Informação

Neste Xat só serão promovidos a Membros aqueles que estiverem registados no Xat.com

domingo, 23 de novembro de 2014

Aproximando-nos do congelamento

Prepare-se agora! NASA 2015 Predições que vão cair com sua mandíbula para o chão quando você descobrir o que eles previram e como isso poderá trazer centenas de milhares de mortes...


Poderia outra mini Era Glacial estar vindo no nosso futuro próximo?  Um NASA climatologista John L. Casey parece pensar assim, apesar da crença de longa data de Al Gore de que o mundo está se aquecendo. Parece que nossos cientistas brilhantes não consiguem se convencer suas mentes de que a nossa terra está em resfriamento e não aquecimento. Pode ser que tudo isso seja um  absurdo  apenas ou  uma manobra na grande mentira da agora apelidada de "Mudanças Climáticas?" Eu acredito que sim.

As mudanças no clima têm sido sempre uma parte da nossa história. Houve momentos em que foram mais frios do que outras e horários em que são mais quentes do que outros. Mas isso não significa que nós precisamos entender as mentiras que o governo está tentando nos alimentar. Estas alterações são típicas, e não é diferente hoje. John L. Casey é simplesmente prevendo que estamos prestes a bater um período de reflexão de 30 anos, o que é provável, mas não é provável devido à mentira do "aquecimento / arrefecimento / mudanças climáticas globais" vi, ou o que quiserem chamar.

O que estamos vendo é basicamente uma mudança de clima, como mostra a história passada, e nós precisamos nos preparar para sua chegada, se ela atinge o caminho Casey acredita que sim. Ele não somente prediz temperaturas de congelamento, mas também tumultos, terremotos e provavelmente numerosas mortes se o período de frio continua no caminho que ele acredita que sim. Aqui está o mais recente info…




Fonte: www.VineOfLifeNews.net

Ação Executiva de Obama vai acabar com a América

Conseqüências econômicas da anistia unilateral será umgolpe mortal

Obama's Executive Action Will Finish Off America

Ação executiva inconstitucional de Obama "para proteger milhões de imigrantes indocumentados", como The New York Times coloca, é um esforço de bronze para empobrecer ainda mais a classe média americana e converter o país em um terceiro terreno baldio do mundo.

Esta realidade é ignorada pela mídia corporativa, uma vez que celebra o "marco" a traição de Obama da Constituição.

A mídia estabelecimento não aponta o óbvio: o governo federal se fundiu uma enorme subclasse no sistema, especificamente o sistema tributário.

Os detalhes foram enunciados por Neil Munro do The Daily Caller nesta quinta-feira. Ele observou que a legalização dos imigrantes ilegais vai impor novas obrigações financeiras para os contribuintes americanos.

"Os imigrantes ilegais receberão enormes pagamentos de contribuintes norte-americanos sob as regras agora impostas pela anistia unilateral do presidente Barack Obama", escreve Munro.

Ele ressalta declarações de  Cecilia Munoz, uma ex-lobista de imigração que agora é um importante assessora de Obama. Muñoz admitiu milhões de imigrantes mexicanos pobres empobrecidos e bem próximo vão se tornar parte do sistema fiscal.

Munro cita um estudo mostrando que 47 por cento dos imigrantes legais e ilegais e os seus filhos são classificados como vivendo em situação de pobreza ou de quase pobreza.

Uma vez que esses imigrantes estão inscritos no sistema fiscal, Munro observa, eles terão direito a Ganhos pagamentos Income Tax Credit. "Uma família com dois filhos, e uma renda de US $ 20.000, receberia 14.590 dólares em fundos dos contribuintes só este ano", escreve ele.

Esta enorme transferência de riqueza dos americanos produtivos a uma classe parasitária de imigrantes miseráveis vai apressar a falência econômica da nação.

Antes da legalização dos imigrantes ilegais, 49% dos norte-americanos receberam algum tipo de pagamento por transferência do governo: Previdência Social, vale-refeição, as mulheres, as crianças e programa infantil, desemprego, habitação subsidiada, aposentadoria ferrovia, os benefícios dos veteranos, etc.

Obamacare está a agravar ainda mais a situação. "Esta lei vai inviabilizar financeiramente milhões de famílias americanas. Ele realmente é um painel da morte para a economia dos EUA ", escreve Michael Snyder.

Adicione a isso a 29 trilhões de  dólares dados aos "grande demais para falir" bancos, e você tem uma situação que em breve resultará em um colapso econômico.

A situação não é acaso ou devido a péssima atuação do governo e inépcia. É parte de um plano cuidadosamente orquestrado para saquear a riqueza restante do país e destruir a classe média.

Ação executiva inconstitucional de Obama irá importar sistema político e econômico do México para os Estados Unidos - uma pequena elite financeira dominando ao longo de milhões de camponeses extremamente pobres.

Fonte: http://infowars.com/

Estado Islâmico prepara ataques nos Estados Unidos da América e em França

Os serviços de inteligência iraquianos descobriram um plano do Estado Islâmico para atacar linhas de metro nos Estados Unidos da América e em França. Paris seria o primeiro alvo. O alerta está a ser averiguado.


O primeiro-ministro iraquiano, Haider al-Abadi, disse esta quinta-feira, em Nova Iorque, que os ataques são "iminentes" e que a informação apurada pelos serviços de inteligência é "credível". As autoridades norte-americanas e francesas estão a investigar o alerta.

Uma fonte da administração norte-americana que não quis identificar-se disse à agência Reuters que, até ao momento, não havia evidências de um plano para um ataque terrorista nos EUA.
Em declarações à BBC, uma fonte do Governo iraquiano revelou que vários combatentes do Estado Islâmico foram detidos, acabando por confessar o plano terrorista. O primeiro ataque seria no metro de Paris, seguindo-se locais não especificados nos EUA.

Recorde-se que, desde agosto, foram efetuados cerca de 200 ataques aéreos sobre posições do Estado Islâmico no Iraque, uma operação se se estendeu sobre a Síria desde segunda-feira.

Fonte: http://www.jn.pt/PaginaInicial/Mundo/Interior.aspx?content_id=4145237

Em breve os pais escolherão seus filhos como escolhem um produto e o sexo será apenas para recreação, diz cientista

n/d

Um futuro sem “gravidez indesejada” e “sem abortos“: é o que prevê o prof. Carl Djerassi para 2050, data na qual, acredita ele, boa parte dos bebês do mundo ocidental nascerão por fecundação in vitro, logo, por procriação medicalmente assistida. Conhecido como um dos inventores da pílula contraceptiva, o professor austro-americano considera a obsolescência de sua invenção: rapazes e moças congelarão seus gametas e se esterilizarão, certos de poder recorrer à PMA, estima ele.

Numa entrevista ao Daily Telegraph, o cientista justifica suas predições pela taxa de sucesso crescente das fecundações artificiais, o que permitirá, de acordo com ele, considerá-las fora do contexto de infertilidade, tranquilizando a “geração mañana” sobre o fato de que ela poderá adiar tranquilamente a maternidade ou a paternidade – com a certeza de que esperma e óvulos, retirados em sua juventude, sejam da “melhor qualidade”.

Ao modo de um Jacques Attali, Djerassi acredita poder predizer – mas é verdade que a cultura ambiente impele nesse sentido. “A grande maioria das mulheres que escolherão a FIV no futuro serão mulheres férteis que congelaram seus óvulos e adiaram sua gravidez. As mulheres de vinte anos escolherão essa abordagem como uma forma de segurança, que lhes garanta a liberdade diante das decisões profissionais, ou, na ausência de um parceiro ideal, ou do tic-tac inexorável do relógio biológico. Contudo, prevejo que muitas delas decidirão ser fertilizadas por IVF em razão dos avançados diagnóstico genéticos pré-implantação. E uma vez que isso ocorrer, o IVF se tornará um modo normal, sem coito, de ter filhos“, acha ele.

n/d

Essa será a última separação entre o sexo e a reprodução, assegura esse homem de 91 anos que acompanhara a “liberação sexual” dos anos 1960 antes dela produzir o resultado lógico.

Nessas previsões dignas do Melhor dos mundos, vê-se a conjunção contra a natureza entre o domínio absoluto da fecundidade, o eugenismo total e a desnaturalização da sexualidade. E da paternidade e da maternidade: quanto tempo duraria a vontade de ser pais biológicos de seus filhos, se um “produto” de melhor qualidade se tornasse assim facilmente acessível? E por que, nesse momento, não generalizar o que já ocorre hoje de modo excepcional: “alugar” uma barriga de aluguel para não estragar seu corpo, interromper sua carreira, viver os espasmos da gravidez?

De todo modo, a atividade sexual não teria mais então nenhum significado: desprovida de sua finalidade procriadora, ela seria ao mesmo tempo esvaziada de sua finalidade unitiva, para conservar apenas uma dimensão “recreativa”, sem responsabilidade e inconsequente. Um mundo totalmente desumano…

n/d

Não é isso, todavia, que os numerosos artigos críticos publicados na imprensa britânica lhe recriminam após essa entrevista: enfatiza-se o perigo de colocar tudo no mesmo saco, sobre o modo cujas tais promessas podem enganar as pessoas sobre o absoluto domínio da fertilidade, que continua fora de alcance. Mas e sobre o princípio? Sem problemas!

Fonte: Dominus Est

sábado, 22 de novembro de 2014

Físico afirma que civilização marciana antiga foi destruída por alienígenas armados que podem atacar a Terra

Físico afirma que civilização marciana antiga foi destruída por alienígenas e que podem atacar a terra tambémO físico John Brandenburg apresentou a teoria de uma antiga civilização em Marte sizendo que ela foi supostamente dizimada por um ataque nuclear a partir de uma outra raça alienígena.

Em sua teoria bizarra, ele diz que os marcianos antigos, conhecidos como Cydonians e Utopians, foram massacrados no ataque, com evidências do genocídio ainda podendo ser vistas hoje.

De volta a 2011, o cientista primeiro disse que a cor vermelha de Marte pode ter ocorrido devido a uma explosão termonuclear que acontece naturalmente.

Físico afirmou que civilização marciana antiga foi destruída por alienígenas armados com bombas nucleares que poderiam vir e atacar a Terra no futuro.

Mas desde então, ele avançou sua teoria para um nível em que ele já acha que não foi uma explosão, mas sim um ataque planejado de uma raça alienígena inteligente.

88

De acordo com ele, a conclusão de seu mais recente estudo diz que os isótopos nucleares na atmosfera, que se assemelham a testes de bombas de hidrogênio, podem apresentar um exemplo de civilização dizimada por um ataque nuclear a partir do espaço.

Os cientistas já comentaram que o aparecimento desses elementos não é surpreendente, uma vez que são encontrados em todos os lugares.

888

Mas John é inflexível em dizer que são os restos de duas explosões nucleares na superfície.
Ele diz que Marte já teve um clima parecido com a Terra para a vida animal e vegetal, e qualquer vida inteligente teria sido tão avançada como os antigos egípcios na Terra.

Uma das supostas explosões nucleares destruiu a civilização em Cydonia Mensa, e outra, uma civilização em uma região chamada Galaxias Chaos. O físico ainda afirma que é preciso ter medo de um ataque ao nosso próprio planeta, e que devemos montar uma missão tripulada a Marte para saber o que estamos enfrentando.

Fonte: http://www.dailymail.co.uk/sciencetech/article-2843871/Ancient-Martian-civilisation-wiped-nuclear-bomb-wielding-aliens-attack-Earth-claims-physicist.html?ITO=1490&ns_mchannel=rss&ns_campaign=1490

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Fundador do Paypal e da Tesla Motors diz que robôs podem começar a matar humanos em cinco ou dez anos



O cenário catastrófico dos filmes “O exterminador do futuro” e “Eu, robô”, em que máquinas se voltam contra seus criadores e aniquilam a raça humana, estaria bem próximo de se tornar realidade, segundo o bilionário sul-africano Elon Musk. O fundador das empresas Paypal, SpaceX e Tesla Motors acredita que dentro dos próximos cinco ou dez anos o desenvolvimento da inteligência artificial (IA)poderia levar robôs a ganharem autonomia e decidirem começar a matar seres humanos.

Tudo começou na sexta-feira passada, quando o pioneiro em realidade virtual Jaron Lanier foi destaque no site do editor John Brockman, Edge.org, ao discutir a potencial ameaça da IA, em um post intitulado “O mito da IA”. Diversos pensadores do mundo da ciência comentaram abaixo da publicação de Lanier sobre o tema, entre eles, Musk, que escreveu um texto particularmente alarmante.

“Há o risco de algo muito perigoso acontecer em cinco anos ou dez, no máximo”, escreveu Musk. “Por favor, notem que eu sou normalmente super pró-tecnologia, e nunca havia levantado essa questão até os últimos meses. Este não é um caso de reclamar sobre algo que eu não entendo”.

De acordo com um porta-voz de Musk contactado pelo site Mashable, o comentário foi enviado diratamente para Brockman e não era a intenção do bilionário que ele se tornasse público. Logo depois que o alerta foi publicado, ele foi removido, mas não antes de uma imagem do comentário ser capturada e publicada na rede Reddit, para que toda a internet pudesse ver.

Depois que a declaração veio a público, Musk alegou que sua visão é compartilhada por outras pessoas que trabalham com o espaço.

“Eu não sou o único que acha que deveríamos nos preocupar”, disse Musk. “As principais empresas de IA já tomaram grandes providências para garantir a segurança. Elas reconhecem o perigo, mas acreditam que podem moldar e controlar as superinteligências digitais e evitar que as más escapem para a internet. Isso nós ainda veremos...”.

Essa não foi a primeira vez em que Musk demonstrou preocupação com o rápido desenvolvimento da IA. O diretor-executivo da fabricante de automóveis elétricos Tesla descreveu esse tipo de inteligência como um “demônio” e “a maior ameaça existencial”, em um discurso a alunos do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês), no mês passado. Além disso, em junho, ele afirmou que investe em companhias que trabalham com IA apenas para ficar de olho na evolução da tecnologia. Já em agosto, ele reforçou a sua preocupação com a questão ao escrever em seu perfil no Twitter que a IA é “potencialmente mais perigosa que armas nucleares”.

Fonte: O Globo

A farsa globalista - 26 coisas que não querem que você saiba sobre o Estado Islâmico



A guerra do EUA, dirigida contra o Estado islâmico é uma grande mentira. O problema de "terroristas islâmicos", realizando guerra preventiva em todo o mundo para "proteger o território americano" é usada para justificar uma agenda militar. O Estado Islâmico do Iraque e da Síria (ISIS) é uma criação da inteligência dos EUA. O "programa de luta contra o terrorismo" por Washington no Iraque e na Síria está apoiando terroristas.

Raid das Brigadas do Estado Islâmico no Iraque a partir de junho 2014 foi parte de uma operação de inteligência militar cuidadosamente planejado e secretamente apoiado por o US ., a OTAN e Israel. O mandato do combate ao terrorismo é uma ficção. Os EUA são o "número um Estado patrocinador do terrorismo". O Estado Islâmico é protegido por o US . e seus aliados. Se eles queriam eliminar brigadas ISIS poderia muito bem ter bombardeado um comboio de caminhões da Toyota, quando eles cruzaram o deserto da Síria para o Iraque em junho.

O deserto sírio-árabe é um território aberto. Com aviões a jato lutador (F15, F22 Raptor, CF-18), teria sido, do ponto de vista militar a uma cirurgia rápida e conveniente.

Neste artigo, nós fornecemos 26 conceitos que refutam a mentira. Desempenhado pela mídia como um empreendimento humanitário, a sua operação militar em grande escala contra a Síria eo Iraque resultou em inúmeras mortes de civis. Eu não poderia ter sido realizado sem o apoio incondicional da mídia ocidental, que defendeu a iniciativa de Obama como uma operação de combate ao terrorismo.


Os Estados Unidos têm apoiado a Al Qaeda e suas afiliadas por quase meio século desde o auge da guerra soviético-afegã. campos de treinamento foram estabelecidos pela CIA no Paquistão . Em um período de dez anos a partir de 1982-1992, cerca de 35 mil jihadistas de 43 países islâmicos foram recrutados pela CIA para lutar na jihad afegã.

"Os anúncios, pagos com fundos da CIA, foram colocados em jornais e boletins de todo o mundo que oferecem incentivos e motivações para se juntar à Jihad".

Desde o governo Reagan, Washington apoiou rede terrorista islâmica. Ronald Reagan chamou terroristas "combatentes da liberdade". O US . ter fornecido armas para as brigadas islâmicas. Tudo era de "boa causa": a luta contra a União Soviética e da mudança de regime, o que levou ao desaparecimento de um governo secular no Afeganistão.


 Livros de texto jihadistas publicados pela Universidade de Nebraska . " "Os Estados Unidos gastaram milhões de dólares para fornecer estudantes afegãs com livros cheios de imagens violentas e ensinamentos islâmicos ".

Osama bin Laden, fundador da Al Qaeda nos Estados Unidos foi recrutado pela CIA em 1979 , no início da guerra jihadista que mesmo US . patrocinado Afeganistão. Ele tinha 22 anos e foi treinado no campo de treinamento de guerrilha patrocinado pela CIA. Al Qaeda não estava por trás dos ataques de 9/11. Em 11 de setembro de 2001 forneceu uma justificação para travar uma guerra contra o Afeganistão, com base em Afeganistão era um Estado patrocinador do terrorismo, apoiando a Al Qaeda. Os ataques de 9/11 foram fundamentais para a formulação da "Guerra Global contra o Terrorismo".

O Estado Islâmico (ISIS)

O Estado Islâmico (ISIL) era originalmente uma filial da Al Qaeda desenvolvido pela agência de inteligência dos Estados Unidos , com o apoio do MI6 britânico, o Mossad de Israel, a Inter-Services Intelligence do Paquistão (ISI) ea inteligência da Arábia Saudita ( GIP) Ri'āsat Al-Al-Istikhbarat'Amah (رئاسة الاستخبارات العامة).

ISIS brigadas estavam envolvidos com o US . e apoiou a insurgência liderada pela Otan na Síria contra o governo de Bashar al Assad.

NATO eo Alto Comando turco foram responsáveis ​​pelo recrutamento de mercenários e Al Nusrah ISIS desde o início da revolta síria, em março de 2011. De acordo com fontes da inteligência israelense, esta iniciativa tem sido:

"Uma campanha para alistar milhares de voluntários muçulmanos em países do Oriente Médio e do mundo muçulmano para lutar ao lado dos rebeldes sírios. O exército turco abrigaria estes voluntários, treiná-los e garantir a sua passagem para a Síria. (DEBKAfile, NATO para dar rebeldes armas anti-tanque, 14 de agosto de 2011).

Há forças especiais ocidentais e agentes de inteligência ocidentais dentro das fileiras dos ISIL. Forças Especiais britânicas e MI6 foram envolvidos no treinamento dos rebeldes jihadistas na Síria.

" especialistas militares "Os ocidentais foram contratados pelo Pentágono para treinar terroristas no uso de armas químicas.

"Os Estados Unidos e alguns aliados europeus estão usando empreiteiros da defesa para treinar os rebeldes sírios em garantir estoques de armas químicas na Síria, de acordo com um oficial sênior dos EUA e vários diplomatas disseram à CNN no domingo. ( CNN Relatório , 09 de dezembro de 2012).

A prática de decapitações ISIL faz parte dos programas de formação do terrorista patrocinado US implementado na Arábia Saudita e Qatar.

Recrutado por aliado dos EUA, muitos criminosos condenados são recrutados como mercenários Isis são liberados das prisões sauditas desde a aderir ao ISIS. Aqueles condenados à morte na Arábia foram recrutados para participar da brigada de terroristas. Israel apoiou brigadas ISIS e Al Nusrah das Colinas de Golã.

Fighters jihadistas reuniram-se com funcionários do IDF de Israel eo primeiro-ministro Netanyahu . ISIL e Al Nusrah são apoiadas por Israel. Veja a imagem abaixo:



"O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu eo ministro da Defesa, Moshe Yaalon ao lado de um mercenário ferido , hospital de campanha militar israelense na fronteira com a Síria na Síria ocupada Golan Heights, 18 de fevereiro de 2014 ".

Síria e Iraque

ISIS são os soldados de infantaria da aliança militar ocidental. Seu mandato tácito é causar o caos ea destruição na Síria e no Iraque, agindo em nome de seus patrocinadores norte-americanos.
O senador americano John McCain se reuniu com líderes terroristas jihadistas na Síria.


A milícia do Estado Islâmico, que está atualmente no suposto alvo de uma campanha de bombardeio por os EUA ea NATO sob o mandato da "luta contra o terrorismo" continua sendo apoiado secretamente por US .. Washington seus aliados continuam a fornecer assistência militar ao Estado islâmico.

Os bombardeios dos Estados Unidos e seus aliados se voltarão para ISIS , estão bombardeando a infra-estrutura económica do Iraque e da Síria, incluindo fábricas e refinarias de petróleo.

O projeto califado é parte de uma agenda de política externa dos EUA tem muito tempo para dividir o Iraque ea Síria em territórios separados: Um califado sunita, um xiita República Árabe ea República do Curdistão.

A guerra global contra o terrorismo (GGT)

"A guerra global ao terrorismo" (GGT) é apresentada como um "choque de civilizações", uma guerra entre valores e religiões concorrentes, quando na verdade ele está aberto para a conquista, guiado por estratégicas e objectivos económicos guerra.

Os terroristas brigadas patrocinada pelos EUA Al Qaeda (secretamente apoiados pela inteligência ocidental) que foram implantados em Mali, Níger, Nigéria, República Centro Africano, Somália e Iêmen.

Estas várias afiliadas da Al Qaeda no Oriente Médio, África Subsaariana e Ásia são patrocinados pela CIA como "ativos de inteligência". Ele é usado por Washington para causar estragos, criar conflitos internos e desestabilizar países soberanos.

Boko Haram na Nigéria, Al Shabab na Somália, o Grupo de Combate Islâmico da Líbia (LIFG) (com o apoio da NATO em 2011), Al Qaeda no Magreb Islâmico (AQIM) , Jemaah Islamiyah (JI) na Indonésia entre outros grupos afiliados à Al Qaeda são secretamente apoiado pela inteligência ocidental.

Os Estados Unidos também apoia as organizações filiadas com os terroristas da Al-Qaeda na região de Xinjiang Uygur Região Autónoma, China . O objectivo subjacente é provocar a instabilidade política no oeste da China.

Jihadistas chineses são relatados para ter recebido "treinamento terrorista" no estado islâmico ", a fim de realizar ataques na China." O propósito declarado dessas organizações jihadistas (que serve os interesses do alvo EUA .) é estabelecer um califado islâmico que se estende a oeste da China.
 (Michel Chossudovsky, a guerra dos EUA contra o terrorismo, GlobalResearch, Montreal, 2005, capítulo 2 ).

Terroristas em casa

Terroristas localmente: Enquanto o EUA . é o arquiteto tácita do Estado Islâmico, o mandato sagrado de Obama é proteger os Estados Unidos contra ataques de ISIS.

A ameaça terrorista é uma produção caseira. por governos ocidentais ea mídia, a fim de substituir as liberdades civis ea instalação de um estado policial é promovido. Usado para criar uma atmosfera de medo e intimidação.

Por sua vez, prisões, processos e condenações de "terroristas islâmicos" discutir a legitimidade do Estado de Segurança Nacional dos Estados Unidos e da aplicação da lei da estrada de ferro que está se tornando cada vez mais militarizada. O objetivo final é incutir nas mentes de milhões de americanos que o inimigo é real e que o governo dos Estados Unidos é proteger as vidas de seus cidadãos.

A campanha "anti-terrorismo" contra o Estado islâmico tem contribuído para a demonização dos muçulmanos nos olhos da opinião pública ocidental é cada vez mais associado com os jihadistas.

26 Quem se atreve a questionar a validade da "Guerra Global contra o Terror" é rotulado como um terrorista e sujeito a leis anti-terroristas.

O objectivo final da "Guerra Global contra o Terrorismo" é subjugar os cidadãos, despolitizar totalmente a vida social na América, impedir as pessoas de pensar e conceituar, a partir de análise de fatos e questionando a legitimidade da ordem social inquisitorial governar os Estados Unidos e outros países.

Fonte: http://tonyfdez.blogspot.com.es/2014/11/26-cosas-sobre-isis-que-no-quieren-que.html

Encontro de líderes muçulmanos mostra que América Latina é prioridade. Em discurso, presidente turco afirma que 'América foi descoberta por navegadores Muçulmanos"'



Pouco divulgado no Brasil, ocorreu na última semana na Turquia o primeiro encontro de líderes muçulmanos da América Latina. O tema foi “Construindo as nossas tradições e do nosso futuro”, e teve como promotor o Gabinete para Assuntos Religiosos do Presidente, chamado de Diyantet.

A reunião teve a participação de 76 líderes muçulmanos de 40 países, sob a direção de Mehmet Görmez, chefe do Diyantet. Entre os participantes havia emissários de Brasil, Venezuela, Argentina, Chile, México, Suriname, Uruguai, Paraguai, Nicarágua, Panamá, Colômbia, Bolívia, República Dominicana, Guiana, Peru, Colômbia, Cuba, Equador, Jamaica e Haiti.

Único continente do mundo que não tem um número expressivo de muçulmanos, a América Latina parece ser o “alvo” do expansionismo islâmico para os próximos anos. “Nós estamos aqui reunidos para discutir questões que dizem respeito aos muçulmanos em países da América Latina, seus cultos religiosos e as oportunidades de cooperação”, disse o Dr. Görmez.

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, fez um pronunciamento no último sábado, afirmando que “A América não foi descoberta por Cristóvão Colombo em 1492, mas sim por “navegadores muçulmanos” três séculos antes”. Além de querer mudar o passado, o presidente também parece querer mudar o futuro do continente, oferecendo-se para patrocinar a construção de mesquitas.

O encontro de líderes islâmicos latino-americanos abordou formas de cooperação mútua e como o governo turco poderá ajudar os muçulmanos da América Latina em suas atividades. Um dos principais aspectos levantados por Görmez é que ainda não há islamofobia na América Latina e por isso a resistência ao Islã é menor.

Durante a reunião, outro tema que mereceu atenção foi a falta de imãs fluentes em espanhol e português. A maior concentração de muçulmanos na América do Sul está no Caribe, com cerca de 4,5 milhões de seguidores.

Segundo Mazen Mokhtar, presidente para as Américas da Associação Muçulmana, existe uma “alta taxa” de conversão ao Islã no continente. Embora não tenham divulgado números que comprovem essa afirmação.

O número de muçulmanos no Brasil cresceu 29.1% entre 2000 e 2010, segundo o IBGE. Número bem maior que o crescimento médio da população, que foi de 12.3%.

Embora não existem registros oficiais, estima-se que eles possam chegar a meio milhão de seguidores. Os estados com maior concentração seriam São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Em muitos deles, existem grandes comunidades de imigrantes árabes. Só na capital paulista há cerca de 10 mesquitas, incluindo A Mesquita Brasil, a primeira mesquita construída na América Latina.

Por que na Turquia?

Embora nem todo árabe seja muçulmano, durante séculos o chamado Mundo Árabe reuniu a maior parte dos seguidores de Maomé do planeta. O último grande império a levar a mensagem de submissão a Alá foi o Otomano, cuja sede ficava na atual Turquia.

Foi justamente a capital Istambul que hospedou o que está sendo chamado por especialistas em profecias bíblicas de “Confederação do Anticristo”. O sheik Yusuf al-Qaradawi, presidente da União Internacional de Sábios Muçulmanos, que representa o maior grupo de estudiosos muçulmanos em todo o mundo, anunciou: “Diferentemente de como era no passado, o califado dos dias de hoje deve ser estabelecido através de uma série de Estados, governados pela sharia [lei islâmica], e apoiado por autoridades e o povo na forma de uma federação ou confederação”. Com informações de Carribean News e World Bulletin

Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br/encontro-muculmanos-america-latina-prioridade/

NASA prevê o fim da atual civilização

O mundo tal como o conhecemos não vai durar mais que algumas décadas. Esta é a conclusão de um estudo patrocinado pela NASA que concluiu que a civilização industrial está a aproximar-se do fim devido à exploração não sustentável de recursos energéticos e à desigualdade económica e social.
Mundo.


O estudo financiado pela NASA e divulgado esta semana pelo jornal britânico The Guardian assegura que a atual civilização industrial está condenada a desaparecer nas próximas décadas. Isto porque existe uma exploração não sustentável dos recursos energéticos, mas também porque há uma grande desigualdade na distribuição da riqueza.

O grupo de investigadores liderados pelo matemático Safa Motesharri estudaram os fatores que levaram ao declínio das antigas civilizações e concluíram que o “processo de progresso e declínio das civilizações é, na verdade, um ciclo recorrente ao longo da história”, cita o The Guardian.

Os investigadores estudaram a dinâmica homem-natureza das várias civilizações que desapareceram ao longo dos séculos e identificaram os fatores (população, clima, água, agricultura e energia) que melhor explicam o declínio civilizacional e que podem ajudar a determinar o risco do fim da atual civilização.

Estes fatores podem levar ao colapso civilizacional quando, ao convergirem, geram “uma exploração prolongada dos recursos energéticos”, o que tem influência no clima e no equilíbrio ecológico. Mas não só, a “a estratificação económica da sociedade em elites e massa” é outro dos problemas que contribuem para o fim de um ciclo.

Segundo os investigadores estes fenómenos sociais desempenharam, ao longo dos anos, um “papel central no processo do colapso civilizacional”, mas são também estes os fatores que vão levar a atual sociedade industrial ao fim.


Fonte: http://www.noticiasaominuto.com/mundo/190519/nasa-preve-o-fim-da-atual-civilizacao

Probabilidade de impactos severos generalizados e irreversiveis ? O IPCC com as mudanças climáticas e a manipulaçao de imformações ?

IPCC: Mudança climática afeta várias partes do Brasil


AUMENTO NA PROBABILIDADE DE IMPACTOS SEVEROS GENERALIZADOS E IRREVERSÍVEIS EM TODOS OS CONTINENTES, DEVIDO ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS - DE ACORDO COM O RELATÓRIO DA ONU/IPP.

Vamos deixar algumas coisas claras: primeiro, o IPCC deixou, há muito tempo, de ser um órgão científico, para se tornar um órgão político e manipulador.

Isso tudo são técnicas de manipulação em massa e vão ser apresentadas cada vez com mais força na mídia manipulada. Vejam:

Avram Noam Chomsky - O filósofo, linguista e ativista político norte-americano, Professor de Linguística no MIT - Instituto de Tecnologia de Massachusetts.

Ele desenvolveu uma lista de 10 estratégias utilizadas pela mídia mundial para manipular a população em geral.

Ganhador de 51 prêmios Internacionais, além da Medalha Benjamin Franklin (1998 — 2013)

Algumas das técnicas que estão usando em nós...

FAZER QUE AS PESSOAS SE SINTAM CULPADAS:

Essa técnica de manipulação consiste em fazer com que a pessoa acredite que somente ela é culpada pela sua própria infelicidade (falta de inteligência, pobreza, incapacidade). Assim o indivíduo não irá se revoltar contra o sistema político-econômico, e irá se culpar por tudo, gerando um estado depressivo no qual se sente inibido a agir.
Sem ação não há revolução!

TÉCNICA DA GRADAÇÃO

É simples fazer a população aceitar uma medida inaceitável, basta ter tempo. Aplicar um plano gradativamente é uma excelente alternativa de controle. Foi assim que as condições socioeconômicas radicais (neoliberalismo) foram implantadas durante os anos 80 e 90. Privatizações, precariedade, desemprego, baixos salários. Tantas mudanças que causariam uma revolução, caso tivessem sido aplicadas de uma só vez.

TÉCNICA DO "DEFERIDO"

Outro método para fazer a população aceitar uma medida que não convém muito a ela é apresentá-la como sendo necessária e dolorosa, que será aplicada no futuro. É mais simples se aceitar um sacrifício futuro que um imediato, até porque as pessoas normalmente tendem a acreditar que amanhã tudo estará melhor, e que talvez o sacrifício já seja desnecessário.

TÉCNICA DAS MENSAGENS SUBLIMINARES


Aproveitar-se da fragilidade emocional de grande parte da população é outra técnica bastante utilizada para manipular as pessoas, a fim de causar um curto-circuito no senso crítico de cada um. Para isso, a mídia constantemente se utiliza da técnica das mensagens subliminares, sobretudo na televisão.

Fonte: https://www.facebook.com/NibiruOSegundoSol?fref=nf





Focas estupram pinguins ? O que está acontecendo com a Natureza ?

'Podemos chamar de estupro', declarou pesquisador sobre comportamento das focas com pinguins

Focas estupram pinguins e deixam pesquisadores intrigados.

Aves 'lutam por suas vidas' e acabam machucadas ou mortas. Ainda não se sabe a causa do comportamento

Antártica - Um fenômeno de comportamento animal vem intrigando pesquisadores no Atlântico Sul. Focas estão abusando sexualmente de pinguins em Marion Island, na Antártica. Em uma pesquisa recém-publicada, uma equipe de cientistas documentou três incidentes de focas que estupraram pinguins rei na ilha. "Em termos humanos, podemos chamar de estupro", declarou o pesquisador Ryan Reisinger em entrevista ao Times Live .

A equipe sul-Africana de Pesquisa - Ryan Reisinger, William Haddah, Tristan Scott, Marthán Bester e Nico de Bruyn - disse que incidentes como esses acontecem há 30 anos.

"Os pinguins reagem como fariam se um predador estivesse tentando matá-lo", contou o pesquisador. "No começo eles lutam por suas vidas, mas as focas são muito maiores e mais fortes, então se sobrepujam a eles facilmente", completou.

'Podemos chamar de estupro', declarou pesquisador sobre comportamento das focas com pinguins
Foto: Reprodução Internet
As aves acabam feridas nestes encontros. Em um incidente, uma foca tentou copular com um pinguim e em seguida, comeu o animal.

Os pesquisadores ainda não sabem o que motiva esse comportamento. Inicialmente, se pensou que pudesse ser um comportamento predatório "mal direcionado" por parte das focas para os pinguins, mas ainda não é certo. Outra teoria apontada pelo grupo é a de que devido a concorrência pelas fêmeas, as focas macho estão se voltando para os pinguins.

A equipe sul-Africana de Pesquisa - Ryan Reisinger, William Haddah, Tristan Scott, Marthán Bester e Nico de Bruyn - disse que incidentes como esses acontecem há 30 anos.

Segundo a equipe, o comportamento altamente incomum pode ser aprendido. "Não sabemos qual será a recompensa pelo aprendizado desse comportamento", disse Reisinger.

"É um pouco desconcertante, chocante e, estranhamente, um pouco embaraçoso ver,acho, mas definitivamente não há nada de engraçado nisso", declarou o pesquisador De Bruyn

Ver video abaixo: 


Fonte: http://odia.ig.com.br/noticia/mundoeciencia/2014-11-17/focas-estupram-pinguins-e-deixam-pesquisadores-intrigados.html

EUA estão criando um novo velho inimigo - Rússia

Rússia publicará  muito em breve uma doutrina militar renovada. Há rumores de que os EUA e a OTAN serão designados como ameaças, como adversários e  inimigos.

 Esta especulação é reforçada pelas declarações de um General  russo antigo no Ministério de Defesa.Mesmo sem um documento oficial ainda ter sido publicado, podemos dizer agora que as políticas dos EUA e da OTAN, especialmente como se passaram sobre a Ucrânia, fizeram com que haja este endurecimento da posição russa.  

Os EUA estão criando um novo inimigo: a Rússia. Isso é proposital.  Só um grande inimigo como a Rússia pode levar os americanos a aceitar os custos de os militares americanos cobrando sobre eles.  Só um grande inimigo como a Rússia pode ser usado para justificar um grande estabelecimento militar. A guerra ao terror não fornece mais o suficiente de uma justificativa para um povo cansado de tais proposições perdendo.
 
Embora Obama conceba que ele está certo sobre a Ucrânia e a Rússia errada, e embora ele concebe sanções como justificáveis ​​e medidas, ele tem ainda, no entanto, feito a Rússia um inimigo. Rússia estará respondendo na mesma moeda. Sanções de Obama veieram junto com a forte retórica da OTAN e uma história de promessas quebradas ou entendimentos traídos sobre a expansão da OTAN.  O que Obama fez não ocorre no vácuo. A orientação da política anti-russa remonta ao fim da Guerra Fria. Se Obama queria uma Rússia amigável ou cooperativa, ele certamente não alcançará mais.
 
Belicistas e falcões neoconservadores irão apoderar-se de uma doutrina militar russa alterada que nomeia os EUA como seu principal adversário, como prova de que a Rússia é de fato uma ameaça e um inimigo. Esta será uma mentira. Desde o fim da URSS a vários anos atrás, não havia nenhuma evidência de que a Rússia era um inimigo.  Ela não fez nenhum movimento hostil sobre quaisquer países vizinhos ou sobre os EUA .Os movimentos recentes da Rússia no que diz respeito à Ucrânia são respostas aos movimentos norte-americanos, ou seja, os EUA apoiaram a mudança violenta no governo da Ucrânia e, em seguida, uma campanha militar ucraniana contra seu próprio povo . Rússia ainda não é um inimigo dos EUA, mesmo que identifique os EUA e a OTAN como seus adversários de primeira linha. No entanto, ainda é o caso de que os EUA estão criando a Rússia como um novo inimigo.
 
Fonte: http://www.lewrockwell.com/lrc-blog/u-s-is-creating-a-new-enemy-russia/

ONU adverte que Isis tem armas suficientes para continuar a lutar por dois anos

  • Arsenal é suficiente para ameaçar a região, mesmo sem território ' 
  • Grande parte dos estoques de armas de Isis foram roubadas dos militares iraquianos apoiados pelos EUA 
  • Relatório recomenda sanções, incluindo a apreensão Isis caminhões-tanque de óle
  • Jihadistas estrangeiros que afluem para o Iraque e a Síria, está em "escala sem 
  • precedentes"
ISIS rebeldes soldados militantes na linha da frente
Estado Islâmico (Isis) rebeldes soldados militantes.
 
De acordo com um relatório do Conselho de Segurança da ONU, Isis tem atualmente armas suficientes para continuar lutando no Oriente Médio por mais dois anos.
 
Um novo relatório elaborado para o Conselho de Segurança das Nações Unidas adverte que o grupo militante conhecido como Estado Islâmico (Isis) possui reservas suficientes de armas de pequeno calibre, munições e veículos para travar sua guerra para a Síria eo Iraque por até dois anos. 
O tamanho ea largura do arsenal Isis fornece o grupo com mobilidade durável, alcance e uma defesa limitada contra aeronaves voando baixo.  Mesmo que a campanha de bombardeio norte-americana continua a destruir os veículos do grupo e armas mais pesadas, afirma o relatório da ONU, que "não pode atenuar o efeito do volume significativo de armas ligeiras" Isis possui.
 
Essas armas "são suficientes para permitir [Isis] para continuar a lutar nos níveis atuais de seis meses a dois anos", o relatório da ONU encontra, fazendo com que Isis não só melhor financiada grupo terrorista do mundo, mas entre seu melhor armado.
 
Isis, junto com seu ex-rival virou aliado tático ocasional da Frente Nusra , são suficientemente armados para ameaçar a região ", mesmo sem território", conclui o relatório.
 
O relatório, meses na fatura, recomenda a ONU implementar novas medidas para cortar o acesso de Isis de dinheiro e armas.
 
O arsenal Isis, de acordo com a avaliação da ONU , inclui T-55 e T-72 tanques; US-fabricados jipes;  metralhadoras;  artilharia antiaérea de curto alcance, incluindo foguetes ombro montado capturadas a partir de stocks militares iraquianos e sírios;  e "amplos suprimentos de munição". Um Estado-Membro, não nomeado no relatório, afirma que Isis mantém um pool de motor de 250 veículos capturados.
 
Grande parte das reservas de armas, Isis, particularmente "estado da arte" armas roubadas do Exército iraquiano apoiado pelos EUA, era "não utilizado" antes Isis apreendidos, o relatório conclui.  Mas algumas das armas relativamente complexas "pode ​​ser demasiado de um desafio" para Isis para exercer efetivamente ou manter.
 
No início deste ano, a especulação centrou-se sobre a capacidade potencial de Isis para produzir armas químicas depois que apreenderam instalações iraquianas que haviam contribuído para os programas de armas ilícitas de Saddam Hussein, mas o relatório da ONU põe em dúvida a possibilidade de que Isis possui a "capacidade de explorar plenamente o material que pode apreenderam ". O relatório da ONU não crê que a Isis pode fabricar sua própria química ou outras armas de destruição em massa.
 
Mas pelo menos um Estado membro anônimo forneceu informações sobre os "produtos químicos e bolas de metal revestido de veneno" colocados dentro de bombas caseiras de Isis para maximizar o dano. Em outubro, as forças curdas que defendem a cidade síria de Kobani de Isis relatados casos de pele bolhas, ardência nos olhos e dificuldade para respirar após a detonação de uma bomba Isis.
 
O Conselho de Segurança da ONU é esperado para assumir a consideração do relatório na quarta-feira.
 
O relatório recomenda a ONU adotar novas ondas de sanções destinadas a perturbar a saúde econômica do bem financiado de Isis.  Significativa entre eles é uma chamada para os estados que fazem fronteira com o território controlado por Isis para "prontamente aproveitar todos os caminhões-tanque de petróleo e suas cargas" chegando ou saindo.
 
Embora o relatório adverte que Isis tem fontes de receitas alternativas, e não prevê que as apreensões de caminhões pode eliminar o contrabando de óleo dinheiro de Isis, que mantém a esperança de que o aumento dos custos para redes de contrabando e empresas de camionagem vai impedi-los de levar óleo Isis ao mercado.
 
Para combater a capacidade de Isis para reabastecer seus estoques de armas e lavagem de dinheiro, o relatório recomenda o mandato da ONU que nenhuma aeronave proveniente de território Isis-realizada pode pousar em pistas de pouso nos Estados membros, e proibir vôos em território Isis-controlado. Isenções seriam feitas por aviões de ajuda humanitária.
 
O relatório vem na esteira de um relatório de Outubro ao Conselho de Segurança a avaliação que 15 mil lutadores de 80 países têm inundado na Síria e no Iraque para lutar ao lado de Isis e outros grupos militantes.
 
Enquanto ainda meses fora, os EUA indicou que irá intensificar a sua luta contra a Isis, principalmente no Iraque.  Depois de dobrar o empenho das tropas americanas lá , funcionários da Defesa disseram que os EUA vão reforçar 12 brigadas iraquianos e curdos, e pode até mesmo participar nos combates do Iraque para o terreno chave , tais como faixa de fronteira entre a Síria e o Iraque ou a cidade de Mosul.
 
Fonte: http://www.theguardian.com

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Mensagem tenebrosa para o mundo !


Fonte: http://mp3.kedirijaya.com/mp3vid/jwozrOHSlCA

Corpo estranho atrás de Saturno, entrando no nosso sistema solar em 2014 - Planeta X ?


Seria isto que os Governantes tanto temiam e não queriam Divulgar para não gerar Pânico na População? Parece que o Famoso Planeta X começou sua entrada no nosso Sistema Solar, incrível as Imagens do Vídeo, não tem mais como negar, observe o tamanho do Objeto atrás de SATURNO, seria este um dos motivos da Mancha Solar AR2209 ter crescido de uma hora para outra, reveja aqui o post anterior sobre a Mancha Solar de hoje 19/11/2014, estaria este Corpo Estranho ou (PLANETA X) afetando nosso Sol?

Comparação do Tamanho de Saturno com o Planeta Terra, veja abaixo e imagine o Tamanho deste Corpo estranho (PLANETA X) Atrás de Saturno comparado com o Planeta Terra, incrivelmente Gigantesco.


Planeta X ou Nibiru comparado com o Planeta Júpiter e Terra


Ver video abaixo: 


Fonte  http://www.forbiddenknowledgetv.com/videos/planet-xnibirubrown-dwarf-twin/111914-leaked-giant-body-behindsaturn-entering-solar-system-systemcoverup.html

Ruídos atormentam moradores de Alabama e noroeste de Atlanta


15 de novembro de 2014 - ESTADOS UNIDOS - O que se segue constitui vários dos mais recentes relatórios de BARULHOS altos e misteriosas ouvido através dos Estados Unidos.

Mistério enorme 'Barulho' sentido em Alabama 

Em aproximadamente 15:15, Notícias 5 começou a receber dezenas de telefonemas de telespectadores em toda a costa do golfo que disseram que ouviu ou sentiu um "grande estrondo". Isto foi confirmado por membros da tripulação Notícias 5 que experimentaram a mesma coisa. A partir de agora, a origem deste ruído / tremor é desconhecido neste momento. Nós podemos confirmar que não era um pequeno terremoto. O USGS informou nenhuma atividade como para o sul do Alabama ou no Golfo do México. Temos telefonemas para NAS Pensacola para saber se havia algum aeronaves que operam nos céus do sul de Alabama, mas ainda têm de receber uma chamada de volta. ASSISTA: " Barulho ", sentiu toda a área de visualização.


Aqui está uma forte teoria do meteorologista chefe, Alan Sealls ... Os barulhos que vem agitando as pessoas podem ter se sentido hoje na área de Notícias 5 não era tempo. O céu estava claro, então não havia chuva ou trovão. Seu livre Notícias 5 app tempo mostrou que não há terremotos foram detectados a partir dos USGS. Você não teria nenhuma razão para olhar para um radar hoje, mas se você estivesse olhando para um radar de alta resolução que você pode ter visto algumas linhas que pareciam da chuva, mas não estava chovendo hoje. As formas e texturas que eu vi algo parecido com chamado joio, sendo lançado pela aeronave em movimento rápido. Joio é tiras metálicas minúsculas lançadas de aviões, quer calibrar ou radares "tolo". Isso é algo que os militares fazem de vez em quando, mas raramente eles anunciá-lo. Eu só acho que hoje não era algum tipo de exercício militar que envolveu jatos supersônicos e vem criando barulhos. Com o nosso ar frio e denso no lugar, o som viaja mais longe. - WKRG .

Bairros Noroeste Atlanta atormentado pelo ruído misterioso


Um ruído misterioso está afligindo a comunidade Atlanta noroeste e mantendo alguns vizinhos à noite. "Soa como um tornado sirene grosso modo," um vizinho disse. Desde que começou a cerca de seis semanas atrás, os vizinhos em três desenvolvimentos diferentes ao longo Marietta estrada no noroeste Atlanta dizem ter ouvido o barulho. "Ele pode sair em 01:00, 02:00, 03:00 e você não sabe o que ele pode ser", disse Wendell Burks. "Estamos ouvindo sirenes, talvez 10 vezes por dia, tarde da noite, em todas as horas ", disse Anna Wagner. ASSISTA: ruído misterioso que assola a noroeste de Atlanta bairros.


Quando Channel 2 Action News visitou o bairro domingo, ouvimos o barulho de cinco ou seis vezes. Atlanta vereadora Felicia Moore diz que sua página do Facebook está fundindo-se com as preocupações dos eleitores. Moore estimou que os sons podem ser ouvidos por mais de 1.000 vizinhos nos Dupont Commons, Adams cruzamento e bairros Hills Park. "Estou irritado, e eu estou tendo a minha irritação ao pátio ferroviário e eles estão dizendo que eles não sabem o que está acontecendo, por isso estamos presos agora tentando descobrir onde ele está vindo, quem é o responsável e como podemos pará-lo ", Moore disse ao Canal 2 de Rachel Stockman. Alguns vizinhos relatam o som está vindo da CSX próxima ferrovia. Um representante com CSX diz que eles estão investigando. "É um mistério. Nós tivemos alguém em contato com CSX, eles afirmam que nada mudou ao longo no quintal. Gostaríamos de chegar ao fundo disso", disse Burks. - WSBTV .

Fonte:http://thecelestialconvergence.blogspot.com.br

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Mancha solar cresce e se volta para a Terra

A gigantesca mancha solar AR2209 cresceu ainda mais nos últimos dias e já ocupa 1100 milionésimos da superfície solar. Posicionada no centro da estrela, a feição se tornou geoefetiva, com capacidade de ejetar poderosas quantidades de massa coronal em direção à Terra.


Mancha Solar AR2209 em H-alpha
Clique para ampliar


De acordo com o Centro de Previsão de Clima espacial dos EUA, SWPC, existe 40% de chances de emissão de flares de média e alta intensidade dentro das próximas 72 horas, com 40% de probabilidades de ocorreram tempestades geomagnéticas de forte intensidade nas latitudes mais elevadas do planeta.

AR2209 vem crescendo desde que surgiu no limbo do Sol há cerca de uma semana e desde então vem mantendo características magnéticas altamente complexas do tipo Beta-Gamma-Delta, capazes de provocar intensos flares de raios-x que podem atingir a classe-X, extremamente poderosas.

Neste momento a mancha AR2209 atinge 1100 milionésimos do disco solar, uma área superior a 3.3 bilhões de km quadrados.

Ejeção de Massa Coronal
 

Embora emissões de raios-x não atinjam a superfície da Terra, pois são barradas na atmosfera superior, normalmente essas emissões eletromagnéticas estão associadas às chamadas Ejeções de Massa Coronal (CME), que são enormes quantidades de partículas solares arremessadas ao espaço após uma explosão na superfície da estrela.

Quando ocorre uma CME, devido à rotação do Sol as partículas são lançadas ao espaço da mesma forma que um saco de areia arremessado de um carrossel, espalhando o material em forma de espiral. No caso do Sol, o material dispersado são partículas altamente carregadas, que viajam a mais de 2 milhões de km/h.

Em algumas ocasiões essas partículas podem atingir a Terra e uma das condições fundamentais para isso é que a região ativa esteja "geoefetiva", ou seja, alinhada com o nosso planeta já considerando a rotação do Sol. E esse é o caso de AR2209.

Ao atingem cerca de 60 mil km de altitude, as partículas são desviadas pela magnetosfera terrestre em direção aos polos. Na atmosfera superior dessas regiões elas se chocam com os átomos de oxigênio e nitrogênio e produzem radiação nos comprimentos de onda verde e vermelho respectivamente. Essas emissões luminosas são conhecidas como auroras polares e ocorrem entre 60 km e 150 km de altitude.

Consequências da Tempestade Solar


Uma CME que atinge a Terra pode provocar efeitos muito mais dramáticos que simples auroras e apesar de não oferecerem riscos à saúde, podem induzir correntes elétricas de forma indesejada com diversos efeitos sobre sistemas de distribuição de energia elétrica, navegação por satélite e nas comunicações intercontinentais por ondas curtas. Além disso, devido à mudanças na densidade da atmosfera superior, os satélites de orbita baixa podem ter sua reentrada precipitada ou então precisarem de reorientação.


Tabela de Índice KP

Ao atingirem as altas camadas da atmosfera, as partículas carregadas causam forte instabilidade na ionosfera e fazem com que o índice KP que mede essa anomalia apresente elevação substancial, com valores que podem atingir entre KP=6 e KP=8. A tabela acima mostra os efeitos práticos caso os índices atinjam os valores mencionados.

Artes: No topo, registro solar feito no Observatório Apolo11, em Vila mariana, São Paulo, mostra a mancha solar AR2209 vista no comprimento de onda H-alpha. Na cena, um gigantesco filamento é o destaque no noroeste solar. Na sequencia, vídeo mostra o desenvolvimento da mancha solar AR2209 no comprimento de onda da luz visível, observado pelo satélite SDO, da Nasa. Acima, tabela com índice KP mostra possíveis consequências devido à explosões solares.

Fonte: http://www.apolo11.com/spacenews.php?titulo=AR2209_Mancha_solar_cresce_e_se_volta_para_a_Terra&posic=dat_20141119-111815.inc






Condomínio de luxo à prova do Fim do Mundo ?

Sabia que existe um condomínio de luxo à prova do “Fim do Mundo”?

No evento de que o nosso planeta passe por uma hecatombe nuclear, você acha que estaria preparado para sobreviver ao caos que se instauraria? Pois, caso você tenha por volta de US$ 3 milhões dando sopa, é possível comprar um espacinho em um condomínio de luxo à prova do “Fim do Mundo”! Que tal?


De acordo com Liz Moyer do The Wall Street Journal, o primeiro complexo desse tipo foi construído próximo à cidade de Concórdia, no Kansas, e o sucesso foi tão grande que, depois do lançamento em dezembro de 2012, todos os apartamentos foram vendidos em um ano. Atualmente, mais um condomínio está sendo construído, e existe a possibilidade de que mais unidades sejam lançadas no Texas e em outros estados.

Antiapocalipse



Os complexos são construídos em antigos silos para mísseis nucleares capazes de suportar o ataque direto de bombas nucleares. Essas estruturas contam com mais de 50 metros de profundidade e 15 metros de largura, e cada pavimento possui uma área útil de aproximadamente 170 metros quadrados — oferecendo a possibilidade de que apenas um apartamento ocupe todo o andar ou que a área seja divida em duas unidades.



Para que os ocupantes se sintam menos claustrofóbicos, os apartamentos contam com 2,74 metros, iluminação que imita a luz natural e, no lugar de janelas, as unidades possuem telas de vídeo que exibem desde paisagens naturais a cenários urbanos — à escolha do morador. Além disso, o complexo oferece spa, biblioteca, loja de conveniência, teatro, salas de aula, academia, dependências médicas e permite que os moradores possam ter animais de estimação.

Autossuficiente



No nível térreo, os condomínios podem ser selados por meio de duas portas blindadas pesando mais de 720 quilos cada uma, e os complexos contam com estruturas sofisticadas para o tratamento de água e purificação do ar, câmeras de segurança internas e externas, uma avançada rede de computadores de última tecnologia e vários geradores alternativos de energia.



E mais: os condomínios contam com sistemas de aquicultura e alguns alimentos poderão ser cultivados localmente através de hortas hidropônicas, existindo um estoque de comidas desidratadas e congeladas suficiente para manter os residentes bem alimentados durante 5 anos. Os desenvolvedores inclusive criaram um espaço para abrigar ocupantes problemáticos.

Empreendimento focado no medo



Chamado Survival Condo, cada complexo pode acomodar até 75 pessoas e, além dos confortáveis apartamentos e demais facilidades, em caso de emergência, o condomínio ainda oferece transporte blindado aos proprietários do aeroporto — ou de qualquer local dentro de um perímetro de 645 quilômetros —, assim como serviço armado de “portaria”.



Um dos compradores — um empresário do ramo de tabaco que não quis ser identificado — pagou US$ 12 milhões (perto de R$ 32 milhões) por quatro andares completos. Segundo os desenvolvedores, a ideia era ter espaço suficiente para acomodar a família inteira e uns amigos no caso de que o apocalipse aconteça. O empresário também contratou um decorador para enfeitar os apartamentos com mais janelas, lareiras e mobília requintada.



Empreendimentos desse tipo estão focados em cidadãos endinheirados que se sentem ameaçados. Segundo os desenvolvedores, essa fatia de mercado cresceu bastante nos últimos anos — especialmente depois dos ataques terroristas de 11 de setembro em 2001 —, e o medo pela segurança vem sendo alimentado pela ameaça de epidemias mortais, pelo fortalecimento do Estado Islâmico do Iraque e do Levante e pela crise econômica mundial.

Fonte: http://online.wsj.com/articles/for-sale-renovated-luxury-condo-can-survive-nuclear-attack-1415575922

Comente no Facebook