobre isso e eles disseram, vá em frente, faça o que você acha que precisa. Isso claramente não os incomodava.

A reunião terminou naquele momento. Wilson queixou-se ao Comitê de Supervisão do Programa de Acesso Especial (SAPOC) e foi dito para os desculparem, mas eles estavam do lado do contratante, então ele estava sem sorte. Ele deveria abandonar o assunto imediatamente e esquecer-se disso. Mais uma vez, ele ficou com raiva. Então eles ameaçaram sua carreira. Se ele não cumprisse, ele não receberia a promoção para o diretor do DIA, ele teria uma aposentadoria antecipada e provavelmente perderia uma ou duas estrelas pelo caminho.

Em janeiro de 1998, Wilson falou com Jacques Gansler (que morreu em dezembro de 2018), e que recentemente havia sido encarregado da divisão de aquisições e tecnologia. Wilson disse a Davis que Gansler havia sido informado por alguém, o que aparentemente o surpreendeu. Davis perguntou, o que ele disse?

A resposta que Wilson recebeu aqui é interessante, com certeza. “OVNIs são reais, os chamados abduções alienígenas não são.” Gansler então disse para ele abandonar o assunto. Não haveria mais discussão sobre isso.

Essas são as bases do que está nessas notas, e é claro que elas estão disponíveis para qualquer um ler agora e tenho certeza de que serão analisadas por muitos.

Este é um vazamento extremamente importante de informações. Isso indica fortemente o que muitos pesquisadores vêm discutindo há muito tempo. Que existe um programa profundamente classificado dentro da estrutura labiríntica do sistema do departamento de defesa dos EUA, escondido de qualquer supervisão significativa, estudando pelo menos um OVNI alienígena.

É importante notar que essas notas não mencionam a recuperação de corpos estranhos. Aparentemente, Wilson não foi informado de uma forma ou de outra sobre isso. É claro que informações sobre corpos alienígenas saíram de algumas excelentes fontes, e algumas delas vieram até mim ao longo dos anos. Mas o que temos aqui é um instantâneo de um programa incrivelmente importante para estudar tecnologia alienígena.

É interessante que, nesse cenário, o progresso na compreensão da tecnologia tenha sido dolorosamente lento. Isso certamente parece colocar em dúvida algumas das reivindicações mais espetaculares do progresso secreto do orçamento negro. Histórias como o Veículo Alienígena, por exemplo, para não falar de algumas afirmações mais incríveis feitas por pessoas ao longo dos anos. Não é que algumas dessas outras reivindicações sejam invalidadas pelos documentos de Wilson. O mesmo com a afirmação de que os OVNIs são reais, mas não as abduções alienígenas. O que sabemos é que isso foi dito a Wilson por alguém que havia sido informado. O que não sabemos é quão verdadeiro ou preciso isso era. Teria Wilson sido informado que as abduções não acontecem porque isso foi considerado ainda mais sensível? Apenas especulação, mas é preciso manter todas essas possibilidades em mente.

O que temos, em última análise, é uma afirmação muito poderosa de um pequeno grupo de pessoas – Eric Davis, Hal Puthoff, Kit Green, Edgar Mitchell e alguns outros, sem dúvida – trabalhando silenciosamente para aprender o máximo possível sobre a natureza profunda do acobertamento dos OVNIs, e realmente acertar no alvo com o almirante Wilson.

Não adianta negar a realidade do encontro entre Davis e Wilson, e não adianta pressupor outra coisa senão a de que Wilson estava sendo completamente sincero com Davis. As notas falam por si.

Será interessante ver como tudo isso acontece. Há a comunidade de pesquisa ufológica e aqueles que acompanham essa comunidade, que é relativamente pequena. Eu posso garantir que essa comunidade irá incorporar este documento em sua grande figura a partir de agora. A verdadeira questão é como isso afetará a cultura mais ampla.

Neste momento, estamos nos movendo em uma direção bem definida em direção a alguma forma de desacobertamento do OVNIs. Eu venho chamando isso de divulgação controlada porque, bem, ela foi rigidamente controlada para produzir um certo giro no fenômeno. Uma coisa que definitivamente está sendo deixada de fora dessa narrativa é a natureza do acobertamento. A divulgação controlada envolveu um renomear OVNIs em algo muito misterioso, algo talvez sobrenatural ou talvez não. É uma ficção – uma ficção conveniente e pode ser útil para passar a palavra para o mainstream – mas uma ficção, no entanto.

Mas essas notas explodem tudo isso. Aqui vemos o verdadeiro sigilo fugitivo. Sem supervisão. Militares e funcionários do governo irritados e chateados, que francamente tinham o direito de ficar chateados. Isso significa a existência de um mundo verdadeiramente secreto.

Eu venho discutindo há anos que, se queremos uma sociedade saudável, precisamos estar no topo disso. Precisamos reconhecer que há uma enorme discrepância entre a verdade oficial e o que é realmente verdade. Precisamos parar de mentir para nós mesmos e de nos permitir de sermos enganados.

Não é que não haja causas genuínas para se manter sigilo neste mundo. Eu não conheço muitas pessoas ingênuas. Mas o sigilo, especialmente o sigilo a longo prazo da informação que é de grande poder transformador – esse tipo de segredo é um câncer para o nosso bem-estar social. Isso força os poderes estabelecidos a continuarem a mentir, repetidas vezes, e nos faz aprender a não confiar em nosso próprio julgamento, nossos próprios sentidos quando vemos ou aprendemos algo, ou então nos treina a desconfiar de nosso próprio estabelecimento, porque sabemos eles estão mentindo para nós. É um lugar ruim para se estar. Não é saudável para nenhuma sociedade e precisa parar.

As mentiras podem dominar uma sociedade por um longo tempo, mas no final as mentiras são expostas. Toda mentira tem uma vida finita. Em última análise, a verdade sempre vencerá.

Ter acesso à verdade não garante que consertemos todos os nossos problemas. Isso nunca é fácil. Mas não ter acesso à verdade garante que nunca iremos resolvê-los, porque nunca teremos acesso às informações de que precisamos para resolvê-los.

Eu sei que as pessoas envolvidas nesse vazamento estão insatisfeitas por isso. Mas eu simplesmente gostaria de lembrá-los de que a posteridade acabará se beneficiando. Isso precisava sair.

Fonte: https://www.ovnihoje.com/2019/06/13/documento-do-maior-vazamento-ovni-do-seculo/

quarta-feira, 12 de junho de 2019

Radiação de Radiofreqüência (EMF) ameaça espécies de plantas e animais com extinção - E consequentemente a humanidade !

https://www.globalresearch.ca/wp-content/uploads/2019/06/emf-400x247.jpg"Apesar da negação generalizada, a evidência de que a radiação de radiofrequência (RF) é prejudicial à vida já é esmagadora".

Mas em um artigo recente da BBC, eles basicamente fizeram exatamente isso: ignoraram completamente o ridiculamente grande volume de evidências, que qualquer meio de comunicação "respeitável" deveria saber que existe e que, se revisado, revela a principal causa do rápido declínio da biodiversidade, e potencial em breve destruição total de toda a vida na Terra:

“A evidência clínica acumulada de seres humanos doentes e feridos, evidências experimentais de danos ao DNA, células e sistemas de órgãos em uma ampla variedade de plantas e animais e evidência epidemiológica de que as principais doenças da civilização moderna - câncer, doenças cardíacas e diabetes - são em grande parte causadas pela poluição eletromagnética, forma uma base de literatura de mais de 10.000 estudos revisados ​​por pares.

“Se os planos da indústria de telecomunicações para o 5G se concretizarem, nenhuma pessoa, nenhum animal, nenhum pássaro, nenhum inseto e nenhuma planta na Terra será capaz de evitar a exposição, 24 horas por dia, 365 dias por ano, aos níveis de radiação RF. que são dezenas a centenas de vezes maiores do que existe hoje, sem qualquer possibilidade de escapar em qualquer lugar do planeta. Esses planos 5G ameaçam provocar efeitos sérios e irreversíveis nos seres humanos e danos permanentes a todos os ecossistemas da Terra. ”

“Os danos vão muito além da raça humana, pois há evidências abundantes de danos a diversos animais de plantas e animais selvagens e de laboratório, incluindo: formigas, pássaros, florestas, sapos, moscas de frutas, abelhas, insetos, mamíferos, camundongos, plantas, Ratos, árvores.

"Os efeitos microbiológicos negativos também foram registrados ... Os efeitos em crianças incluem autismo, transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e asma." - O apelo internacional "Stop 5G on Earth and in Space"

“Especialista em armas de microondas, Barrie Trower, adverte que dentro de 3 gerações apenas 1 em cada 8 crianças nascerá saudável; e dentro de 5 gerações animais e insetos serão exterminados. ”- Julian Rose,“ Synthetic Electric Shock ”

Ex-editora da equipe da ONU e co-autora do livro The International Appeal "Stop 5G on Earth and no Space", Claire Edwards, escreve:

“Junto com pássaros e insetos, as crianças são as mais vulneráveis ​​à depredação de 5G por causa de seus pequenos corpos”.

E em um recente discurso de rally Anti-5G em Estocolmo, Edwards declarou:

“É interessante notar que nos últimos 20 anos perdemos 80% dos nossos insetos. E se conseguirmos 5G, perderemos 100% dos nossos insetos. Quando os insetos vão, nós também vamos.

Nossos queridos animais domésticos também foram forçados a absorver nossas poluições eletrônicas. B.N. Frank escreve como “... a exposição pode causar vários problemas de saúde em animais - incluindo câncer. Se os seus animais de estimação ficarem doentes, muitos veterinários não levarão em consideração nenhuma dessas fontes ao diagnosticar e tratá-los. Mesmo se você abordar suas preocupações sobre exposição, elas ainda podem descontar pesquisas que já provaram ser prejudiciais ”.

Hope S. Good details 22 doenças comuns das quais o eletro-smog e o RF estão prejudicando nossos bebês de peles.

Os efeitos conhecidos continuam a ser evidenciados, como visto em testes de campo no ano passado na Holanda, onde os produtores de leite em Stitswerd-Groningen testemunharam os efeitos extremos que 5G está criando na pecuária:

“… Várias centenas de vacas dos 5 produtores de leite começaram simultaneamente a fazer motim sem uma causa clara… o seu comportamento parecia mesmo uma agonia, por isso não foi apenas um momento de frustração para as vacas, foi realmente uma situação de vida ou morte… A conclusão mais lógica é que os ataques de pânico são causados ​​pelos recentes testes do 5G Wi-Fi no norte de Groningen, exatamente onde Stitswerd está localizado! ”

“O fenômeno ocorreu desde o outono passado. "De repente, você vê que eles saltam e começam a correr ao mesmo tempo", diz o fazendeiro Jan Oudman. “Como eles fazem, as paredes do estábulo estão quase fora. Eles suam da agitação. É realmente ansiedade. ”- RTVNoord,“ Wat mankeert de koeien? ”

“… Em Haia, muitos pássaros morreram espontaneamente, morrendo em um parque. Você provavelmente não ouviu muito sobre isso porque está sendo mantido em silêncio. No entanto, quando cerca de 150 pessoas morreram repentinamente - levando o número de mortos para 297 - as pessoas começaram a notar.

“E se você estiver olhando ao redor do parque, verá o que fica na esquina do telhado do outro lado da rua de onde eles morreram: um novo mastro 5G, onde eles fizeram um teste, em conexão com a estação ferroviária holandesa, para ver como grande era o alcance e que impacto ambiental ocorreria na estação e ao redor dela.

“Se todos tiverem insuficiência cardíaca apesar de terem corpos saudáveis, nenhum sinal de vírus, nenhuma infecção bacteriana, sangue saudável, nenhum veneno encontrado etc. etc., a única explicação razoável é que é das novas microondas 5G que interferem com todos os corações dos pássaros! … O mastro 5G ressoa fortemente com certas micro-ondas ERRATIC PULSED (milhões por segundo!) Que podem ser comprovadas como tendo efeitos biológicos em órgãos! ”- Erin Elizabeth,“ Morte inexplicada de aves em massa durante o experimento 5G holandês ”

Relatórios Científicos

“A ciência revisada por especialistas já indica que as tecnologias sem fio atuais de 2G, 3G e 4G - usadas atualmente com nossos telefones celulares, computadores e tecnologia wearable - criam (criam) exposições à radiofreqüência que representam um sério risco à saúde dos seres humanos. animais e do meio ambiente. - Pesquisa Científica em 5G, 4G Pequenas Células, Radiação Sem Fio e Saúde

“Futuros comprimentos de onda dos campos eletromagnéticos usados ​​para os sistemas de telecomunicações sem fio diminuirão e se tornarão comparáveis ​​ao tamanho do corpo dos insetos e, portanto, a absorção de RF-EMFs em insetos deverá aumentar.” - Exposição de insetos a radiofrequência eletromagnética Campos de 2 a 120 GHz

“Os autores da revisão da EKLIPSE concluem que existe“ uma necessidade urgente de fortalecer a base científica do conhecimento sobre EMR e seus possíveis impactos sobre a vida selvagem. Em particular, é necessário basear futuras pesquisas em experimentos sólidos, de alta qualidade e replicáveis, para que evidências confiáveis, transparentes e de fácil acesso possam informar a sociedade e os formuladores de políticas a tomar decisões e estruturar suas políticas ”.

“O aumento da radiação eletromagnética e seus efeitos potenciais sobre a vida selvagem foram recentemente identificados por um grupo internacional de especialistas liderado pelo professor Bill Sutherland da Universidade de Cambridge como um dos quinze assuntos emergentes que poderiam afetar a biodiversidade global, mas que ainda não são bem reconhecidos. comunidade científica. - (Sutherland, 2018).

“Nós aplicamos limites a todos os tipos de poluição para proteger a habitabilidade do nosso meio ambiente, mas até agora, mesmo na Europa, os limites seguros da radiação eletromagnética não foram determinados, muito menos aplicados. Este é um caso clássico de fora da vista da mente, só porque os seres humanos não podem ver a radiação eletromagnética isso não significa que os animais não podem "ver" a poluição ou ser significativamente afetados a nível neural ou celular. Um programa de pesquisa adequado e medidas políticas claras estão atrasadas ”. Disse o CEO da Buglife, Matt Shardlow. ”–Buglife

Alsfonso Balmori afirma,

“Estudos mostraram efeitos em animais e plantas. Dois terços dos estudos relataram efeitos ecológicos. Há pouca pesquisa nesta área e mais pesquisas são necessárias. A tecnologia deve ser segura. Controles devem ser introduzidos para mitigar os possíveis efeitos ... Apesar do uso generalizado de redes de telefonia sem fio em todo o mundo, autoridades e pesquisadores prestaram pouca atenção aos potenciais efeitos nocivos da radiação de telefones celulares sobre a vida selvagem. Este artigo analisa brevemente as informações científicas disponíveis sobre este tópico e recomenda novos estudos e linhas específicas de pesquisa para confirmar ou refutar os resultados experimentais até o momento. Os controles devem ser introduzidos e a tecnologia tornada segura para o meio ambiente, particularmente espécies ameaçadas. ”–Espectrosmog e conservação de espécies
“… Ferdinand Ruzicka, cientista e apicultor, relata:“ Eu observei uma inquietação pronunciada nas minhas colônias de abelhas (inicialmente cerca de 40) e um desejo grandemente aumentado de enxame. Como um apicultor que cria uma armação, eu uso o chamado piso alto, as abelhas não construíram seus pentes neste espaço da maneira prescrita pelos quadros, mas de forma aleatória. No verão, colônias de abelhas entraram em colapso sem causa óbvia. No inverno, observei que as abelhas foram forragear apesar da neve e temperaturas abaixo de zero e morreram de frio ao lado da colméia. Colônias que exibiram esse comportamento entraram em colapso, apesar de serem colônias fortes e saudáveis ​​com rainhas ativas antes do inverno. Eles receberam alimentos adicionais adequados e o pólen disponível era mais do que adequado no outono. Os problemas só se materializaram a partir do momento em que vários transmissores foram erguidos na vizinhança imediata de minhas colmeias ”(RUZICKA, 2003).” - “ABELHAS, PÁSSAROS E HOMOLOGAÇÃO”, Ulrich Dr. Warnke

[mais estudos publicados (peer-reviewed) sobre Bee Colony Collapse (BCC)]:

Margaritis LH, Manta AK, Kokkaliaris KD, et al. Oogênese de Drosophila como bio-marcador respondendo a fontes de EMF. Electromagn Biol Med. 2014; 33 (3): 165-189. doi: 10.3109 / 15368378.2013.800102. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23915130

Kumar NR, Sangwan S, Badotra P. A exposição às radiações celulares produz alterações bioquímicas nas abelhas operárias. Toxicol Int. 2011; 18 (1): 70-72.

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3052591/.

"A queda dos números de insetos" ameaça o colapso da natureza ": os insetos podem desaparecer dentro de um século a uma taxa atual de declínio, diz a revisão global."

"Advertência do 'Armageddon ecológico' após o mergulho dramático no número de insetos: Três quartos dos insetos voadores nas reservas naturais da Alemanha desapareceram em 25 anos, com sérias implicações para toda a vida na Terra", afirma o cientista David Carrington.

Conclusão

Ignorar a poluição por radiação eletromagnética permite que agendas corporativas se manifestem por meio de “sugestões” de ONGs em relação a formuladores de políticas globais. O CO2 produzido “mudança climática”, originalmente anunciado como “aquecimento global”, é provavel- mente causado por manipulação intencional do clima.

“Todas as evidências disponíveis (incluindo documentos de 750 páginas do Senado, relatórios presidenciais e patentes de engenharia climática) indicam que os programas globais de geoengenharia / gerenciamento de radiação solar foram implantados em uma escala significativa em meados da década de 1940.” -Dane Wigington

Há dezenas de cientistas independentes que puseram seus nomes e carreiras na linha em petições de apelação, contrariando a "ciência" do modelo climático do IPCC usado pela ONU e proliferando em grupos ambientais, instituições educacionais, governos nacionais e agendas de ONGs.

Dr. Tim Ball exibe o truque artificial que criou a premissa do C02, e aponta diretamente para o IPCC da ONU como o culpado. Ele o faz de forma tão convincente que foi processado por três partes interessadas e acabou ganhando o processo de difamação de seis anos em apenas três semanas de julgamento.

Uma observação pessoal final e improvável que eu gostaria de observar: aproximadamente cinco meses atrás, apareceu de repente uma nova torre de celular de metal sólido e espesso a menos de 100 metros da minha casa, em um subúrbio arborizado da capital da província. Esta nova monstruosidade não é, ela própria, a 100 metros de uma torre celular já mais antiga e mais tradicionalmente vista. Pouco depois de notar a nova torre, talvez mais um mês depois, apareceu uma nova terceira torre, oposta ao original mais alto, novamente a menos de 100 jardas.

Então, esses três agora estão em fila, excepcionalmente perto de residências, escolas, campos esportivos e uma pequena área de natureza carregada de árvores, completa com seu próprio rebanho de cervos, coelhos, coelhos de campo, corujas, gaviões, ratos almiscarados, e aves aquáticas variadas. Exceto que as aves aquáticas estão misteriosamente desaparecidas. Temos lagoas e margens de canal por toda a área, que em anos anteriores estavam cheias de patos, gansos e cisnes. Mas eles não serão encontrados desde o verão passado. Eu moro aqui há 15 anos e sou um ávido amante da natureza e das criaturas, então procuro enquanto ando. Mas eles simplesmente não estão em nenhum dos lugares normais. Eu vi alguns aqui e ali, mas dezenas estão desaparecendo de repente.
A seriedade dessas questões está se tornando inevitavelmente visível e real. Estamos todos ocupados com nossas vidas, mas cabe a nós olhar ao redor e tomar nota, e depois agir. Faça um pouco de pesquisa fora da caixa; conversar com vizinhos e vereador; escreva e-mails para comissários e prefeitos, fazendo perguntas incômodas e assertivas, porque se não fizermos nada, tudo mudará. 

Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.com/

LinkWithin

´ Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Bidvertiser