Chose your language

Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Principais postagens de outros Blogues

http://issoeciencia6.blogspot.pt/

Destaques:

O tempo está a acelerar ? Fenómeno não pode ser ignorado

Porção de terra surge subitamente no Japão

Como ocorreu o terremoto no Nepal
 
http://acconfidential6.blogspot.pt/

Destaques:

Avistamento massivo de Ovnis no Mississipi

Kobusch filmou e sobreviveu à avalanche no Monte Evereste - Video

Decifrados enigmas da pirâmide de Quéops

http://sanguedodiabo.blogspot.pt/

Destaques:

A estratégia militar dos Estados Unidos pode levar à Terceira Guerra Mundial

Grandes terramotos tem vindo a ocorrer pelo mundo nas últimas 48 horas

Patrimônio Mundial destruído no Nepal

http://trolladaglobal.blogspot.pt/

Destaque:

Ataque à Tesla prometia carros de graça

Coreia do Norte ameaça um ataque nuclear contra os Estados Unidos

Coreia do Norte ameaçou atingir os EUA com suas armas nucleares para frear “a crescente ameaça nuclear” norte-americana. Segundo publicou nesta segunda-feira (27) o jornal oficial do país asiático Rodong Sinmun, o líder norte-coreano Kim Jong-un tem a firme determinação de derrotar os EUA em seu próprio solo. “Nosso castigo será o fim dos EUA.”

O diário acrescentou que os alvos prioritários de Pyongyang incluem o Oceano Pacífico, e não apenas a Coreia do Sul. A ameaça do Norte aconteceu em meio a relatos dos avanços das capacidades nucleares norte-coreanas. A Coreia do Norte já disparou dois mísseis de curto alcance em sua costa oriental em março, em resposta às manobras militares anuais EUA-Coréia do Sul.

Pyongyang denuncia regularmente os exercícios, alegando que são preparativos para a guerra. Durante um discurso na Conferência da ONU sobre o desarmamento em março, o ministro das Relações Exteriores norte-coreano, Ri Yong Su, disse que os treinamentos militares conjuntos encenados pela Coreia do Sul e pelos EUA foram “uma provocação sem precedentes e têm uma alta possibilidade de deflagrar uma guerra”. “A República Popular Democrática da Coreia não pode deixar de reforçar a sua capacidade de dissuasão nuclear para lidar com a crescente ameaça nuclear dos EUA.”

Fonte: http://www.ultimosacontecimentos.com.br/guerras/coreia-do-norte-ameaca-um-ataque-nuclear-contra-os-eua1430150429.html

domingo, 26 de abril de 2015

Nibiru será visível a partir de Dezembro: Os segredos do "Nibiru" - Planeta X e a 5.ª Dimensão


Só com o tempo as pessoas vão argumentar sobre o retorno de Nibiru? Que 10 / 12º planeta (dependendo de como você olha para ele)? Por pelo menos uns 100 anos antes que as massas gerais realmente comecem a ver os sinais extremamente inevitáveis que ocorrem "ao seu redor." Até que eles possam fazer bunkers que podem sobreviver em lava fervente por décadas, eles estão realmente perdendo esforço, tempo e dinheiro? ou não?

Onze dimensões? Sim, é mais do que provável.


Nibiru ainda está muito longe de ser visto, vamos primeiro ver o Planeta X no céu como uma nova estrela, e vai progressivamente ficar maior e maior; o prazo será no mês de dezembro de 2015 - ele detalhou. Quando Planeta X Nibiru é iminente, o governo vai utilizar um "evento terrorista sintético gigante" ou uma epidemia fora de controle para declarar a lei marcial, acrescentou.

Analisando o Solar Dwarf Twin - ou "Nibiru", "Planeta X", Red Star Kachina, Nemesis, o Destoyer, Wormwood, Hercólubus, o Disco Alado

Bob Fletcher apareceu e discutimos o que suas investigações têm revelado a respeito do controverso Nibiru ea preparação da elite para sobreviver o reaparecimento que é comumente conhecido como Planeta X. O Sr. Fletcher é indiscutivelmente um dos maiores especialistas sobre a ameaça Planeta X / Nibiru para o mundo .

Fletcher explica que acima de tudo havia uma vez que ele não iria mesmo associar seu nome com Nibiru e Planeta X, porque era "ficção científica" em sua mente, até que começou a descobrir dinheiro desaparecer, milhares de instalações subterrâneas na Rússia, Estados Unidos e China, e outras atividades suspeitas que relacionados com este tema tão controverso. Bob diz tudo sobre Nibiru Planeta X Assim como as ciências, cientistas astronômico, as provas históricas, informações sobre o espaço incrível sendo mantidos de todos nós. Como podemos saber onde este Nibiru esta em 2015? E se o Planeta X está vindo em 2016?

Veja os videos Abaixo:



Fonte: https://www.youtube.com/channel/UCueb9oXAIY935FWDD4uMmMQ

sábado, 25 de abril de 2015

Sinais do fim

Sinais do Fim - Últimos eventos



Fonte: https://www.youtube.com/channel/UCGH5f_Pl6wsGqIpdMHpe7Sw

Vulcão Calbuco segue expelindo cinzas no sul do Chile

O vulcão Calbuco, que entrou em violenta erupção depois de mais de meio século inativo no sul do Chile, continua instável e expelindo cinzas neste sábado após duas potentes erupções na quarta e quinta-feira, em uma atividade que pode se estender por um longo tempo. 

O vulcão mantém uma emanação de cinzas constante. Na madrugada deste sábado, expeliu material incandescente a partir de sua cratera, segundo relatos de jornalistas da AFP no local. 

"O vulcão está instável e as erupções devem continuar, principalmente de cinzas", indica o último relatório do Serviço Nacional de Geologia e Minas (Sernageomin). 

Das quase 6.000 pessoas que habitam os arredores do maciço e que foram evacuadas, uma dezena precisou passar outra noite em abrigos. A maioria dos evacuados estão alojados nas casas de amigos e familiares. 

"Continuo assustada e penso em deixar a área, mas a longo prazo voltaria para minha terra", declarou à AFP Carolina Bayern, abrigada em um colégio de Puerto Varas. 

"Eu não tenho medo do vulcão, tenho respeito, o medo já passou. Minha casa foi destruída e sinto um grande pesar", relatou, por sua vez, Raúl Rangel, alojado no mesmo abrigo. 

A nuvem de cinzas segue se dispersando para o leste, cobrindo as cidades argentinas na região patagônica da província de Neuquén e chegando até a capital, Buenos Aires, a 2.000 quilômetros de distância, onde algumas companhias aéreas cancelaram seus voos de e para os Estados Unidos e Europa. 

Em Santiago, os voos domésticos estão operando normalmente, apesar de algumas companhias aéreas internacionais terem cancelado a chegada de suas aeronaves da Europa e dos Estados Unidos. 

Em Montevidéu, três voos foram cancelados no aeroporto internacional de Carrasco, enquanto as autoridades convidaram a população a se proteger com máscaras em razão das cinzas que emanam do vulcão. 

O sempre verde sul do Chile deu lugar ao escuro das cinzas, que cobriam vastos setores agrícolas e pecuários. 

"A situação de maior emergência está no raio de 20 quilômetros (de exclusão da cratera do maciço), onde os vizinhos deixaram seus campos, deixaram todos os seus bens, incluindo os seus animais", declarou o ministro da Agricultura, Carlos Furche, à Radio Cooperativa. 

"Há campos que ficarão inutilizáveis por um longo tempo", acrescentou o ministro. 

O último relatório oficial estimou em cerca de 300 o número de agricultores afetados na área, além de 4.000 ovinos e bovinos e 350 animais de pequeno porte que ficaram presos após a evacuação ordenada pelas autoridades após a primeira e surpreendente erupção do Calbuco. 

O governo anunciou que analisa a possibilidade de fornecer um bônus de emergência para os agricultores afetados. 

A área atingida, localizada na região de Los Lagos, nas turísticas cidades de Puerto Montt e Puero Varas, 1.300 km ao sul de Santiago, permanece em alerta vermelho, com uma forte presença das Forças Armadas e a suspensão das atividades escolares. 

Fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/america-latina/vulcao-calbuco-segue-expelindo-cinzas-no-sul-do-chile,0dda33425f0fc410VgnCLD200000b1bf46d0RCRD.html

Vulcão chileno causa "chuva de cinzas" por 30 quilômetros

Autoridades evacuaram 4 mil pessoas para longe do gás e das cinzas, e o acesso à área em torno do vulcão foi fechado

O vulcão Calbuco, no sudeste chileno, chocou por sua força depois de entrar em atividade, inesperadamente, na última quarta-feira. As fotos impressionaram e, agora, as consequências da erupção já começam a causar um impacto na vida de moradores de cidades vizinhas. As informações são do Daily Mail.

Esta foi a primeira erupção em quatro décadas, que deixou nuvens de cinzas em um raio de quilômetros, causando uma incrível tempestade de raios e lavas no céu da noite. A erupção na Região de Los Lagos intensificou nesta sexta-feira e causou um temor de que águas locais possam ser contaminadas, de que os moradores desenvolvam problemas respiratórios graves e de que mais voos possam ser cancelados.

As cinzas cobrem carros e casas nas cidades em um raio de mais de 28 quilômetros de distância da fonte da erupção, assim, há um esforço para a evacuação em massa: autoridades evacuaram 4 mil pessoas para longe do gás e das cinzas, e o acesso à área em torno do vulcão foi fechado.

Erupções anteriores e igualmente violentas no Calbuco permaneceram por até uma semana, de acordo com um especialista da Universidade de Oxford, que disse ser impossível prever o que vai acontecer a seguir.

Veja algumas imagens impressionantes do vulcão Calbuco e sua “destruição”:

 Foto: Carlos Gutierrez / Reuters
 Foto: Carlos Gutierrez / Reuters
 Foto: Chiwi Giambirtone / Reuters

 Foto: Ivan Alvarado / Reuters
 Foto: Patricio Rodriguez / Reuters
 Foto: Patricio Rodriguez / Reuters

Fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/america-latina/vulcao-chileno-causa-chuva-de-cinzas-por-30-quilometros,2fdb09558716daaf24b98b069c09010dm2ftRCRD.html


quinta-feira, 23 de abril de 2015

CIA cooperou com inteligência chinesa para atingir a Rússia

Presidente Barack Obama, à esquerda, torradas com o presidente chinês, Xi Jinping em 12 de novembro em um banquete almoço no Grande Salão do Povo, em Pequim. China tornou-se um do mundo & # 39; s duas maiores economias, e é rico o suficiente para comprar pelo menos 1300000000000 dólares da dívida dos EUA. Mas isso hasn & # 39; t parou Tio Sam de continuar a enviar ajuda externa para Pequim. (Associated Press)
Presidente Barack Obama, à esquerda, torradas com o presidente chinês, Xi Jinping em 12 de novembro em um banquete almoço no Grande Salão do Povo, em Pequim. China tornou-se uma das duas maiores economias do mundo, e é rico o suficiente ... 

Um livro publicado recentemente pelo ex Pentágono oficial Michael Pillsbury lançou luz sobre um dos segredos mais sombrios do governo dos EUA: a cooperação entre a CIA e os serviços de inteligência comunistas chineses.
 
O livro "The Hundred Year Marathon" foi liberado para publicação pelo FBI, CIA e do Pentágono , dando, assim, muitos de seus olho-abertura divulgações um elenco oficial.
 
China não respondeu às revelações do livro, nem cooperação passado negado, apesar de um ligado a inteligência comentador chinês afirmou que o autor do livro, agora um consultor, não representa "mainstream" dos EUA vê na China .

A CIA - China cooperação secreta fazia parte de sucessivos programas das administrações para minar a União Soviética , que China ligava depois de perceber modelo econômico marxista-leninista de Moscou foi condenado. China , em vez começou a cortejar os Estados Unidos para o benefício econômico, criando um sistema econômico comunista revisto .

As divulgações de clandestina de namoro de  US- China  cooperação de inteligência  pela década de 1970 são susceptíveis de constranger Pequim . China frequentemente ataca a CIA por supostamente fomentando revolução democrática na China e para apoiar o líder tibetano exilado Dalai Lama, a quem a China designa como um grande inimigo. Pequim também acusou a CIA de organizar os últimos em larga escala manifestações pró-democracia em Hong Kong. O governo dos EUA negou qualquer participação no clamor público sobre rastejando controle chinês sobre a ex-colônia britânica.
 
O livro menciona muitas cooperações secretas e clandestinas anteriormente divulgadas entre a CIA ea inteligência chinês, junto com muitos novos detalhes surpreendentes. Pillsbury estava no comando das operações secretas e estava ciente da cooperação de inteligência quando era subsecretário-assistente de Defesa para o planejamento de políticas durante a administração Reagan.

As operações conjuntas incluiu o grande programa de espionagem eletrônica na China , castanha de codinome, que teve como alvo a União Soviética e, agora, a Rússia, bem como as transferências secretas de armas chinesas para rebeldes afegãos lutando contra as forças soviéticas e os rebeldes anti-cubanas em Angola.
 
As divulgações que são ditas ter chateado Beijing a mais, no entanto, foram relacionadas a um CIA liderada operação para armar 50.000 rebeldes anti-Vietnã, no Camboja a partir de 1982. Inicialmente, US $ 2 milhões por ano foi gasto, e, em seguida, a quantidade foi aumentada a US $ 12 milhões e realizada conjuntamente com assistência chinesa com a Tailândia, Malásia e Singapura.
 
Os chineses não só venderam as armas para nós para dar aos rebeldes, mas também nos aconselhou sobre como realizar estas operações encobertas," Mr.Pillsbury escreveu, acrescentando que a cooperação revelou China estratégia 's para enfraquecer um "hegemon", forte uma estratégia que provavelmente está sendo usado hoje contra os Estados Unidos.
 
A estratégia apela para atacar as vulnerabilidades do hegemônico, convencer os outros a fazer a luta e atacar os aliados do hegemon em declínio.
 
China , de acordo com o livro, apoiado ataques rebeldes afegãos dentro da União Soviética até CIA advogados terminou as greves como excessivamente provocante.
 
Questionado sobre os segredos revelados no livro, o Sr. Pillsbury disse ao Inside the Ring, "Fiquei muito contente que muitos assuntos foram aprovados para liberação que havia sido considerada classificada há 10 anos."
 
Um porta-voz da embaixada chinesa não retornou um e-mail pedindo comentários.
 
Uma nota histórica interessante é que parte dos estimados 2.000 milhões dólares China ganhou de armas dos EUA compras indiretamente implicados atual presidente Xi Jinping, que visitou o Pentágono em 1980 - vestindo um  uniforme do Exército de Libertação Popular- e foi um anotador durante as reuniões com o secretário de defesa.
 
A administração Reagan também assistia a China no desenvolvimento 'da tecnologia com grandes infusões de know-how de uma diretiva secreta que foi projetado para fazer China forte. Ajuda militar foi cortado após os ataques de junho 1989 na Praça de Tiananmen, mas outros auxílios continuou. O livro não disse se a cooperação clandestino continua.

Nenhum funcionário chinês ou líder disse nada publicamente sobre os programas, talvez devido a preocupações de que as divulgações de comprometer a sua legitimidade como bons comunistas opõem a hegemonia  dos EUA.

Fonte: http://www.washingtontimes.com

A matéria escura pode não exactamente ser tão escura

Aglomerado de galáxias Abell 3827. Em seu núcleo, quatro galáxias gigantes estão se fundindo

Aglomerado de galáxias Abell 3827. Em seu núcleo, quatro galáxias gigantes estão se fundindo.

Os astrônomos acreditam ter observado os primeiros sinais potenciais de matéria escura interagindo com uma força diferente da gravidade. Isso significa que ela pode não ser tão “escura” assim.

Uma equipe internacional de cientistas, liderada por pesquisadores da Universidade de Durham, Reino Unido, fez a descoberta usando o telescópio espacial Hubble e o Very Large Telescope do Observatório Europeu do Sul para ver a colisão simultânea de quatro galáxias distantes no centro de um aglomerado de galáxias a 1,3 bilhão de anos-luz da terra. Os pesquisadores disseram que um aglomerado de matéria escura parecia estar ficando para trás da galáxia que originalmente rodeava.

Segundo os especialistas, a matéria escura estava deslocada 5 mil anos-luz de sua galáxia, uma distância que a sonda Voyager da NASA levaria 90 milhões de anos para viajar.

Outras interações

Tal afastamento é previsto durante as colisões se a matéria escura interagir, mesmo ligeiramente, com outras forças além da gravidade. As simulações de computador mostram que o atrito extra a partir da colisão faria a matéria escura desacelerar e, eventualmente, ficar para trás.

Os cientistas acreditam que existem aglomerados de matéria escura no interior de todas as galáxias. Ela é chamada de “escura” porque interage somente com a gravidade e, portanto, seria invisível. 

Ninguém sabe ao certo o que é a matéria escura, mas acredita-se que ela ocupe 85% da massa do universo.

Sem o efeito restritivo da gravidade extra da matéria escura, galáxias como a nossa Via Láctea iriam se desfazer enquanto giram. No último estudo, os pesquisadores foram capazes de “ver” o aglomerado de matéria escura por causa do efeito de distorção que a sua massa tem sobre luz das galáxias ao fundo – uma técnica chamada de lente gravitacional.

Os pesquisadores acrescentam que o achado potencialmente exclui a teoria padrão da matéria escura, na qual ela interage apenas com a gravidade.

“Nós costumávamos pensar que a matéria escura ficava lá, cuidando da sua própria vida. Mas se ela realmente desacelerou nesta colisão, podemos ter visto a primeira evidência dinâmica de que a matéria escura ‘percebe’ o mundo ao seu redor. A matéria escura pode não ser completamente ‘escura’ no fim das contas”, afirma o autor principal do estudo, Richard Massey, da Universidade de Durham.

Fonte:  http://hypescience.com/materia-escura-nao-e-tao-escura-assim/

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Risco de uma guerra nuclear é maior do que nunca

As estratégias nucleares das potências mundiais, combinadas com tecnologias militares modernas representam uma ameaça mais credível de um apocalipse nuclear ocorra hoje do que durante a Guerra Fria, alertam dois generais alertam dos EUA e da Rússia no The New York Times.

De acordo com o general aposentado da marinha dos EUA James Cartwright e o Major General russo Vladimir Dvorkin, o risco de um "acidental" conflito nuclear no mundo ocorrer é extremamente elevado, escreve no The New York Times.

A crise na Ucrânia colocou em perigo a estabilidade das relações entre a Rússia e o Ocidente e a questão nuclear novamente aparecem como uma grande ameaça para a vida no planeta, dizem os autores do artigo. A decisão sobre o pedido de ataques de retaliação com base nas informações recebidas do EWS (ou o que é o mesmo, satélites e radares de terra). O tempo de vôo do míssil estratégico oscila entre 15 e 30 minutos, por isso a decisão de lançar um ataque de retaliação deve ser feito em poucos minutos.

Isto é extremamente perigoso, dizem os generais. Qualquer falha de alerta precoce de ataque de mísseis como qualquer provocação pode ser um sinal para o início imediato de uma guerra nuclear. Com o surgimento de ameaças cibernéticas o perigo é multiplicado.

Portanto, os militares recomendaram à Casa Branca e o Kremlin que esqueçam a confrontação e abandonem bilateralmente os princípios para a implementação de ataque de retaliação, com base em informações dos sistemas de alerta rápido e formação das forças nucleares estratégica.

Fonte: http://www.ultimosacontecimentos.com.br/guerras/perigo-de-uma-guerra-nuclear-e-maior-do-que-nunca.html


Tudo sobre espetacular chuva de estrelas ocorrida nesta quarta-feira


A primeira chuva primaveral de estrelas, as Líridas, que está ocorrendo entre os dias 16 e 25 de Abril, atingirá o pico na noite desta quarta-feira. Poderá ser apreciadas dezenas de estrelas cadentes por hora a simples vista.

Uma das chuvas de meteoros mais espetaculares, as Líridas, atingem o seu pico na noite entre 22 e 23 de Abril. O número máximo esperado de meteoritos é entre 10 a 20 por hora. No entanto, esta chuva é caracterizada pela imprevisibilidade: o número de meteoritos pode atingir até 200 unidades por hora. Diante disso, o evento astronômico pode ser um espetáculo, com caudas de poeira com meteoros brilhantes que parecem estar pendurado no ar.

O melhor lugar para observar as Líridas ser o hemisfério norte, embora o evento seja visível em qualquer lugar do mundo. A melhor hora é depois de meia noite até o amanhecer. Este ano, oferece boas condições para observar o evento: até mesmo a Lua não poderá impedir, porque ela está em fase crescente. A chuva de estrelas pode ser vista a olho nu, então não há necessidade de óculos especiais ou telescópios.

O nome de as Líridas é devido a constelação de Lyra, de onde as estrelas cadentes parecem ter nascido. Na realidade, o fenômeno é devido à presença de resíduos de cometa Thatcher (C / G1 1861), os quais são queimados na atmosfera, produzindo os “fogos de artifício”.

Fonte: http://www.ultimosacontecimentos.com.br/grandes-sinais-do-ceu1400518699/tudo-sobre-espetacular-chuva-de-estrelas-que-caem-hoje.html

Oposição contra Dilma está entre o impeachment e o "sangramento"

Oposição está disposta a pedir impugnação de Dilma Rousseff. Mas, apesar de os argumentos se terem aproximado do chamado impeachment, a cautela ainda reina.

Aécio Neves é a figura mais importante da oposição a Dilma. Tem aproximado o discurso do impeachment mas diz que é preciso provas UESLEI MARCELINO/REUTERS

O maior partido da oposição no Brasil, o PSDB do derrotado presidencial Aécio Neves, parece ter mudado de estratégia em relação ao pedido deimpeachment – impugnação – da Presidente Dilma Rousseff. Se, antes das grandes manifestações que exigiram a saída da Presidente, o PSDB afirmava com clareza que o impeachment não fazia parte dos seus planos, na última semana, procurando capitalizar o descontentamento nas ruas e aproveitando a crise de popularidade de Dilma, o partido aproximou-se à defesa do afastamento da Presidente do Brasil.

O debate, contudo, está muito activo no interior do partido e o seu líder, Aécio Neves, continua a ser prudente na abordagem à figura do impeachment. Neste domingo, na coluna de opinião para o diário brasileiro Folha de São Paulo, Aécio abordou o tema: apesar de o impeachment ter de percorrer um caminho de “legalidade” para ser “solução legítima”, para o líder do PSDB “o papel das oposições neste momento é não se acovardar”.

O PSDB, aliás, aliou-se aos Verdes, Partido Popular Socialista e Democratas e, em bloco, dizem que estão a analisar a possibilidade de avançarem para um pedido de impeachment, embora ainda não se tenham comprometido com o processo. Um ponto central para esta decisão será o parecer jurídico encomendado pelo PSDB sobre a utilização dessa figura jurídica, que deve ficar pronto esta semana.

Aécio, assegura a revista Veja na sua edição desta quarta-feira, está sob pressão do grupo de apoiantes do impeachment dentro do partido. São os opositores do “sangramento” e têm uma forte presença no Congresso brasileiro – entre eles estão os líderes do partido na Câmara dos Deputados e Senadores. O “sangramento” foi a modalidade adoptada pelo PSDB em relação a Lula da Silva durante o processo do Mensalão. O partido optou por deixar “sangrar” Lula em 2005 e não atacá-lo directamente com oimpeachment. No ano seguinte, o ex-Presidente do Brasil venceu as eleições.

Mas há uma voz poderosa no PSDB que vai contra esta tendência. Fernando Henrique Cardoso, o ex-Presidente do Brasil e líder honorário do PSDB, é uma das figuras maiores do debate no partido e o principal representante da ala anti-impeachment. “Impeachment não pode ser tese”, disse o ex-Presidente no domingo. “Não pode transformar seu eventual desejo de que talvez fosse melhor outro Governo, e não pode fazê-lo fora das regras da democracia”, defendeu. Não existe nenhuma suspeita ou acusação judicial sobre a Presidente do Brasil e, por isso, a figura de impeachment aproxima-se do “golpismo” (expressão utilizada pelos defensores do executivo).

Razões contrárias, clima alterado

Há várias razões para a cautela de Aécio Neves e para a oposição de Fernando Henrique Cardoso à utilização do impeachment. A coligação do Governo está hoje mais coesa do que em Março, mês dos maiores protestos. Dilma Rousseff acomodou o seu principal parceiro, o PMDB, ao nomear Henrique Alves para ministro do Turismo. E um pedido de impeachment terá de passar primeiro pela Câmara dos Deputados e, depois, pelo Senado. Se a coligação e, sobretudo, o PMDB se mantiver com o Partido dos Trabalhadores (PT) de Dilma, o processo de destituição morrerá à nascença.

Há um segundo argumento contrário, que é disputado por alguns elementos do PSDB. O ponto central de um pedido de impeachment tem obrigatoriamente de passar por um crime de responsabilidade de Dilma ou de um crime eleitoral. E, se é verdade que o PT se encontra sob fogo pela sua proximidade ao escândalo de corrupção na Petrobras, é certo também que Dilma não foi acusada de nenhum crime.

Mas alguns elementos do PSDB vêem brechas na defesa da Presidente do Brasil. Nesta semana, o agora ex-tesoureiro do PT foi detido pela polícia e encontra-se em prisão preventiva pelo envolvimento na rede de corrupção na Petrobras. O segundo argumento poderia passar por irregularidades eleitorais – os tribunais investigam o alegado papel dos Correios no Brasil na distribuição de panfletos eleitorais de Dilma –, e por um outro crime de responsabilidade: o Tribunal de Contas acusou o Governo de mascarar as contas públicas ao retardar despesas do Estado.

Até agora, e apesar da pressão de alguns elementos do PSDB, os argumentos favoráveis ao impeachment de Dilma ainda não convenceram Aécio Neves. Mas o líder do maior partido da oposição parece disposto a acolher a defesa de um processo de destituição caso haja provas contra Dilma. Como o próprio escreve no Folha de São Paulo, o seu papel “é exigir investigações”.

Fonte: http://www.publico.pt/mundo/noticia/a-oposicao-brasileira-esta-entre-o-impeachment-e-o-sangramento-1693274

Tornado atinge Santa Catarina

Um tornado atingiu ontem oeste de Santa Catarina causando grande destruição, Luiz Melo, meteorologista do Inmet Brasília disse que este tornado está numa escala entre F2 e F3.

Pelas imagens é possível perceber a potência de destruição deste Tornado.

A escala de classificação de tornados começa em 65 km/h, F0 e chega a mais de 500 km/h. o F5 que é considerado o mais forte.



Para muitos este é um aviso das estações no qual Jesus falou

«Não sabeis o dia nem a hora, mas sabeis as estações.»


Fonte:http://setimoportal.wordpress.com/2015/04/21/tornado-atinge-santa-catarina-alerta-a-grande-tribulacao-chegou/

As galáxias gigantes morrem de dentro para fora

A formação estelar em galáxias que estão agora “mortas” desligou-se há milhares de milhões de anos atrás. O VLT do ESO e o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA revelaram que três milhares de milhões de anos após o Big Bang, estas galáxias ainda formavam estrelas nas suas periferias, mas isso já não acontecia nos seus interiores. O desligar da formação estelar parece ter-se iniciado nos núcleos das galáxias, espalhando-se depois para as regiões mais externas.

Este diagrama ilustra este processo. Galáxias do Universo primordial situam-se à esquerda no diagrama. As regiões azuis são onde a formação estelar se encontra ativa e as regiões vermelhas mostram as regiões “mortas” das galáxias, ou seja, onde existem apenas estrelas velhas vermelhas e não se formam já estrelas jovens azuis. As galáxias esferoidais que resultam do processo e se encontram no Universo atual estão do lado direito do diagrama.
Crédito: ESO

Os astrónomos mostraram pela primeira vez como é que a formação estelar em galáxias “mortas” se desligou há milhares de milhões de anos atrás. O VLT (Very Large Telescope) do ESO e o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA revelaram que três milhares de milhões de anos após o Big Bang, estas galáxias ainda formavam estrelas nas suas periferias, mas isso já não acontecia nos seus interiores. O desligar da formação estelar parece ter-se iniciado nos núcleos das galáxias, espalhando-se depois para as regiões mais externas. Estes resultados foram publicados a 17 de abril de 2015 na revista Science.

Um dos principais mistérios da astrofísica prende-se com o facto de saber como é que as galáxias elípticas massivas adormecidas, bastante comuns no Universo atual, extinguiram as suas antes intensas taxas de formação estelar. Tais galáxias colossais, muitas vezes também chamadas esferoides devido à sua forma, possuem tipicamente dez vezes mais estrelas nas suas regiões centrais do que as que tem a nossa galáxia, a Via Láctea, e contêm também cerca de dez vezes mais massa.

Os astrónomos referem-se a estas galáxias como sendo vermelhas e mortas, uma vez que possuem uma enorme abundância de estrelas vermelhas velhas, mas falta-lhes estrelas azuis jovens, e não mostram sinais de formação estelar recente. As idades estimadas das estrelas vermelhas sugerem que as suas galáxias hospedeiras deixaram de formar novas estrelas há cerca de dez mil milhões de anos atrás. Este desligar da formação estelar começou logo após o pico de formação estelar no Universo, quando muitas galáxias ainda estavam a formar estrelas a uma taxa cerca de vinte vezes maior do que atualmente.

"Estas galáxias esferoides muito massivas contêm cerca de metade de todas as estrelas que o Universo produziu durante toda a sua vida," disse Sandro Tacchella do ETH Zurich na Suíça, autor principal do artigo que descreve estes resultados. "Não podemos dizer que compreendemos como é que o Universo evoluiu e se tornou no que hoje é, se não compreendermos primeiro como é que estas galáxias evoluíram."

Tacchella e colegas observaram um total de 22 galáxias de massas diferentes, numa época que corresponde a cerca de três mil milhões de anos depois do Big Bang. O instrumento SINFONI montado no VLT recolheu radiação desta amostra de galáxias, mostrando de modo preciso onde é que se encontravam as estrelas recém-formadas. O SINFONI pode fazer estas medições detalhadas de galáxias distantes graças ao seu sistema de ótica adaptativa, que consegue cancelar a maior parte dos efeitos de distorção da atmosfera terrestre.

Os investigadores apontaram também o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA à mesma amostra de galáxias, tirando partido da posição do telescópio no espaço, acima da atmosfera do nosso planeta. A câmara WFC3 do Hubble obteve imagens no infravermelho próximo, revelando a distribuição espacial das estrelas mais velhas no seio destas galáxias.

"O que é extraordinário é que o sistema de ótica adaptativa do SINFONI pode contrabalançar em grande parte os efeitos atmosféricos e dizer-nos onde é que estão a nascer as novas estrelas, fazendo-o com a mesma precisão com que o Hubble nos dá a distribuição de massas estelares," comenta Marcella Carollo, também do ETH Zurich e coautora do estudo.

De acordo com os novos dados, as galáxias mais massivas da amostra mantiveram uma produção estável de novas estrelas nas suas periferias. Contudo, nos seus centros densamente populados, a formação estelar já se encontrava desligada nesta altura.

"Esta, agora demonstrada, paragem da formação estelar a ocorrer de dentro para fora em galáxias massivas deverá ajudar-nos a compreender os mecanismos subjacentes envolvidos, os quais têm sido extensivamente debatidos desde há muito tempo no seio da comunidade astronómica," diz Alvio Renzini, do Observatório de Pádua, Instituto Nacional de Astrofísica italiano.

Uma teoria promissora para explicar este fenómeno é que os materiais necessários à formação das estrelas espalham-se em correntes de energia libertadas pelo buraco negro supermassivo central da galáxia, à medida que este devora enormes quantidades de matéria. Outra ideia diz que o gás deixa de fluir para o interior da galáxia, deixando-a sem combustível para formar novas estrelas e transformando-a num esferoide vermelho e morto.

"Há muitas sugestões teóricas diferentes para explicar os mecanismos físicos que levaram à morte destes esferoides massivos," diz a coautora Natascha Förster Schreiber, do Max-Planck-Institut für extraterrestrische Physik em Garching, Alemanha. "Descobrir que a extinção da formação estelar começou nos centros, tendo depois progredido para o exterior da galáxia é um passo muito importante para compreender como é que o Universo se transformou no que hoje é."

Fonte: http://issoeciencia6.blogspot.pt/

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Alerta Laranja - Asteroide passará amanhã a 76 mil km da Terra


O asteroide 2015 HD1, deve passar amanhã a apenas 76800 km do nosso planeta. A rocha tem 15 metros e se desloca a 54 mil km/h. Apesar da pouca distância não há risco de colisão.

2015 HD1 tem cerca de 5 mil toneladas e um volume estimado em 1768 metros cúbicos. Se atingisse a Terra o asteroide liberaria energia equivalente a explosão de 143 kilotons de TNT ou 8 bombas simliares à de Hiroshima.

Fonte: Apolo 11.

Será que a NASA irá revelar o que realmente são as luzes de Ceres ?

Luzes em Ceres

Muitos curiosos têm indagado sobre as misteriosas luzes que foram fotografadas pela sonda Dawn da NASA no planetoide Ceres, localizado no cinturão de asteroides, entre Marte e Júpiter.

Como este se trata de um fenômeno inusitado na astronomia, muitas teorias foram levantadas a respeito do que poderia causar estes brilhos na superfície de Ceres, inclusive cogitou-se a respeito das luzes serem bases de mineração alienígena. 

colorized-570x197

Agora, estão circulando algumas “fotos melhores” da sonda Dawn da NASA, que está orbitando o planeta anão Ceres, desde 6 de março.

As imagens liberadas esta semana foram tiradas a aproximadamente 45.000 km de distância e colorizadas através de filtros azul, verde e infravermelho, para criar um mapa da superfície. A NASA disse que as diferenças entre as cores ajudam a identificar a composição da superfície de Ceres.

Mas qual seria a explicação para aquelas luzes?

A NASA batizou as manchas de luz como 1 e 5 (mas não falou nada sobre 2, 3 e 4) e, de acordo com a agência espacial, seus padrões térmicos são diferentes: a número 1 é mais fria do que a número 5.

Anteriormente foi observado que estas luzes mudam de intensidade, ficando mais brilhantes durante o dia em Ceres, e menos brilhantes durante o por do Sol, o que dá apoio à teoria de que sejam consitituidas de gelo, o qual reflete a luz solar.

A NASA anunciou que irá tirar mais fotos em 23 de abril, à uma distância de 13.500 km.

Abaixo, pode-se ver uma das fotos atuais ampliada, mostrando o que aparentam ser estruturas quadradas.

building-copy-570x448

Fonte: http://ovnihoje.com/2015/04/19/sera-que-a-nasa-ira-revelar-o-que-realmente-sao-as-luzes-de-ceres/#axzz3Xst4ZlNe

Brasil foi o país com maior número de ambientalistas assassinados em 2014

ONG Global Witness registrou 116 mortes, das quais 29 foram no Brasil.

Mortes estão relacionadas a conflitos na agricultura, mineração e energia.

Site da organização Global Witness publicou relatório 'How man more?', sobre violência contra ambientalistas (Foto: Reprodução)
Site da organização Global Witness publicou relatório 'How man more?' em seu site nesta segunda-feira; documento fala sobre violência contra ambientalistas (Foto: Reprodução)

Um relatório da ONG britânica Global Witness divulgado nesta segunda-feira (20) afirma que o Brasil foi o país com o maior número de ambientalistas assassinados em 2014. Foram registradas 29 mortes no país.

Ao todo, foram documentadas 116 mortes de ambientalistas em 17 países. No ranking de violência contra os ativistas, o Brasil é seguido por Colômbia, com 25 mortes, Filipinas, com 15 mortes e Honduras, com 12 mortes.

Globalmente, mortes de ativistas ambientais alcançaram uma média de mais de duas por semana em 2014, crescimento de 20% frente ao ano anterior, segundo o relatório.

De acordo com o relatório "How many more?" ("Quantos mais?", em português) Honduras foi considerado o país mais perigoso para ativistas ambientais nos últimos cinco anos, com o maior número de mortes per capita. Foram 101 assassinatos entre 2010 e 2014.

A maioria das mortes, segundo a organização, está relacionada a conflitos na agricultura, na mineração e no estabelecimento de usinas hidrelétricas. Cerca de 40% das vítimas eram indígenas.

“Historicamente, tem havido uma distribuição de terra desigual na América Latina, o que tem causado conflitos entre companhias locais e estrangeiras e comunidades”, disse Billy Kyte, da Global Witness, à Thomson Reuters Foundation.

“Governos na América Latina não estão tratando esse problema com seriedade. Níveis de impunidade são muito altos e os perpetradores ficam livres”, disse.

Fonte: http://g1.globo.com/natureza/noticia/2015/04/brasil-foi-o-pais-com-maior-numero-de-ambientalistas-assassinados-em-2014.html

Edgar Cayce e o enigma da esfinge - Provável existência de uma 'cápsula do tempo'


Previsões do paranormal americano Edgar Cayce reforçam a provável existência de uma 'cápsula do tempo' enterrada entre as patas dianteiras da esfinge egípcia

O conteúdo dessa cápsula seriam textos sobre uma grande civilização que existiu há 12.000 anos!


Edgar Evans Cayce foi um paranormal norte-americano que teria canalizado respostas para questões que tratam sobre espiritualidade, imortalidade, reencarnação, saúde, dentre outras. 

Nascimento: 18 de março de 1877, Hopkinsville, Kentucky, EUA

Falecimento: 3 de janeiro de 1945, Virginia Beach, Virgínia, EUA

Em 1993, testes com um tipo de sonar, revelaram que existe uma câmara entre as patas dianteiras da esfinge. Os pesquisadores afirmam que alguém, deliberadamente, construiu uma espécie de cápsula do tempo, narrando os eventos de quase 12.000 anos atrás, a grande civilização que existiu e sobre um grande cataclismo que a fez desaparecer.


Outras evidências

Os últimos estudos arqueológicos revelam que a esfinge mostra sinais de erosão por chuvas torrenciais que só poderiam acontecer nessa região do Egito em 10.500 A.C., quando Gizé era uma planície verdejante.

Em outra pesquisa descobriu-se que, em 10.500 A.C., a esfinge estaria "olhando" para a constelação de Leão e próximo estaria Órion, representando as pirâmides. 10.500 A.C. é, portanto, a única data em que a imagem do céu bateria com o conjunto de monumentos em Gizé. 

Mas... a Era de Leão iniciou exatamente nesse época... 

Há mais ou menos 10.800 anos atrás indo até 8.840 a.C...                     

E Leão é o signo zodiacal oposto a Aquário que determina a Era de Aquário - a era atual em fase de transição... como indica a imagem abaixo...

Veja que o ponto vermelho bem próximo da faixa amarela é o Sistema Solar se aproximando da tal faixa de Fótons...

Mais uma coincidência?

A ligação entre as previsões de Cayce e a esfinge

O canal americano Sightings exibiu um programa sobre o famoso paranormal/vidente Edgar Cayce e sua ligação com o enigma da esfinge pois, nos anos 30, ele previu que os arquivos da Atlântida (o continente perdido) seriam encontrados na última década do século, em uma câmara entre as patas da esfinge.

Batalha pelos Registros Atlantes sob a Esfinge

"...A descoberta de câmaras embaixo da mais antiga escultura do mundo desencadeou uma luta pela dominação entre os governos mundiais, alguns indivíduos e os poderes ocultos da Terra.
...
As tramas em andamento pela captura da antiga tecnologia atingiram um nível mais alto em 1993, quando foi descoberta uma passagem escondida na Grande Pirâmide. 

Usando um robô designado como UPUAT2, o engenheiro alemão Rudolf Gantenbrink descobriu que um conduto de ar na Câmara da Rainha terminava abruptamente, em vez de prosseguir até a superfície da pirâmide. 

Fotografias tiradas pelo UPUAT2 revelaram eletrodos de metal de alta tecnologia instalados numa porta do conduto, no mínimo há 4 mil anos. Com isso, foi rompido o verniz de silêncio místico que recobre a realidade fatual de que fontes de poder de elevada tecnologia foram usadas no antigo Egito. 

Essa descoberta ameaçou o dogma central de que a confiança na sabedoria em vigor deve ser preservada a qualquer custo, para não perturbar o doce usufruto das mordomias.

Estava ameaçada a crença popular de que o Homo Sapiens atingiu em nosso tempo o ápice do desenvolvimento. Outros já tinham estado ali e atingido esse nível — e então deixaram como testemunho as pirâmides. 

Foi programado que o conduto seria aberto publicamente com uma câmara de microvideo em março de 1997, depois que o seu conteúdo havia sido secretamente visto pelos poderosos. Informações transmitidas a Richard Hoagland originárias de um “espião” amigável no Egito sugerem que a porta foi aberta em 20 de outubro de 1996, às nove horas da manhã. Por trás da porta havia uma pequena câmara contendo apenas a estátua de um homem negro sentado, empunhando um ankh. 

O significado dessa estátua, do ankh e a data detêm a chave para uma tecnologia que governou esse planeta com suprema elegância antes de decair ao longo da espiral evolutiva. 

O mito moderno da civilização egípcia forjado no século passado, quando os investigadores viajavam em navios a vapor, se estilhaçou com os laser amplificados por cristais. 

O inventário de lindas gemas confiscadas durante as Guerras das Pirâmides (8970 a.C.) tinha um contexto tecnológico que se soletrava p-o-d-e-r. Importantes fios foram tecidos ao longo do Nilo durante milhares de anos, para se entrelaçar em nossa época com investigadores recentemente banidos do Egito.

Em 1992, John Anthony West e o Dr. Robert Schoch publicaram indicações de que a Esfinge tinha sido erodida pela água no período 7000-5000 a.C., provando desse modo que os monumentos eram mais antigos que a mais antiga dinastia egípcia. 

O atual povo egípcio migrou para a área da Esfinge e da Grande Pirâmide, já existentes, e construíram réplicas inferiores do que encontraram. Túmulos do Antigo Reino no planalto de Gizé cortados da mesma rocha que a Esfinge não apresentam a erosão aquática da Esfinge. Portanto, a Esfinge deve ser muito mais antiga do que as estruturas do Antigo Reino.

Câmaras abaixo da Esfinge (previstas desde 1934 por Edgar Cayce, o “profeta adormecido”) foram descobertas por meio de sismógrafos e ondas de sonar em 1993. Zahi Hawass, do Departamento Egípcio de Antiguidades, negou a interpretação da visível evidência da erosão aquática, bem como a existência de câmaras subterrâneas. 

O turismo é o sustentáculo multibilionário da economia egípcia, e novas descobertas apontando para uma história das pirâmides anterior aos egípcios foram recebidas com hostilidade.

Enquanto isso, pesquisas empreendidas por Robert Bauval e Graham Hancock, co-autores de Message of the Sphinx (A mensagem da Esfinge) foram apresentadas num documentário da BBC exibido em todo o mundo. 

O livro, best-seller em 1996, e o documentário chamavam atenção para a negativa do governo egípcio sobre a existência das câmaras. 

Num confronto do velho estilo, Bauval, Graham Hancock e John Anthony West foram expulsos do Egito e, para ter certeza de que sua posição era inequívoca, membros do Departamento de Antiguidades ameaçaram cortar as cabeças dos pesquisadores e defecar sobre elas!

Essa não era a primeira vez que o governo egípcio bania pesquisas que punham em risco sua afirmação de que seus ancestrais haviam construído aqueles antigos monumentos. 

Após conduzir uma equipe de pesquisa em Saqara, onde foram feitas importantes descobertas acerca do ankh, o Dr. Lawrence Kennedy fora banido do Egito em 1980. Kennedy ganhou o status de persona non grata quando tirou fotografias da imagem de um UFO em forma de charuto numa parede que permanecia fechada ao público desde 1922.

Mas o destino estabelece seu próprio terreno de jogos, e as pesquisas do Dr. Kennedy em 1980 tinham desvendado o ankh. (1) Observando que o ankh era o único símbolo-chave não associado a um hieroglifo, ele levantou a hipótese de que não se tratava de uma forma de linguagem mas de um objeto ou instrumento real.

Representações do ankh sempre o mostravam sendo entregue a um faraó por uma divindade, ou sendo entregue ao povo pelo faraó. O ankh, o antigo símbolo de Vênus, era um instrumento dado a um faraó por um deus. Kennedy suspeitava de que o ankh fosse usado para ativar o tímus, que controla o processo de envelhecimento.

Realizando experimentos com combinações de metais empregados pelos egípcios, o Dr. Kennedy desenvolveu um ankh que produzia mudanças tangíveis na energia humana, visíveis nas fotografias Kirlian. 

O ankh que ativa a energia humana sutil era feito de ouro, prata e cobre entrelaçados numa haste de cristal. A estátua de um homem empunhando um ankh no seu colo mostrava sua posição quando presumivelmente ele ativa o corpo humano. 

Modelos viáveis do ankh com uma haste de cristal corroboraram a tecnologia de cristal da Atlântida descrita por Edgar Cayce.

Ao longo de 30 anos, por meio de uma série de palestras privadas, Edgar Cayce descreveu a civilização da Atlântida, um continente que submergiu no Oceano Atlântico. 

A fonte de energia para a tecnologia atlante descrita por Cayce eram os “cristais de fogo” que acumulavam o calor da atmosfera. Essa energia armazenada era em seguida distribuída através da malha da Terra para o benefício do público, o que incluía o fornecimento de energia a submarinos e aeronaves. 

A partir do auge da civilização atlante, 50.000 anos atrás, três cataclismos que se estenderam por 28.000 anos quebraram o continente, formando uma cadeia de ilhas; o afundamento da maior ilha, Poseidon, ocorreu em 10.500 a.C.

O primeiro cataclismo foi provocado quando os indivíduos responsáveis por ajustar a freqüência da malha da Terra acidentalmente a sintonizaram num nível elevado demais. 

Há cerca de 22.000 anos, a energia anteriormente usada para propósitos pacíficos foi desviada para armamentos, o que provocou o segundo cataclismo. Um raio penetrou com violência na superfície do planeta, rompendo uma placa tectônica no Oceano Atlântico e quebrando o continente em várias ilhas.

O desaparecimento final das ilhas veio após milênios de conflito entre os sacerdotes de Baal, que introduziram sacrifícios, e os sacerdotes da Lei do Uno. 

Como a cadeia de ilhas afundou no decorrer de milhares de anos, nos últimos séculos da Atlântida foram feitas migrações para o Egito, a China e a América Central. 

Pirâmides nesses locais, algumas descobertas apenas nas últimas décadas, dão testemunho das palavras proféticas de Cayce.
  
Veja os vídeos Abaixo:



Fonte:http://arqueologiasoboutravisao.blogspot.com.br/

                                     

Ucrânia complicaa situação declarando guerra a todos os adversários

  
Press TV realizou uma entrevista com Mike Billington, com a Executive Intelligence Review, a partir de Leesburg, para discutir a postura do governo ucraniano em relação a independência das regiões orientais da Ucrânia, realizadas por combatentes pró-russos.
 
O que se segue é uma transcrição aproximada da entrevista.
 
Press TV: Você acha que Kiev irá reconhecer a independência de áreas mantidas por combatentes pró-Rússia?
 
 Billington: Eu não acho que é necessário para Kiev a reconhecer a independência e eu não acho que a Rússia ou a Putin estão exigindo isso.  Eu sei que existem alguns no leste que estão mas alguma forma de autonomia seria adequada.  O problema não é isso. O problema é que o que temos em Kiev não é apenas um regime que representa as forças neo-nazistas colocadas no poder pelos EUA e Victoria Nuland, mas a partir da última quinta-feira de uma semana atrás, o governo a Kiev e Proshenko também emitiram uma série de novas leis que ainda não foram assinadas, que são abertamente fascistas que honram com a tradição do colaborador de Hitler, Steffen Bandera realmente a  honrar seus seguidores com benefícios sociais especiais e declarando abertamente a guerra a qualquer oposição ao governo de Kiev.
 
Nossa amiga muito próxima Natalia Vitrenko,  líder do Partido Socialista Progressivo na Ucrânia, uma longa opositora ferrenha das forças neo-nazista dentro do governo Poroshenko emitiu uma declaração muito forte exigindo que Poroshenko não assine essas leis neo-nazistas que foram colocadas através de e, infelizmente, ela está sendo diretamente ameaçada.  A SBU o serviço secreto do regime em Kiev emitiu declarações acusando-a de tirar dinheiro da Rússia para financiar terroristas amplamente falsas acusações que são claramente destinadas a definir-la ao assassinato.
 
Tenho certeza que você sabe que na última semana dois principais líderes anti-Kiev, um membro do parlamento, Kalashnikov e um jornalista de renome que tem sido um opositor do regime de Kiev neo-nazi foram mortos a tiros na frente de suas casas e a desencadeamento de tais operações abertamente assassinos são claramente ameaçando Natalia Vitrenko também.  A ... declaração [diz] que onde ela [está] para ser morta como ela mesma já avisou que Victoria Nuland, agente de Obama para a Ucrânia a mulher que supervisionou diretamente o Golpe contra o governo eleito e à imposição dessa força neo-nazista no poder em Kiev tem que ser pessoalmente responsável por essa atrocidade que está sendo planejada e implementada hoje.
 
Press TV: Como poderá a situação tornar-se se o cessar-fogo é rompido, eu quero dizer que isso significará o fim da diplomacia e os esforços políticos para resolver esta crise?
 
Billington: Bem, não necessariamente, mas o cessar-fogo como você sabe foi amplamente violado no dia de Páscoa e lembre-se os neo-nazistas consideram a Páscoa ortodoxa no último domingo. Naquele dia, o setor direita e as forças de Azov desencadearam um novo bombardeio em Donetsk e outras áreas. E tenha em mente que os EUA apenas implantando trezentos soldados e os canadenses estão enviando duzentos mais para a Ucrânia para treinar a guarda nacional, que é composta em grande parte da brigada de Azov, que é abertamente neonazista levando a Swastika e  elogiam Stepan Bandera.  Este é um ato de guerra.
 
É visto como um ato de guerra e é um passo no sentido de armar em uma guerra em grande escala contra a Rússia. Este não é um problema realmente sobre a Ucrânia, é uma questão de os EUA sob Obama como seus antecessores como Bush tentando provocar uma guerra contra a Rússia e China para quebrar a aliança emergente da Rússia, China, Índia e outros em torno de um paradigma econômico de novo mundo através das nações BRICS e da nova iniciativa asiática de um Banco de interesse industrial e de Infrastrutura, que é visto como uma ameaça para a oligarquia financeira que, infelizmente, controla a administração Obama e a maioria dos governos europeus. Assim, a utilização da Ucrânia, assim como o uso do regime sírio visam provocar uma guerra mundial e estamos muito perto de uma guerra nuclear global, se não podemos parar essas ações provenientes da administração Obama. Tirá-lo do poder, que seria o primeiro passo necessário.
 
Fonte: http://www.presstv.ir

O cartel Médico - Grande demais para falir,muito maléfico para se expor

Existem várias razões pelas quais o cartel médico é grande demais para falir: a enorme quantidade de dinheiro em jogo; o seu objetivo de populações sob controle.

Neste artigo, quero examinar uma razão relacionada.

Suponha que descobriu-se que milhares de pontes em todo os EUA estavam em perigo iminente de colapso? Não por causa de manutenção e reparação faltaram, não porque os materiais usados ​​para construí-los eram baratos e de má qualidade. Mas porque os desenhos originais foram inadequados e quebrou regras básicas de engenharia.

Suponha cinco ou seis grandes fabricantes construíram as suas automóveis por isso a grande maioria de energia proveniente dos motores foi transferida para uma roda?

Suponha que o Departamento de Agricultura dos EUA recomendou que todos os agricultores pulverizar suas plantações com cloro pesado em vez de água?

Em outras palavras, a própria ciência é fraudulenta.

Esta revelação, acima de tudo, é o que o cartel médico tenta proteger contra. Sua profissão tem empurrado em todas as suas fichas na proposição de propaganda que ele faz ciência impecável.

Ciência vende. A aparência do que vende. É a pedra fundamental de muitas indústrias.

Eram a pedra de crack e quebrar, todas as apostas seria off. A fraude titanic viria à luz. O tipo de fraude que tanto congelar as mentes das pessoas e levá-los longe.

A ciência é a racionalização mais poderosa do mundo moderno. Realidade de consenso não e dispersar sem ele.

Como eu já coberto antes, a estimativa mais conservadora dominante da morte medicamente causado nos Estados Unidos é de 225.000 pessoas por ano. Cada credencial por trás dessa figura é impecável.

O autor do artigo que apresenta as estatísticas foi o falecido Dr. Barbara Starfield, especialista em saúde pública reverenciado que trabalhou por muitos anos no Hopkins Escola de Saúde Pública Johns.

Sua avaliação ", é de US saúde o melhor do mundo?", Foi publicado em 26 de julho de 2000, no Journal of the American Medical Association.

Repartição de Starfield foi o seguinte: o sistema médico mata 119 mil pessoas por ano em os EUA como resultado de maus-tratos nos hospitais. As outras 106 mil pessoas são mortas por medicamentos aprovados pela FDA.

O FDA deve aprovar todas as drogas como seguro e eficaz antes de ser liberado para uso público.

São os medicamentos que eu quero focar neste artigo. 106 mil mortes por ano se traduz em uma surpreendente 1.060.000 mortes por década.

Como essas drogas aprovado?

Os ensaios clínicos são conduzidos. Relatórios desses ensaios são escritos. Os relatórios, estudos, são publicados em jornais peer-reviewed médicos. Os estudos são a ciência.

Se um milhão de pessoas por década estão sendo mortos pelas drogas, em seguida, um grande número de estudos publicados, proclamando as drogas são seguras são pura fraude. Não há outra maneira de colocá-lo.

Esta declaração de Marcia Angell, ex-editor do New England Journal of Medicine, ecoa o fato:

"Ele simplesmente não é mais possível acreditar grande parte da pesquisa clínica, que é publicado, ou para confiar no julgamento de médicos de confiança ou orientações médicas autorizadas. Não tenho prazer em esta conclusão, que eu alcancei lentamente e com relutância sobre minhas duas décadas como um editor de The New England Journal of Medicine ".

(Marcia Angell, MD, The New York Review of Books, 15 de janeiro de 2009, "as companhias farmacêuticas e médicos: Uma história de Corrupção")

O cartel médico baseia-se em fraude cataclísmico, fraude científica.

Imagine o que aconteceria se apenas um meio de comunicação importante decidiu tomar sobre esta história e empurrá-lo para todos vale a pena. Não apenas um artigo ou dois uma campanha em curso de exposição implacável.

O silêncio daquele trimestre fala muito sobre a imprensa controlada e que ela representa.

Ao longo dos anos, tenho escrito muito sobre a FDA. Pensei em montar uma pequena fração do que em um só lugar, para revelar o que esta agência federal é realmente sobre tudo e por que deve ser desmantelado, em meio a uma tempestade de acusações e condenações por homicídio por negligência e, sim, um assassinato.

A descoberta de uma página, no próprio site da FDA, prova a FDA está ciente de que:

(http://www.fda.gov/Drugs/DevelopmentApprovalProcess/DevelopmentResources/DrugInteractionsLabeling/ucm114848.htm)

As drogas que certifica como seguro foram matando americanos, à taxa de 100.000 por ano.

A página do site FDA está disponível sob o título: "Por conhecer as reações adversas ao medicamento." Você pode procurá-lo usando o motor de busca Startpage.com.

O FDA tem nenhuma culpa, nenhuma responsabilidade por suas próprias ações, e ainda admite as estatísticas de óbitos são precisos.

Entenda isso muito claramente. Nenhuma droga médica nos Estados Unidos pode ser liberado para uso público e até menos que a FDA afirma que é seguro. A FDA é a agência que faz com que cada tal decisão sobre cada droga. O fanfarrão para lá.

Sim, o FDA tem uma "relação especial" com a indústria farmacêutica. Sim, o FDA utiliza os médicos em seus painéis de drogas por aprovação que têm vínculos com a indústria farmacêutica. Mas, no final, é o selo oficial FDA que abre o portão e permite que um medicamento seja prescrito por médicos e vendidos em os EUA.

Em toda a minha pesquisa sobre este holocausto médico-droga, eu nunca encontrei um caso em que qualquer funcionário FDA foi censurado, demitido, ou processado criminalmente por matar os efeitos dessas drogas.

Isso é um histórico Organized Crime seria motivo de orgulho, e a comparação não é frívola.

Nesta página website FDA, a FDA também admite que medicamentos são a quarta causa de morte nos Estados Unidos, à frente de doença pulmonar, fatalidades diabetes, AIDS, pneumonia, acidentes e automóveis.

A página do site FDA também afirma há 2 milhões de reacções adversas graves (ADRs) da ingestão de medicamentos, anualmente, em os EUA. Isso seria 20 milhões de ADRs por década.

Quando a FDA diz que "sério", eles não estão falando sobre dores de cabeça ou leve tontura ou náusea temporária. "Grave", acidente vascular cerebral, ataque cardíaco, dano neurológico; destruição dessa magnitude.

Analisando esses números para morte e debilitação, você pode encontrar qualquer crime documentados comparável na paisagem americana? Este é o tipo de história que faria Watergate parecer um piquenique da escola dominical.

Se um jornal como o New York Times deixe perder seus cães para explorar implacavelmente o horror, eu lhe asseguro que, com o tempo, os médicos e os burocratas médicos e até funcionários de drogas da empresa sairia da toca com confissões e as explosões resultantes e clamores abalaria as fundações / farmacêuticas médicos da América e do planeta.

Ele iria abalar e destruir a ciência.

Mas esses grandes meios de comunicação são uma parte intrínseca da Matriz que protege e sustenta os crimes e os criminosos. Não são apenas os lucros da droga pela publicidade que mantêm os principais jornais e redes de televisão em silêncio. É conluio para proteger "uma instituição reverenciada" -o sistema médico.

Também em jogo é Obamacare. A conexão é vívida e inconfundível. Milhões de norte-americanos, anteriormente sem, será atraído para o sistema e submetidos às mesmas drogas estão matando e mutilando pessoas em uma taxa tão horrível.

Sempre que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos tem sido todos esses anos? Existe alguma maneira, sob o sol, que um milhão de mortes por década pode ser desculpado? Existe alguma maneira a FDA e as companhias de droga pode flutuar com segurança na atmosfera superior de privilégio, enquanto o conceito de justiça mantém algum significado? Onde estão os processos criminais?

Enquanto isso, o FDA segue uma agenda de atacar suplementos nutricionais, e os mais recentes regulamentos federais classificar estes suplementos como "potencialmente perigosos" -apesar o fato de que os suplementos têm um registro de segurança, que é surpreendente.

É hora de o público a perceber que 100.000 pessoas morrem todos os anos em os EUA, porque eles podem tomar medicamentos, é o equivalente a 33 acidentes avião de passageiros contra as Torres Gêmeas, a cada ano, ano após ano.

Se você fosse um repórter médica para um meio de comunicação importante em os EUA, e você sabia que o fato acima, você não iria fazer disso uma prioridade para dizer algo, escrever algo, fazer alguma coisa?

Estou falando de pessoas como Sanjay Gupta (CNN, CBS), Gina Kolata (NY Times), Tim Johnson (ABC News), e Thomas Maugh II (LA Times).

E com isso, vamos para outra arma fumegante. A citação é: BMJ 07 junho de 2012 (BMJ 2012: 344: e3989), anticoagulantes fazer com que os eventos adversos mais graves, encontra US análise. Autor, Jeanne Lenzer.

Lenzer refere-se a um relatório do Institute for Safe Medication Practices:

"Ele calculou que em 2011 medicamentos prescritos foram associados com dois a quatro milhões de pessoas em os EUA sofrem" graves, incapacitantes, ou ferimentos fatais, incluindo 128 mil mortes. "

O relatório chamou isso de "um dos perigos mais importantes para os seres humanos resultantes da atividade humana."

E aqui está o punhal final. O relatório foi compilado por pesquisadores externos que entraram no próprio banco de dados da FDA de "[médico-drogas] eventos adversos graves."

Portanto, dizer que a FDA não tem conhecimento deste achado seria um absurdo. A FDA sabe.

Uma vez que o Departamento de Segurança Interna está a trabalhar o seu caminho em todos os cantos da vida americana, hiper-estender seu mandato para proteger a todos nós de tudo, talvez DHS deve interromper o controle cada movimento que fazemos e simplesmente atacar e prender todos os funcionários da FDA como terroristas. Os detalhes podem ser resolvidos mais tarde.

Quantos fumar armas que precisamos antes de um presidente em exercício encerra os edifícios da FDA, fumigatus-los, e constrói um monumento aos americanos mortos a FDA tem impulsionado em seus túmulos?

Será que precisamos de 100 mil armas de fumar? Será que precisamos de parentes das pessoas que já morreram todos, no espaço de, digamos, apenas um ano, a partir dos efeitos tóxicos de medicamentos aprovados pela FDA, para trazer seus corpos e caixões para as portas da sede da FDA?

E deixe-me fazer outra pergunta. Se em vez de drogas como varfarina, dabigatran, levofloxacina, carboplatina, e lisinopril (os cinco assassinos líderes no banco de dados do FDA), os 100 mil mortes por ano eram liderados por gingko, ginseng, vitamina D, niacina e leite cru, o que você faz acha que aconteceria?

Eu vou te dizer o que iria acontecer. SEALS, Delta Force, DHS-HSI SRT, equipes da SWAT, snipers, drones predadores, tanques e infantaria seria atacar todas as lojas de alimentos saudáveis ​​na América. As mortes resultantes seriam baixados conforme necessário danos colaterais na luta para manter a América segura e saudável.


BTW, que são os especialistas de edição de vídeo que DHS contratados para "sexo up 'este vídeo?

Mas você vê, as mortes de rotina de 100.000 americanos por ano, após a FDA certificou as drogas são seguras, não é uma "questão política reconhecida."

Tal é o poder do cartel médico. Todas essas histórias falsas na imprensa, relatou obedientemente pelos chamados jornalistas médicas? As histórias sobre maybe-poderia ser-possível-milagrosos avanços apenas sobre o horizonte de pesquisa state-of-the-art? Essas histórias estão lá para obscurecer os próprios fatos, muito difícil de morte medicamente causado no chão.

A bola pára na FDA.

Imagine isso. Você vai a uma página web FBI e ler o seguinte: ". Os assassinatos cometidos por agentes do FBI são a terceira principal causa de morte nos Estados Unidos a cada ano"

Mas de alguma forma, a FDA fica afastado com seus crimes, seus homicídios. Não há sinais de alarme, nenhuma prisão, nenhuma audiência, sem declarações públicas, não há reações de imprensa, não há ups agitação na Agência.

O poder do cartel médico é gigantesco.

Quando eu estava concorrendo a uma vaga no Congresso do 29º Distrito da Califórnia, em 1994, e durante a minha participação no movimento Freedom Saúde desse período, eu insisti, tivemos que tomar o ataque para a FDA. Tivemos de fazer seus crimes público.

Foi-me dito por pessoas que estavam levando a carga para a Liberdade de Saúde que a prioridade devia ser dada a aprovação de uma lei que todos nos proteger de ataques aos suplementos nutricionais. Então, quando nós tivemos essa lei, poderíamos pensar em ir após a FDA.

Bem, nós temos a lei, que só nos deu protecção temporária, e depois não houve uma "ir atrás do FDA." Foi de repente, um assunto morto.

Lembro-me das pessoas que disseram: "Não ataque o FDA." Lembro-me de suas atitudes, seus rostos, suas palavras. Eles não eram meus amigos, e eles não eram seus amigos. Alguns deles eram yuppies vender "vamos ser bons" sentimento New Age. Alguns eram as plantas mais prováveis ​​que se infiltraram no movimento Freedom Saúde para diluí-lo.

Vários mentirosos vender suas mentiras através de várias estratégias.

Garanto-vos, há médicos lá fora que sabem as estatísticas sobre a morte medicamente causado em os EUA. Eles sabem sobre as drogas que matam. Eles sabem o que está acontecendo. Eles sabem que o FDA é responsável. Eles permanecem em silêncio. Eles se sentem nenhuma pressão para fazer uma declaração pública. Eles estão vivendo sob o guarda-chuva de proteção oferecido pelo governo e da imprensa e do sistema médico.

Esses médicos são testemunhas silenciosas de assassinato em massa em curso. Assim como o FDA é uma testemunha silenciosa das suas próprias práticas de assassinato em massa. E, claro, os médicos escrever as prescrições para as drogas.

Obama, de Bush, Clinton; nenhum destes homens indicaram a menor consciência do "problema". Será que eles sabem? Será que eles sabem? Assim como eu previ, corretamente, que a FDA sabe, eu digo que esses homens sei. Eles preferem permanecer em silêncio também. Eles não querem tocar este crime de genocídio. Eles não têm o caráter ou a coragem.

Presidentes e diretores de escolas médicas sei. Os professores dessas escolas sei. Executivos da indústria farmacêutica sabe. Os investigadores médicos sabem. O CDC sabe. A Organização Mundial da Saúde sabe. Editores e repórteres nos principais meios de imprensa sabe. A DEA sabe. O Departamento de Justiça dos EUA sabe.

Na medida em que o público em causa é, uma matriz de efeito hipnótico e dissonância cognitiva é o obstáculo. As pessoas acham que é extremamente difícil de acreditar que uma agência federal, em plena luz do dia, ano após ano, semblante e sustenta as mortes desnecessárias de 100.000 pessoas.

As pessoas acham que é extremamente difícil de acreditar que, se essa história é verdadeira, não teria ouvido falar sobre isso já.

As pessoas querem acreditar que um crime desta magnitude incompreensível já teria sido processado em toda a extensão da lei.

As pessoas querem acreditar que a religião secular conhecida como Medicina é dedicado à cura em todas as suas formas.

As pessoas querem acreditar que, uma vez que os médicos podem colocar as vítimas de acidentes de volta juntos em uma peça e pode definir os ossos quebrados e reduzir temporariamente a inflamação, a prática da medicina deve ser uniformemente bem sucedido em toda a linha.

As pessoas querem acreditar na ciência.

Em uma entrevista de 2012 com a impressionante de Truthout Martha Rosenberg, ex-colaborador de drogas FDA, Ronald Cavanagh, expôs a FDA como uma máfia criminosa implacável proteger seu cliente, Big Pharma, com uma série de estratégias de mob.

Cavanagh: "... generalizada [FDA] extorsão, incluindo manipulação de testemunhas e do testemunho retaliação."

"Eu estava ameaçado de prisão."

"Um gerente [FDA] ameaçou meus filhos ... Eu estava com medo de que eu poderia ser morto por falar ao Congresso e investigadores criminais."

Cavanagh avaliação de novas aplicações de drogas feitas à FDA por empresas farmacêuticas. Ele foi um dos redutos da Agência que insistiam as drogas tiveram de ser seguro e eficaz antes de ser liberado para o público.

Mas avaliação honesta não era parte da cultura FDA, e Cavanagh nadou contra a maré, até que ele percebeu que sua vida e na vida de seus filhos estava na linha.

Qual era a sua tarefa secreta no FDA? "Colaboradores drogas foram claramente instruídos a não questionar as empresas farmacêuticas e que o nosso trabalho era para aprovar drogas." Em outras palavras, Carimbo eles. Digamos que os medicamentos são seguros e eficazes quando não estavam.

Cavanagh do recorda uma reunião em que a empresa farmacêutica representante flat-out afirmou que sua empresa tinha pago o FDA para a aprovação da nova droga. Pagou por ele. Como em suborno.

Ele observa que o pyridostigmine droga, dada a tropas dos EUA para evitar os efeitos do gás de nervos ", na verdade, aumentou a letalidade" de certos agentes nervosos.

Cavanagh lembra ter sido dada registros de dados de segurança de uma droga e, em seguida, seus chefes lhe disse quais seções para não ler. Obviamente, eles sabiam que a droga era perigoso e eles sabiam exatamente onde, nos relatórios, esse fato seria revelado.

Como eu mencionei acima, o estudo-análise original sobre a morte medicamente causado na América foi escrito por Dr. Barbara Starfield e publicado no Journal of the American Medical Association.

Três anos atrás, pouco antes de sua morte, eu entrevistei Dr. Starfield. Perguntei-lhe se qualquer órgão do governo já tinha contato com ela sobre suas descobertas, nos nove anos desde a publicação

"Não", ela disse.

Perguntei-lhe se ela tinha conhecimento de qualquer ação compromisso agência federal para remediar os efeitos horríveis de matança do sistema médico dos EUA.

"Não", ela disse.

Tente esta imagem: você é um gatekeeper. Seu trabalho, no primeiro dia de cada ano, é para destrancar a porta e deixá-la aberta, que as pessoas possam passar. Mas você sabe que, quando você abrir o portão, 100 mil pessoas que passam pelo vão morrer no ano seguinte. No entanto, a cada 1º de janeiro de você continuar a abrir o portão.

Isso é o que o FDA é. Isso gatekeeper particular.

Mas, claro, as pessoas na FDA são como nós. Eles não iriam fazer isso, eles não fariam isso, eles não faria isso ...

Mas eles fizeram. Eles fazem. Eles continuam a fazê-lo.

Fonte: NoMoreFakeNews.com

Comente no Facebook